História Amizade pode virar amor?! - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Totalmente Demais
Personagens Personagens Originais
Tags Ficção, Humbertomartins, Pasmartins, Viviannepasmanter
Visualizações 56
Palavras 1.398
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Necrofilia, Nudez, Self Inserction
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 22 - Hot!!!


Ela acordou primeiro, antes de tudo ela queria acordar ele 

V: Ei acorda, não quero ficar sozinha 
H: Hum... que foi (Abre os olhos) 
V: Não quero ficar sozinha (senta em cima dele) 
H: Você não vai ficar sozinha (Acaricia os cabelos Dela) 
V: Promete?
H: Sim, quero que saiba que eu nunca vou deixar você 
V: Nem eu vou deixar você (Abraça ele)
H: Meu grudinho (Da um beijo na testa Dela) 
V: Não quer um na boca? Ah deve estar com nojo, porque ainda não escovei os dentes 
H: Claro que não sua besta(Ele puxa ela pra mais perto e dá um beijo de tirar o fôlego)
V: Hum que beijo maravilhoso (morde a boca dele) 
H: Eu beijo muito bem 
V: Como sabe? 
H: Já me disseram (Sorri)
V: Espero que tenha sido só eu 
H: Além de baixinha, anã de jardim, palitinho, bravinha, manhosa, dramática ainda é ciumentinha (Fala rindo) 
V: Você é muito besta, e eu não sou anã (Sai de cima dele e cruza os braços) 
H: Ah que biquinho fofo (Da um selinho nela) 
V: Porque usa tudo no diminutivo, quando se refere a mim? 
H: Porque você é anã 
V: Caramba eu não sou 
H: Não é? 
V: Não sou 
H: E às vezes que eu tive que pegar as coisas no armário pra você? Quando você usa o seu banquinho pra tudo, ah e na piscina fica na ponta dos pés 
V: Eu te odeio idiota 
H: Mentira eu sei que você me ama (Empurra ela, assim ficando por cima Dela) 
V: Hum que bruto (Sorri) 
H: Me odeia né? 
V: Uhum 
H: Vou fazer você me amar, agora mesmo 
V: Gosto disso (Se mexe) 
H: Mas vai ter regras 
V: Regras? 
H: Sim regras 
V: Não vai judiar né 
H: Não vou não 
V: Obrigada 
H: Vamos lá... Primeira regra: Não pode se mexer.... Segunda regra: Sem gemer
V: Eu não vou conseguir, não consigo não gemer 
H: Xiu....terceira regra: Não pode falar 
V: Hum
H: Falei o que? (coloca a mão a boca dela) 

P.o.V Humberto: Estava adorando tudo aquilo e sei que ela também, eu fiquei por cima Dela mas com cuidado, comecei a despir ela, eu escutei um gemido baixo mas não briguei com ela,por fim ela estava nua, passei minhas mãos na barriga dela e senti ela se arrepiar 

H: Bem arrepiada, sinal que seu corpo já conhece os meus toques
V: H... 
H: Eu vou parar, você quer isso? (olha pra ela que faz sinal com a cabeça)
H: Achei que queria 

P.o.v Vivianne: Ele subiu em cima de mim e me beijou com vontade, ele foi tirando minha roupa, fiquei completamente nua eu senti a mão gelada dele percorrendo pela minha barriga, na hora eu me arrepiei, ele tinha esse poder, ele olhou pra mim e sorriu maliciosamente, senti a mão dele subindo na direção de meus seios, ele começou a massagear e eu mordi a boca, ele olhava pra mim e sorria e aquilo me deixava mais excitada, ele parou e desceu eu já sabia o que ela pretendia fazer, ele começou a fazer um trilha de beijos pelo meu corpo, chegando na minha coxa ele dá uma mordida, estava com os olhos fechados por conta do prazer, eu senti ele passando a mão em meu clitoris, ele começou a fazer movimentos circulares, na hora eu fechei as pernas 

H: Ei ei, tem que ser uma boa menina 
H: Se não for uma boa menina 
H: Isso tudo vai acabar 
H: Está bem molhada em (Passa o dedo na intimidade Dela) 

Enquanto ele estava falando eu senti um dedo adentrando minha intimidade, eu não consegui me controlar e soltei um gemido 

H: Eu não falei que podia gemer (Ele tira o dedo) 
V: N...ão por fav...or (Segura na mão dele) 
H: Quer mais é? 
V: Uhum (Fala enquanto rebolava no dedo dele) 
H: Eu vou deixar você gemer Ta 
V: Xiu... (Coloca o dedo na boca dele) 

