História Amor artificial - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jikook
Exibições 21
Palavras 1.710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ooi gente, só queria avisar que eu vou tentar postar um cap por dia, e n demorar tanto pq eu sei como é chato, só isso, boa leitura♡

Capítulo 3 - Desculpa qualquer


- Jimin.- O pequeno gelou no mesmo momento, sabia que não ia adiantar em nada tentar sair dali.


- Hope pode ir indo, eu ja vou.- Disse Jimin ao amigo que apenas assentiu e foi em direção a sala, Jimin respirou fundo e se virou para Jungkook, o encarando.


- Oque você quer?- Jimin perguntou impaciente, não gostava de ficar perto de Jungkook, não estava acostumado com isso, alem de todas as ofenças e grosserias.


- Falar com você.- Disse Jungkook indo em direção a um banco perto do local, onde os dois se sentam.


- Pode começar.- Fala Jimin olhando para suas mãos pequenas, e mexendo com seus aneis, uma mania.


- Me desculpa, sei que sempre te tratei mal e eu sinto muito.- Diz Jungkook encarando Jimin.


 - Jungkook você acha que é facil assim? simplismente vir aqui e me pedir desculpas depois de tudo oque fez pra mim durante anos? você sempre foi grosso, estupido e arrogante comigo, eu nunca fiz nada de mal pra você, nunca te atrapalhei ou ate te irritei, quando eu mais precisava de você, logo depois da morte dos meus pais biologicos, você deu as costas pra mim quando eu mais precisava de um ombro amigo, você nunca me falou o motivo de ser assim comigo, e agora simplismente vem aqui achando que pedir desculpas vai resolver tudo? eu sei e o appa e a omma te mandaram vir aqui pra ficar um clima melhor entre nos, mas pode ter certeza que não vai ficar bem, na frente deles vamos agir como se fossemos realmente irmãos que gostam e protegem um ao outro, mas longe deles, não mudou nada, pra mim você ainda continua sendo uma pessoa que não se importa com os outros e me abandonou, então Jungkook, fassa alguma coisa melhor do que me pedir desculpas.


   Jimin apenas se levantou, pegou sua mochila e saiu, não falando mais nada, durante o caminho lembrou de tudo oque aconteceu, seus olhos se encheram de lagrimas, ele não podia chorar, não ali, não agora, caminhou ate a sala e se sentou ao lado de Hoseok.


- Você ta bem?- Perguntou Hoseok, sabia que o amigo teria um clima tenso em casa a partir desse dia.


- Não sei.- Respondeu frustrado.


    Ja na cabeça de Jungkook, aquelas palavras que sairam dos labios cheinhos de Jimin fizeram total sentido, depois de ter ouvido tudo oque o menor sentia, o maior sentiu uma dor no peito, não estar ao lado de Jimin quando ele mais precisava, sempre ter sido grosso e arrogante, aquelas palavras rodeavam a cabeça de Jeon, exatamente oque Jimin quisera que acontecesse, ele apenas afastou seus pensamentos e foi em direção da sua sala, tentando prestar atenção na aula, oque foi inutil,ja que seus pensamentos estavam concentrados no pequeno.


   Jimin estava nervoso, por mais que Jungkook merecesse todo aquele sermão ficou pensando se foi muito duro, o mesmo fazia desenhos em seu caderno, aleatorios, e escrevia frases, ate trechos de musicas. Quando tocou o sinal para o intervalo Jimin andou ate a cadeira de Hoseok, que por seu azar era na frente de Jungkook.


- Vamos?- Perguntou Jimin, rezando para que o amigo se levantasse de sua cadeira para comerem, e na cabeça de Jimin o motivo principal era se afastar de Jungkook.


- Claro.- Levantou Hoseok de sua cadeira e pegando seu celular de dentro da mala.-Tchau Jeon, até mais tarde.


   Jungkook apenas assentiu positivamente, e Jimin encarava tudo atento e com um sombrancelha arqueada, não entendendo oque se passava ali.


  Depois dos dois sairem da sala deixando o maior la, Jimin não conseguia mais segura, precisava saber.


- Ta amigo dele agora?- Perguntou Jimin movendo os pés de um lado para o outro.


- To, isso te incomoda?- Falou o amigo não entendendo o nervosismo do menor.


- Muito....só....não me abandona ta?- Falou Jimin realmente triste.- Eu ja perdi os meus pais e...- Ja sentia seus olhos marejarem.- Não posso perder você tambem, é a unica coisa que me resta.


- Chim você sabe que eu nunca te trocaria e o Jungkook só me explicou a materia que eu não entendi, você não vai me perder, e seus pais estão aqui, você só não pode velos, mas eu sei que estão aqui com você nesse exato momento.- Sorrio Hoseok e puxou o menor para um abraço.


  Jimin apenas sorrio e retribuiu, o sinal do fim do intervalo toca pela escola alertando a todos que teriam que voltar para suas salas para ter o restante das aulas do dia, o menor caminhava sozinho para sua sala e Jungkook vinha um pouco atras, quando Jimin sem perceber foi puxado para uma sala que não usavam muito e jogado no chao, quando ele se acustuma com o ambiente olha para os lados e ve as pessoas que mais odiava da escola toda, Chul com seus amigos, pela escola inteira eles são conhecidos por bater nos menores que ficam normalmente em seu canto.


  Jimin olhava aquela cena assustado, de cada um deles com punhos fechados, o observando como se fosse um pedaço de carne unico no açogue.


- O que vocês querem de mim?- Disse o menor tremendo de medo.


