História Amor com preconceito - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Princesinha Sofia
Visualizações 23
Palavras 602
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Magia, Mistério, Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Prontos, aqui está a parte dois.

Espero que gostem

Capítulo 5 - Nem tudo é felicidade....


Fanfic / Fanfiction Amor com preconceito - Capítulo 5 - Nem tudo é felicidade....

Cedric: Entra mas fecha os olhos

Eu fechei os olhos e entrei, e quando ele me deixou abrir vi um lindo ramo de rosas, E sim corei muito kkk

Cedric: feliz aniversário princesa sofia ♡

Sofia: obrigado senhor Cedric.

Cedric: queria te dar outra coisa mas você já tem tudo.

Sofia: (baixo) nem tudo....

Cedric: falou alguma coisa princesa?

Sofia: ahhh.... vc está pronto pro baile ?

Cedric: você tem acerteza que quer me eu seja seu par?

Sofia: nunca tive tanta certeza na minha vida...

Ficamos ambos a olhar um para o outro e decidi que era hora de me preparar para p baile.

Sofia: tenho que ir, nao se esqueça ficar pronto as 20h nas escadas.

Cedric: combinado.

Foi até o meu quarto e foi é vesti o meu vestido fiz a make e foi até ao quarto da Amber para tratar da tiara, dos sapatos e das joias

Depois de tudo pronto faltava 10 min, Estava tudo mundo lá: amigos, família, professores e reis de todos os reinos. O desespero me bateu na porta. Mas era tarde, tinha de ir de cabeça erguida.

(Narradora Vivian)

Faltava 10 minutos para todo começar, eu estava com  James, ele ultimamente estava muito diferente, era como ele me escondesse alguma coisa.

James: vou lá pra fora apanhar um ar fresco.

Vivian: Tá bom, não se esqueça da festa.

James: tá

Ele estava cada vez mais frio, nao me olha direito.... o que será que está acontecendo ? Será que ele não gosta mais de mim ?

Depois de um tempo esperando James, percebime que ele estava demorando muito e faltava apenas 5 min para Sofia chegar. Foi a procura dele, sai e foi para o jardim... nao encontrava James, até que... ouvi uns barulhos atrás de um arbustos e quando desviei as folhas para eu puder ver.... Eu vi, vi James agarrado e beijando o príncipe Zandar. O meu coração bateu mais rápido que pode e eu não conseguia controlar minha respiração.

Fiquei chocada, nao tenho palavras para descrever o que senti naquela altura, percebi que a minha vida é uma mentira, eu amava James e vi que ele não me amava.
 
Só queria matar James por me ter mentido esse tempo todo.

Corri dali a chorar e queria encontrar algo lugar para eu estar, até que encontrei uma sala.

(Narrador autor)

Vivian chorava e queria algum lugar, no fundo ela quis ter com Sofia, mas não queria atrapalhar o seu aniversário. Mas ela encontrou uma sala do castelo com quadro de retratos reais, incluindo James... Quando ela viu a cara dele estampada naquele quadro ela pegou uma espada que se encontrava numa armadura e começou a rasgar e desfigurar james na pintura. Depois de exprir sua raiva  ela olhou para aquela arma e viu seu reflexo viu que ela parecia um monstro e começou a pensar.

(Narradora Vivian)

Como alguém poderá amar-me ?
Sou feia... até James me trocou. Serei pra sempre uma aberração, todo mundo irá humilhar-me de uma forma. Se não for James... ser a outra pessoa.
Quando namorei com James pensei que a minha vida iria melhorar de alguma forma.... Mas olha o que aconteceu, isso só prova que nunca serei feliz, e que a vida sempre me irá por pra baixo.

(Narrador autor)

Assim ....Vivian pegou a arma apontou para seu peito e enfiou com toda sua força começou a gritar de dor e começou a sentir o seu coração parando usou as suas últimas forças para cantar pois seria uma forma de agreceder a música pelos momentos felizes.  depois  ficou lá.... jogada no chão sozinha e...

MORTA


Notas Finais


Talvez peguei pesado. Mas prontos...
Eu avisei que ia ter suicídio kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...