Ele então enfiou o dedo de novo, eu ainda não estava satisfeita então pedi por mais, ele enfiou mais um dedo, eu estava amando aquilo,era um prazer enorme, ele tirava e enfiava o dedo dentro de mim, depois de um tempo eu não consigo segurar e acabo gozando, ele olhou pra mim com um olhar malicioso, abaixou um pouco e ficou na direção de minha intimidade, minha respiração estava bem ofegante, eu senti a língua dele quente, na hora me joguei pra trás, ele continuou fazendo aquilo, quando eu senti ele estava enfiando a língua dele, eu gemia de tanto prazer, estava apertando o lençol, depois de um tempo assim ele parou, subiu até minha boca e me deu um beijo 

H: Você é gostosa (Beija ela) 
V: Hum.. 
H: Que beijo mais estranho 

Ele subiu até minha boca e me deu um beijo, logo em seguida me deu outro só que dessa vez foi um beijo de língua

V: Agora é minha vez 
H: Consegue sair daqui? (Olha pra ela e ri) 
V: Besta (Sorri) 
H: Só porque eu sou um namorado bom, eu vou sair (Sai de cima Dela) 
V: Gostoso (Fica por cima dele) 
H: Hum, nunca me chamou assim 
V: Já chamei sim, mas você não percebeu (Da um chupão no pescoço dele) 
H: Vivianne que isso 
V: Queria deixar minha marca em você 
H: Se eu faço isso com você, só falta me bater 
V: Claro (Rebola no colo dele) 
H: Essa sua provocação me deixa louco (segura na cintura Dela) 
V: Eu sei que deixa (Se levanta e tira a calça dele).....(Ele já estava sem blusa) 
H: Não vai judiar? 
V: Não sei (Passa a mão no membro dele) 

Eu passei a mão no membro dele e escutei um gemido, logo enfiei minha mão por dentro da cueca dele, apertei o membro dele e sorri maliciosa 

V: Está do jeito que eu gosto (Acaba de tirar a cueca dele) 
H: Humm..vivia...nne 
V: Que foi, nem fiz nada (Manda ele sentar) 
H: Você não vai fazer isso né (Senta na beira da cama como ela havia pedido) 

Eu mandei ele sentar na beira da cama e me ajoelhei no chão, comecei a masturbar ele e depois de um tempo comecei a lamber a cabecinha do membro dele e logo abocanhei com vontade, fiquei fazendo movimentos de vai e vem com muita mestria, depois de um tempo ele gozou... Me levantei e sentei no colo dele, comecei a calvagar, ele estava segurando na minha cintura 

V: Hum...nossa (Geme) 
H: Ama me torturar assim (Aperta ela) 
V: Eu amo é sentar (Sorri maliciosa)
H: Então pode sentar a vontade 
V: Cala a boca 

Continuei calvagando, ele me apertava e eu sentava com mais força, depois de um tempo veio o primeiro orgasmo dele, sai de cima dele ofegante, ele me deitou na cama, e penetrou fundo, na hora eu gritei 

V: Porraaa....Aii Humberto, tem problema?
H: Desculpa me empolguei 
V: Sempre né 
H: Quer que eu pare? 
V: Na..não 

Eu senti ele entrando dentro de mim, aquela sensação era gostosa demais, ele penetrava com calma, eu pedi por mais e ele aumentou a velocidade, ele fazia movimentos de vai e vem, eu estava gemendo bastante, comecei arranhar as costas dele

V: HUMBERTO... Hummmm (Revira os olhos) 
H: Gosta né (penetra fundo)
V: Aiii de novo Humberto, você tem problema só pode 
H: Ah me desculpa (Diminui a velocidade) 
V: Vai se fu*** 
H: Porque isso agora? 
V: Hum...cala...a boquinha 

P.o.v Humberto: Depois de tantas provocações, ela sentou no meu colo, depois de um tempo fiquei por cima Dela e comandei tudo, penetrava fundo e rápido, dei vários chupões pelo corpo dela acabei esquecendo que ela não gostava mas ela não reclamou, depois de algumas horas paramos cansados 

V: UAU (Respira ofegante) 
H: Conseguimos bater o recorde 
V: Sim, quantos orgasmos?
H: Perdi a conta 
V: Vou te contar uma coisa, uma vez eu fui pra cama com um, e não tive nenhum (Fala rindo) 
H: Vai ficar me falando se teve ou não orgasmo com outro homem
V: Ah só queria contar
H: Te amo sabia? 
V: Uhum sabia, eu também te amo 
H: Foi tudo muito maravilhoso 
V: Como assim foi? Acha que acabou, inocente (sobe em cima dele) 

Ela subiu em cima dele e lá eles continuaram... depois de horas pararam... dormiram juntinhos... já era 21:40 quando eles acordaram...


Notas Finais


Não sou muito boa em escrever hot mas vamos lá


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...