- A Jiminzinho, eu quero fazer tantas coisas com você, te espancar, te torturar, amassar a sua carinha gorda, rasgar suas roupas e o melhor, te foder tanto ate você gritar meu nome me pedindo pra parar e gemendo de dor, só de pensar nessa sua entradinha se contorcendo quando eu gozar em você...- Sorrio Chul acariciando o rosto do menor que tentava se afastar daquelas mãos nojentas.- Amarrem ele em alguma cadeira.- Ordenou o mesmo.


  Os capangas de Chul pegaram o menor pelos braços que se debatia e tentava gritar por ajuda, lagrimas escorriam seu rosto gordinho, ele não conseguiria escapar sem ajuda, mas na cabeça do menor, nenhuma ajuda iria vir tambem.


  Amarraram Jimin com os braços atras da cadeira, e as pernas abertas, ele chorava em pensar o porque de merecer isso, tanta dor, ele nunca chegou a fazer mal a ninguem, sera mesmo que tinha que ter um destino tão cruel?


  - Jimin se você gritar, eu mato você.- Chul passou a mão pelos braços do menor indefeso, que chorava baixo na cadeira.- Não chore meu anjo, vai doer só um pouquinho ta?


  Chul tirou um canivete do bolso de seu casaco, rasgou a camisa de Jimin e fez um corte em seu abdomen, ouvindo um grunido de dor do menor, tirou as calças de Jimin que deu uma cabeçada em Chul na tentativa de se defender, o maior irritado deu socos fortes, tapas, arranhões no rosto de Jimin, fazendo o mesmo cuspir sangue, o menor sangrava pelo nariz, agora tinha um olho roxo e o outro arranhado, sua boca? totalmente machucada, cortes pelos braços e coxas, ja tinham tirado a cueca e a calça do pequeno indefeso, Chul pegou o pênis de Jimin e apertou, fazendo o mesmo dar um grito, pelo fato de ser muito sensivel em varias areas de seu corpo.


    Do outro lado do corredor passava Jeon Jungkook, se assustou a ouvir um grito, mas de alguma forma era uma voz familiar para o maior, entrou na sala para ver o que se passava no lugar, se assustou ao ver a cena, os capangas de Chul em volta rindo e incentivando a fazer mais coisas, Jimin amarrado e praticamente desacordado cheio de sangue e totalmente nu, e Chul passando as maos pelo do mesmo, prestes a tirar as calças e enfiar aquele pênis nojento na entrada rosada de Jimin.


   Jungkook sem pensar duas vezes abrio a porta fazendo um barulho estrondoso, se aproximou raivoso dos mesmos, os capangas de Chul foram embora correndo, Jungkook tinha sua certa fama na escola, mas não por ser popular ou pegador, mas sim por ser um dos mais fortes, se aproximou de Chul que o encarava com um sorriso no canto dos labios.


- Se afasta dele...agora.- Ordenou Jungkook furioso.


- Ah porque Jeon? eu queria tanto foder ele, deve ser tão apertadinho e quente, imagina gozar nele entao, ele gemendo manho...- Não deu tempo de Chul terminar suas palavras, lhe foi deferido um soco tão forte a ponto de cair no chão, Jungkook não satisfeito, apoiou suas mãos na parede e chutou barriga, membro, e rosto de Chul, ate ficar desacordado.


   Jimin estava quase desmaiando, seu corpo inteiro tremia e jorrava sangua pelos cortes fundos, Jungkook se aproximou lentamente e levantou o queixo do menor, que o encarou com a pouca força que lhe restava.

 

- Ju-jungkook?- A voz saia roca, dolorida, pelos labios gordinhos e agora maltratados de Jimin.


- Shhh...ta tudo bem agora, eu to aqui.- Disse Jungkook sorrindo, mas o menor não aguentava mais e desmaiou na cadeira.


  Jungkook desamarrou o pequeno e vestiu suas roupas de uma forma desengonçada por causa dos ferimentos, o pegou no colo e saiu andando pela escola, como os alunos não estavam nos corredores por causa das aulas, foi mais facil para Jungkook, saiu da escola com Jimin nos braços e o levou para sua casa.


   Depois de ter lhe dado um banho, e cuidado de seus ferimentos, deitou o pequeno Park em sua cama e o observou o mesmo.


 - Desculpe Jimin, me desculpe por não estar com você antes, por não ter te apoiado e protegido, me arrependo por tudo, desculpe por não ter chegado antes e impedido o que fizeram com você, mas eu prometo que não vai se repetir, eu vou estar com você.


   Jungkook saiu do quarto e foi ate a cozinha preparar algo para Jimin comer, fez um sanduíche e um suco de laranja, nada muito pesado pois o menor estava muito machucado, colocou tudo em uma mesinha de café da manha que se poe na cama e voltou ate seu quarto, chegando la Jimin estava sentado na cama, encostado na cabicera da cama.


- Oi Jimin...- Disse Jungkook colocando as comidas na mesinha ao lado da cama e se sentando ao lado de Jimin.- Esta melhor?


- Acho que sim, obrigado por me ajudar.- Sorrio o menor envergonhado.


- Eu devia ter te ajudado desde que você chegou aqui, me desculpe por isso...- Falou o maior sem jeito, não sabia como agiria de agora em diante na presença de Jimin.


- Porque fez isso?- Perguntou Jimin tombando a cabeça pro lado.


- Porque somos irmãos.- Sorriu Jungkook.




Notas Finais


me digam oq vcs acharam, e desculpe qualquer erro, bjs ate a proxima♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...