História Amor Bandido - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags 1 Temporada, 2 Temporada, 3° Temporada, Asaika, Cauan, Edwin, Romance, Saika, Saika V Fullbust, Sasaika, Storm
Visualizações 44
Palavras 796
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 49 - O diário da Saika


Kazuto: eu não toquei nela
Asaika: Saika! -Ela correu até a garota- está tudo bem?
Saika: estou- ela riu- o folgado aí me ajudou, Storm avançou contra mim me dando um soco na barriga
Storm: eu vou te matar
Kazuto: por ter salvado ela? Devia ter deixado ela ser estrupada? -parei o outro soco dele que vinha contra mim
Saika: ele não fez nada- ela se levantou da cama cambaleando- me acha feia?
Kazuto: não! -Storm me encarou com ódio- quer dizer, sim, muito! -a mesma não caiu no chão porque Cauan a segurou
Asaika: larga ele Storm! -Ela puxou ele- acredito nele
Storm: o que? Ele tem cara de culpado
Asaika: poruqe deduziu isso?
Storm: porque ele trouxe ela pra casa dele
Kazuto: ela não me disse onde morava, mas eu não toquei nela. Nem sabia que ela era sua filha. Veja ela tá com a mesma roupa, eu não toquei nela
Cauan: se tivesse encostado nela, eu teria arrancando o seu pescoço fora
Asaika: vamos embora Storm- ela saiu puxando o mesmo enquanto Cauan levava a garota
Bruno: amanhã na minha sala! E pro seu bem é bom que ninguém saiba de quem ela é filha! -ele falou comigo e depois saiu com os outros batendo a porta
Kazuto: era só o que me faltava arranja poblemas com o ele. Também se eu soubesse que ela é era a filha dele...-me lembrei do beijo- ela é bem doida- sorri

Kazuto off

Asaika on

Chegando em casa colocamos a Saika no quarto.

Bruno: eu vou dar um jeito pra que ele não conte nada pra ninguém
Storm: eu não sei o que fazer com essa garota!
Asaika: ah -suspirei- vocês vão ficar pra jantar?
Bruno: não, eu tenho que...celular dele tocou ele atendeu ele depois desligou- temos pista da guangue
Cauan: e ae?
Bruno: estão fazendo um racha na avenida principal, parece ser uma disputa de guangue
Storm: que imprudentes!
Cauan: você vai?
Storm: vou aliviar a tensão- ele me beijou e depois saiu
Asaika: tem algo de errado com essa garota- subi até seu quarto e vendo as coisas dela, acabei encontrando o diário dela: "As aventuras da Saika" -será que eu deveria? Não! Isso seria muita invasão de privacidade, mas não seria invasão se eu o encontrasse aberto no chão- joguei ele no chão e depois o abri -foi um acidente- peguei o mesmo e abrir, tinha coisas de adolescente, algumas coisas sobre não aceitar a vida que eu e o Storm levamos, mas achei um parte interresante- "eu vou me juntar a guangue de mafiosos do Ryuki, eu cumpri todas as etapas pra mim ser aceita, só falta mais duas, mas não sei se tenho coragem. Preciso participar de um assalto com ele e a última etapa seria me entregar pra ele. Eu gosto do Ryuki, mas como amigo, não quero me entregar pra ele. Ainda não tô pronta. Aí diário me ajuda, o Ryuki ficar alegando que como mafiosa eu vou viver muitas aventuras, mas foi a máfia que quase acabou com a minha família. Eu tô tão indecisa, o Ryuki me pressionou hoje e resolvi aceitar participar do assalto..." -parei de ler o diário- Eu vou matar aquele garoto! -guardei o diário dela

Asaika off

Storm on

Depois da ligação do Bruno sai de casa, pra aliviar a tensão. O que aconteceu com a minha Saika que batia nos garotos da escola e brigava com a mãe pra fazer o meu prato favorito ou pra dormir comigo.

Cauan: STORM!
Storm: que foi merda?
Bruno: presta atenção na estrada- Cauan que estava ao meu lado puxou o volante pois iamos bater no caminhão- em que mundo você tá cara? Quer nos matar?
Storm: apenas me distrair, não vai acontecer de novo
Cauan: se eu morrer por sua casa eu te mato
Bruno: como vai fazer isso?
Cauan: votando dos mortos -ele falou convicto e conseguimos nos aproximar do local onde acontecia o racha- reconhece alguém?
Storm: sim, os caras com a camisa de cobra já foram meus subordinados
Bruno: então vamos pega los - como não usamos viatura, usamos uma sirene que não é fixa. Peguei a mesma da cor azul e coloquei sobre o carro e saímos em direção ao racha. Assim que nos viram começaram a correr, Cauan e Bruno saíram pela janela e começaram atirar nos pneus- cada um deles foi pra um lado
Cauan: Droga!
May: precisam de reforços? -May, Larrisa e Asaika apareçam com mais três carros ao nosso lado

Cauan: okay- ele pulou pro carro da Larrisa e Bruno pro da May
Storm: você tinha que vim com outro carro?
Asaika: assim cobrimos uma área maior
Storm: cadê a Saika?
Asaika: não vamos falar dela agora, mas ela está dormindo- assenti e saímos atrás do cara


Notas Finais


Mais um cap meu povo ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...