História Amor à vista - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Rolu, Stincy
Exibições 258
Palavras 897
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fantasia, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Eu gosto de suspense


Fanfic / Fanfiction Amor à vista - Capítulo 11 - Eu gosto de suspense

#11

Antes que o Skia dissesse algo apareceu atrás de mim uma linda mulher baixinha de cabelos brancos acinzentados compridos , os seus olhos era azuis claros, tinha um corpo bastante desenvolvido para o seu tamanho. E eu achei que ela fosse super fofinha.

- Olá Lucy-san eu sou Néfin, dragoa das nuvens. Eu irei-te ensinar tudo o que puder. E eu sei que serás melhor que a Lexis.

- Como?

- Bom, a Néfin pode ver a alma através da pessoas, tipo se ela é boa ou má. – Explicou Skia atrás de mim.

- Isso mesmo. Se esse ai me tivesse deixado explicar eu teria te dito.

- Não faz mal.

- Adeus Skia, eu tenho que conversar com a Lu.

E carrancudo, depois de um abraço foi-se embora.

- Bom senta-te. – E eu o fiz. – O nosso treinamento não será fácil mas tenho a certeza que conseguirás pois tu já tens muita magia DS dentro de ti.

- Sim, é muito boa esta sensação.

- Ainda bem, bom eu falei com Harmony e ela contou-me que tu irias procurar os seus filhos e traze-los para casa.

- Sim, o que a Lexi vos fez foi um injustiça, ela é má e cruel.

- Bom, Lucy. Eu tenho duas meninas e um menino, Jaqueline e Alice e Sting. – Sting? O Parceiro do Rogue. O tigre da Saber. – Sting tem a magia do pai, Jaqueline tem a minha porem Alice nasceu com as duas magias. Ela é muito forte. Quando eles se separaram de nós eu criei uma ligação entre nós para saber se eles continuavam na luz e se estavam vivos, mas algum tempo atrás a ligação com Alice está a ficar fraca.

- Eu vou procura-la. Não te preocupes. Em breve a terás novamente nos teus braços.

Promessas era tudo o que eu podia fazer naquela altura.

 

Makarov Pov

Cheguei passado dez minutos ao hotel onde supostamente os ex tigres estavam hospedados.

- Boa noite, senhor Makarov. Precisa de alguma coisa? – A rececionosta do hotel atendeu-me. Toda a gente nos conhecia em Magnolia, eramos da maior guilda e mais forte de Fiore.

- Queria saber em que quarto estão Sting Eucliffe e Rogue Cheney.

E a jovenzita procurou na sua base de dados. – Bom senhor estão no quarto 456. Pegue estas escadas e vá para o quarto piso.

Despedi-me com um aceno e subi as escadas, degrau a degrau, devagar. Afinal não tinha pressa.

Logo cheguei ao quarto indicado, e bati duas vezes a porta. Foi o Sting que me atendeu.

- Mestre Makarov? – O loiro estava incrédulo com a minha presença.

- Sting Eucliffe podemos falar? Gostaria que o Rogue Cheney também estivesse presente.

Ele assentiu ainda em choque e deixou-me entrar. Sem saber o motivo da minha visita e eu também só falaria no momento certo.

Afinal eu gostava muito de fazer suspense.

 

Lucy Pov

O meu treinamento com Néfin finalmente acabou, apenas falta chamar as guardiãs. Eu adorei esta semana na companhia da dragoa das nuvens foi muito divertida. Mas de um certo modo sentia saudades de casa.

- Bom Lu, já estamos a terminar. Antes de passares para o meu marido, deixa-me apresentar as tuas quatro guardiãs. – Néfin entregou-me quatro chaves brancas.

- Abra-te portão da espia das nuvens, Eira. – Apareceu uma moça que parecia jovem de cabelos brancos compridos e olhos azuis, do mesmo tom que os de Néfin.

- Hmm,... sou Eira. Lucy por favor chame-me para tudo o que precisar.

- Es boa em que?

- em analisar e encontrar objetos e pessoas às distancia. Por favor chame-me sempre que necessitar.

E desapareceu.

- Eira sempre foi muito complicada, pode estar sempre muito sorridente, mas as vezes o seu sorriso engana.

- abra- te portão da neko das nuvens, Nifta. – Apareceu uma jovem de cabelos acinzentados compridos e olhos meio arroxeados. Ela usava roupa quente e tinha duas orelhas de gato no cimo da cabeça.

- Bom, muito prazer. Sou Nifta. A neko da nuvens.

- Olá Nifta, sou Lucy.

- Lucy, eu sou especialista em muitas coisas, sei cozinhar, cuidar de crianças e lutar corpo a corpo e sou muito veloz. Chama-me quando precisares. Eu ás vezes gosto de forçar o portão.

- Nao faz mal já estou habituada.

E desapareceu.

- Abra-te portão da Estrategista das nuvens, Elfa. – Apareceu uma moça de cabelos curtos azuis esbranquiçados que usava um vestido verde tropa pelos joelhos.

- Sou Elfa e amo lutar com espadas. Sendo daí o meu poder. Por favor chama-me.

E desapareceu.

- Elas gostam de ajudar, Lu.

- Abra-te portão das gémeas das nuvens, Gena e Gefa. – Apareceram duas meninas de mãos dadas, uma de cabelos castanhos e olhos dourados e outra de cabelos brancos e olhos azuis. Ambas possuíam uma beleza enorme. E a sua beleza era tão grande como a quantidade de magia.

- Olá Lucy, sou Gena. Sou irmã gémea de Gefa, mesmo que o nosso cabelo seja diferente nós nos completamos uma à outra. Sem a Gefa eu não poderei viver.

- Isso mesmo. E os nossos poderes completam-se. Por isso chama-nos em breve e nós te mostraremos o que sabemos fazer.

E assim foram se embora.

- Elas são as mais fortes. – Falou Né. – Vou sentir saudades chama-me quando quiseres.

- Eu também. – Abraçamo-nos.

- Meninas gosto muito de momentos lindos, mas está na hora de a Lucy treinar comigo. 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...