História Amo de verdade alguém de mentira. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Alfas, Betas, Jikook, Namjin, Ômega, Taegi, Taeyoonseok, Vhope, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 23
Palavras 1.344
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


◇ Oie filhos então. To no prazo ainda!

◇ O próximo capítulo será postado sexta feira. Me esperem lá :3

◇ Boa leitura!

Capítulo 3 - Ele nunca teve


Algumas horas depois, todos esperavam ansiosos pela chegada do amigo de Jin.

Jungkook estava mexendo no celular, para tentar esquecer a presença do rosado

Que vamos concordar; era uma missão quase impossível.

A campainha toca e Jin vai atende-la.

- Jin Senpai!- Abraçou o amigo mais velho

- Hoseok! Quanto tempo!- Sorriu

Hoseok era um beta, sempre muito comunicativo e alegre.

- Estava com saudades!- Hoseok afastou o abraço – Você não mudou nada dês da última vez

Jin riu dando espaço para o moreno entrar

- Gente esse e o Hoseok!- Falou Jin animado

- Prazer – Disse se curvando

- Prazer só na cama gato – Falou Yoongi deixando o beta corado.

- Tu deixou o garoto envergonhado!- Tae bateu no ombro do namorado

- Eu tenho culpa dele ser lindo pra um senhor caralho?- Disse o pálido

Tae riu



◇    [...]     ◇



A tarde havia cido calma, cheias de brincadeiras, até Jimin havia se enturmado com os garotos, mesmo ainda envergonhado pelo ocorrido

Jungkook foi deixar Jimin em casa junto com Namjoon e todos foram para casa depois disso.

Menos Tae, que foi dormir na casa de Yoongi

- Pela mor de Deus o Hoseok e um Deus grego- Disse Yoongi se sentando no sofá

- Se você continuar falando assim eu vou ficar com ciúmes. – Taehyung falou enquanto deixava sua mochila no canto do sofá.

Yoongi sorriu batendo em suas coxas. E Tae sentou em seu colo

- Ele é lindo, muito lindo, mas você é mais – Sorriu enquanto pegava na cabeça de Tae.

Tae sorriu

- É se nos fizéssemos uma aposta?- Perguntou Taehyung com um sorriso cheio de segundas intenções

- Que tipo de aposta?

- Quem conseguir ficar com o Hoseok primeiro ganha.- Disse o castanho

- Mas nós estamos namorando – Respondeu o pálido preocupado

- Não mais.

- Você é horrível quando quer algo.- Yoongi beijou Tae

- E eu quero o Hoseok tanto quanto você.



◇    [...]    ◇



- Tae?- Chamou Yoongi.

Tae se deitava na cama quando foi interrompido pelo mais velho

- O que foi?

- Sobre o Jungkook. O que exatamente você viu? – O pálido se deitou na cama com a barriga pra baixo

- Quando ele me puxou para o banheiro, eu primeiro achei que fosse apenas impressão. Mas quando eu olhei no fundo dos seus olhos eu vi. Ele com certeza libertou o espírito lobo. Não há dúvidas disso- Disse

- Você acha que foi aquele garoto...Como era mesmo seu nome?- Começou a estalar os dedos como se isso fosse o ajudar a lembrar de algo – Jimin!

- Pode ter cido, o espírito lobo de um alfa não se liberta com facilidade, eles devem ter alguma ligação, pois se o nome do Jimin real e a Jimin dos sonhos do Jungkook fossem apenas coincidência. Eu tenho certeza que ele não estaria com os olhos azuis – Suspirou ao terminar de falar

- Têm razão. Você poderia me explicar melhor essa situação- Pediu o pálido

- Claro! Mas hoje não, eu estou cansado e amanhã temos aula – Apagou as luzes se deitando – Boa noite Suga

- Não me chame assim! E constrangedor- Repreendeu o mais novo

Tae sorriu e não demorou muito para eles pegarem no sono



◇   [...]   ◇



- Ah! Para! Pela mor de Deus vocês estão influenciando o garoto!- Disse Jin ao ver Yoongi e Tae riscando a lousa do professor

- Ah deixa de ser tão certinho Jin! – Reclamou Yoongi continuando a riscar a lousa

Hoseok ria da situação

- É melhor a gente vazar, ou vão pegar a gente- Disse Namjoon chamando atenção de todos.

