História Amor à primeira confusão. - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 45
Palavras 558
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiin pessoas queridas do meu kokoro!
Sétimo capítulo da fic. Espero que gostem. Boa leitura!
Com amor,
J-Lee.

Capítulo 7 - A Maldita.


Fanfic / Fanfiction Amor à primeira confusão. - Capítulo 7 - A Maldita.

- Você está linda me copiando. - ele se aproxima de mim e me dá um selinho.

Jéssica fica boquiaberta ao ver nós dois. Ela me puxa e me leva para um canto.

- Desde quando você tem um par para o baile e ainda por cima é seu ficante! Como não me contou antes?! - tagarela Jéssica.

- Eu não sei como isso aconteceu! Só sei que ele mexeu comigo de um jeito que eu não consigo explicar. - olho para ele, o mesmo está me encarando. Mando um beijo para Tae e ele sorri. Aquele sorriso. Que faz o meu coração acelerar.

- Então agarra ele, amiga! Ele é um gato! - ela me cutuca com o cotovelo. 

- Tira o olho! - sorrio e vou na direção de Taehyung, que sorri para mim. 

Ele ergue o braço para que eu me juntasse a ele para tirarmos a foto do casal.

- Novo casal? Tô shippando! - fala a garota que tira as fotos. Olhamos um para o outro e sorrimos. 

Entramos na festa e vimos várias pessoas dançando, ficando, conversando e comendo.

- TAE! - escutamos Fred - Cola aqui. - ele faz um gesto com a mão chamando Taehyung.

- Vai lá. Eu vou conversar com as minhas amigas. - digo para ele.

- Okay, amor! - AAAAAAAH ELE ME CHAMOU DE AMOR! JEOVÁ ME LEVA!  Tae me beija e vai na direção do Fred.

Não demorou muito e eu já encontro as meninas. Ficamos muito tempo conversando até que a diretora sobe no palco e pega um microfone.

- E ai, galera? Estão gostando? - Ela pergunta animada. Nós começamos a gritar e assoviar em resposta - Que bom que estão gostando! Bem... como já se passaram 2 horas desde o começo da festa, e eu resolvi falar quem é o rei e quem é a rainha do baile.

Todos se agitaram de curiosidade para saber quem era. Eu não queria saber quem era. Não me importo com essas coisas.

- Bom... - continua a diretora - Já que vocês estão pedindo... E o rei do baile da escola é... - Ela enrola um pouco para falar - KIM TAEHYUNG! 

O QUE??? MEU DEUS! QUE ÓTIMO! Tae sobe em cima do palco e é coroado. Todos gritam seu nome e da um sorriso quadrado.

- E a rainha do baile da escola é... - enrola mais uma vez - CLARISSE ALMEIDA!

Minha inimiga desde os 10 anos de idade. Nós nos odiamos e é nada irá mudar isso.

Ela sobe no palco e é coroada. Finge estar emocionada e abraça Tae para servir de consolo. Antes que eu subisse em cima daquele palco e arrebentasse ela, Tae começa a sair do palco mas é detido pela diretora. 

- Onde vc vai, moçinho? Ainda falta a valsa do rei e da rainha! - começou a tocar uma música lenta e todos deixaram o meio da pista vazio para eles dançarem à vontade.

Eles dançaram a música toda e eu já estava tendo um ataque de raiva. No final da música, Clarisse dá um beijo na boca de Taehyung  e ele retribuiu. Perdi meu chão ao ver aquilo. Quase cai, mas alguém me segura.

Maldita Clarisse que sempre quis tudo o que era meu. Maldita hora que eu fui me apaixonar por um garoto que me traiu na minha frente. Maldita vendedora velha que juntou nossas vidas. Maldita vida que eu tenho.


 


Notas Finais


Querem que eu continue, gente?
Comentem.
Com muito carinho,
J-Lee.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...