História Amor de irmãos. - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Debrah, Kentin, Leigh, Letícia, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Rosalya
Visualizações 197
Palavras 249
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 23 - "Eu to aqui..."


Castiel arregalou os olhos.

Castiel- Deu positivo?

Alicia- Não magina, hoje é primeiro de abril! Se eu tô falando é porque sim ne!- senti meus olhos se encherem de lágrimas, mas fiz de tudo pra elas não descerem.

Castiel- Hey, calma.- ele veio até mim e me sentou no sofa e logo depois sentou ao meu lado.- vai ficar tudo bem.

Alicia- não, não vai! O que os outros vão dizer?

Castiel- Desde quando você se importa com as opiniões dos outros?

Alicia-- desde sempre! O que eu vou dizer quando eu estiver com a barriga grande? "Ah, você tá grávida?" "Sim, sim, do meu irmão!"

Eu levantei e comecei a andar de um lado para o outro.

Castiel- Ali...- ele levantou.- Ali.

Eu estava nervosa, eu não sabia o que fazer.

Logo senti ele me abraçar por trás.

Neste momento eu não consegui mais me segurar, soltei as lagrimas que eu tanto segurei e chorei em desespero em seu braços.

Alicia- O que vamos dizer prós nossos famíliares?- disse em meio de soluços.

Castiel- calma, ok? Respira. A gente resolve tudo isso com calma amanhã, ok?- não disse nada, apenas confirmei com a cabeça.- vai se deitar e descansar.

Alicia- Ok.- sai de seus braços e comecei a subir as escadas.

Castiel- Ali.

Eu parei.

Alicia- Eu?

Castiel- saiba que, aconteça o que acontecer... Eu estou aqui...

Tive vontade de pular em seus bracos e dizer o quanto eu o amo, mas algo me impedia, algo me dizia que era melhor esperar...

Acenei com a cabeça e continuei a subir as escadas indo em direção ao meu quarto.


Notas Finais


Prometo que o próximo será maior e melhor ok? não me matem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...