Tae largou o piloto o colocando de volta na gaveta e Yoongi fez o mesmo e logo todos se retiraram dali indo discretamente para o refeitório aonde todos os alunos se encontravam já que a campa não havia tocado ainda

Jungkook ia em direção a eles

- Oie – Cumprimentou seus Hyungs sem nenhuma expressão no rosto.

Seus hyungs o cumprimentaram de volta, e então ficaram conversando até a campa tocar.

Eles estavam ferrados e sabiam disso.



◇   [...]    ◇



“Chupa meu pau caralho”

“professor escroto do cassete”

“algum dia eu boto fogo nessa escola”

E outras coisas do tipo, foram escritas no quadro.

O professor não estava nenhum pouco contente com quem havia feito isso, e por causa disso, havia castigado a turma toda a mais 1 hora de aula durante a semana

Mas por sorte, ele não descobriu os culpados.

Para Jungkook uma hora de aula a mais ou a menos , não fazia diferença.

Ele não queria estar ali, ele só queria poder ficar em casa e nunca mais sair.

Ou quem sabe voltar para o útero da sua mãe. Ele acha que aqueles foram os únicos momentos de paz, que ele teve durante a vida.

Mas por algum motivo;

Ele sentia um cheiro muito agradável vindo da sala á frente.

Jungkook conhecia aquele cheiro mais ao mesmo tempo era tão diferente e novo.

Por algum motivo ele não havia sonhado com a garota durante a madrugada o que fez o mais novo acordar com um mal humor tremendo

- JUNGKOOK!- Gritou o professor chamando a atenção do mais novo

Acordando de seus pensamentos olhou sem expressão nenhuma no rosto

- Sim?

- Você deve ler o parágrafo 4 da pagina 56 – Disse o professor ajeitando o óculos

Jungkook nada disse se levantando e começado a ler



◇   [...]   ◇



A aula havia acabado e todos os alunos haviam se retirado

- Jungkook, você vem almoçar com a gente?- Perguntou Tae

- Não, vou para casa – Disse saindo de perto dos amigos

Taehyung suspirou pesado

O moreno sentia tédio de ficar comendo e ter que ficar rindo das piadas sem graças do Jin. Jungkook achava sua vida um tédio.

Ele não tinha propósito.

Na verdade ele nunca teve

Jungkook nunca gostou de sua família, por isso passa metade de seu dia no trabalho de meio período e do volta para casa anoite

O mais novo balançou a cabeça na esperança de se livrar dos pensamentos do seu passado.

Um cheiro agradável era vindo da sala do 3° ano A

A escola de Jungkook classificava as notas por sala, quem tinham as melhores notas ia para o 3° A, notas médias o B, piores notas o C.

Jungkook se encontrava na sala B junto com seus amigos.

Ao abrir lentamente a porta do 3° ano A.

Ele encontrou Jimin escrevendo em seu caderno, iluminado pela luz do sol.

Seu coração disparou, sua respiração acelerou.

Jimin olhou para o mais novo confuso

- Olá – Sorriu amigável

- O-Olá – Suspirou tentando acalmar seu coração que parecia querer sair

- Eu não sabia que você estudava aqui – riu meio sem graça guardando suas coisas se levantando indo em direção ao mais novo

- Estamos em salas diferentes, você não deve nem se importar com a presença das outras pessoas – Disse friamente

- Hey! Claro que eu me importo se não me importasse já teria saído daqui ignorando você, e a sua existência – Respondeu inflando as bochechas

O mais novo apenas revirou os olhos

- Eu só queria confirmar algo – olhou no fundo dos olhos do mais velho – Você tem um cheiro...Um tanto pelicular

- Com- Foi interrompido

Jungkook pegou Jimin pelo pulso encostando a ponta do nariz no pescoço do mais velho aspirando seu cheiro

Ou como dizia Jungkook:

Seu maldito cheiro.

Soltou o rosado, saindo da sala.

Jimin estava com as bochechas coradas e com o coração disparado.

Jungkook estava nervoso, mas não demonstrava

- Você ainda está no cio, não devia estar na escola, seu cheiro está mais fraco que o normal, daqui alguns minutos você estará se contorcendo de dor – Disse Jungkook – Você é um ômega deveria tomar cuidado, alfas não são confiáveis, se eu quisesse já teria te estrupada aqui mesmo

- Aquela foi minha primeira vez no cio...- Falou o mais velho em um tom envergonhado

- Ah sim...Betas. - Revirou os olhos sem paciência

Jimin sentiu seu coração apertar

- Eu preciso ir...- Saiu dali

Jungkook suspirou

- Porque logo você?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...