História Amor Assassino - Sua Obsessão - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Assassinato, Etc, Obsessão, Romance, Rosas, Sexo
Exibições 122
Palavras 502
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Nossa! Obrigada pelos comentários e por terem adicionado aos favoritos. Vou falar, amo vocês! Rs

Capítulo 2 - Capítulo 1


Acordei as quatro horas da manhã, com o despertador berrando no meu ouvido. - Que saco! - resmungo enquanto levanto-me. Ando até o sofá pequeno de somente dois lugares que está abarrotado de roupas. Pego uma calça jeans azul, uma regata preta, e uma sapatilha também preta. Caminhei até o banheiro e tomei um rápido banho gelado, sai do box toda arrepiada, me sequei e me vesti. Penteei meus cabelos castanhos em um rabo de cavalo bem feito e passei um pouco de maquiagem, nada muito evidente, somente o bastante para disfarçar o ar cansado. Peguei minha bolsa e fui para a faculdade.

Fiquei aérea durante as aulas, o que tem acontecido muito ultimamente. Várias vezes os professores me chamaram a atenção, eu percebia os olhares preocupados que me lançavam, mas finge não ver. Quando chegou ao fim da última aula o professor Henrique, de 39anos muito bem conservado com os cabelos grisalhos e olhos azuis, me pediu que ficasse até depois da aula ja que queria falar comigo.

" tô' ferrada ! " - pensei.

Professor Henrique explica muito bem, ele é ótimo, mas ele implica muito com os alunos, e eu já notei que ele não vai muito com a minha cara. Com ele tem que ser tudo perfeito, nada pode sair errado, se errar uma letra ele já pergunta como conseguiu chegar a faculdade?!

- Srta. Palmer? - Chama em um tom calmo, me tirando do meus devaneios.

- Sim, professor? - Respondo aguardando a bronca.

Ele suspira pesadamente e passa a mão esquerda pela cabeça puxando alguns fios e senta-se ao meu lado. - O que está acontecendo? -  Pergunta me olhando nos olhos, sua feição preocupada me pega de surpresa.

- Na- nada. - Praguejo mentalmente por ter gaguejado.

- Não tem prestado atenção nas aulas, suas as notas estão no vermelho e todos os professores notaram que você anda preocupada e cansada demais. Você dormiu na minha aula. Para uma aluna tão dedicada cair tanto, alguma coisa deve ter! - Afirmou me olhando sério. - O que está acontecendo? - Perguntou novamente.

Meus olhos encheram-se de lágrimas, lutei para não chorar mais lágrima desceu em seguida outra e outra. E quando percebi já estava soluçando e sendo abraçada pelo professor e somente naquele momento me permiti desabafar o que estava acabando comigo, literalmente.

Sai da faculdade um pouco mais leve. O professor me aconselhou a trancar a faculdade por um tempo. Como já havia perdido muito tempo, eu já não poderia visitar meu pai agora. Quem sabe quando sair da lanchonete eu não vou?!

                             ***

Passo novamente  meus olhos pelas mesas para ver se há alguém que precise de alguma coisa, mas nada. Já passa das 23 da noite e  ainda não fui para casa. E como já acabou faz muito tem o horário de visita, não irei ver meu pai hoje.

              Duas horas depois...


Notas Finais


Bjinhos com chocolate😙😘😚
Pequeno ainda, mais espero que gostem. E até a próxima!😃


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...