História Amor de Verão - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?), Maria Júlia Trindade
Personagens Lukas Marques, Maria Júlia Trindade, Personagens Originais
Tags Lukas Marques, Maju Trindade
Exibições 25
Palavras 2.286
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura 💙🌚

leiam as notas finais.

Capítulo 26 - Surpresa - parte I


Fanfic / Fanfiction Amor de Verão - Capítulo 26 - Surpresa - parte I


Acordei cedo, Lukas ainda dormia, olhei para ele e fiquei um tempo admirando sua beleza, ele parecia um anjo dormindo, eu tinha sorte em tê-lo, ah como eu tinha sorte. Me levantei e fui para o banheiro tomei um banho quente e fiz minhas higiene pessoal.
Fui para o quarto que seria do baby e resolvi que enquanto ele serviria de cenário para mim, pois estava precisando gravar para o canal, peguei a câmera, o tripé, iluminação, tava tudo pronto, peguei uma cadeira e pensei em o que eu gravaria. Até que tive a ideia de fazer aquele challenge tente não rir, fui ao Twitter e pedi para mandarem vídeos engraçados para o challenge, em poucos minutos já havia vários vídeos, então dei início a gravação.

Vídeo ON 

Chegueeeeeei meus madduzinhos ,opa aqui é a Maddu trazendo mais um vídeo pra vocês. E no vídeo de hoje será um challenge, o primeiro de muitos ok? Ok, então vai ser o challenge tente não ri. Eu vou tentar não ri e fazer muito barulho porque o Lukas tá dormindo, então vamos ao primeiro 
vídeo que vocês mandaram.

POV Lukas

Acordei e passei a mão sobre a cama procurando por Maddu, e ela não estava na cama, fui ao banheiro e fiz minhas higiene pessoal, estava saindo do quarto quando ouvi o som de sua risada vindo do futuro quarto do bebê, fui caminhando bem devagarinho, abri a porta com cuidado e vi que ela estava gravando para o canal dela.
- BOM DIA MEU AMOR.- gritei para ela.
- AAAAH LUKAS, BOM DIA, AMOR TO GRAVANDO. - disse com a voz chorosa.
- Eu sei. - disse rindo dela.
- Sai daqui sai, vai.
- Ok, vou fazer o café para nós 3. - disse sorrindo
- Nós 3, o Dani não tá na Steh?
- Tá, quando eu digo nós 3 eu estou me referindo a eu, você e o Henri.
- Aaaaaaah sim, meu lindo.
- To indo.
Fechei a porta e fui para a cozinha, preparei uma badeja com frutas, pão, biscoitos e suco. Peguei a badeja e levei até o quarto onde Maria estava, ela já havia terminado de gravar.
- Olha aqui, coma tudo.
- É o pontinho tá com fome. - sorriu para mim.
- O pontinho ou a mamãe passa fome? - levei um tapa nas costas.
- Olha que papai mais sem graça pontinho.
- Sua mãe que fica colocando a culpa em você meu amor. - falei com a cabeça próxima à sua barriga.
- Não escuta o papai amor. - ela passa a mão em minha cabeça.
- Você é tão linda. - disse lhe dando um selinho.
- Não…não, tu que é, eu tenho tanta sorte Lukas.
- Na verdade tem mesmo. - ela me olhou seria.- To brincando, eu quem tenho sorte.

POV Maddu 

Depois que tomarmos café, fomos para a cozinha e lavamos toda a louça. hoje já estava completando três meses de gestação e semana que vem eu e Lukas completaríamos quatro meses de namoro, resolvi que mas tarde iria ao shopping comprar um presente para ele.
- Amor…mas tarde vou ao shopping.
- Quer que eu vá com você. - ele parecia preocupado.
- Não amor…eu vou comprar algumas roupas então vou demorar, pode ficar.
- Ok…preciso gravar vídeos, mas já sabe né, qualquer coisa me liga, se percebe algo errado não pense duas vezes me liga.
- Ok amor, amo você.
- Amo você também.
Fui até o quarto e peguei a minha bolsa e a chave do carro. Dei partida no carro em direção ao shopping, não sabia o que iria comprar para ele. Chegando no shopping resolvi comprar um quadro, onde iria colocar varias fotos nossa, comprei o quadro e depois passei em uma loja de roupas de bebê, não me aguentei e comprei outra roupinha é um ursinho de pelúcia. Depois disso fui comer comida japonesa estava morrendo de vontade, comi e fui direto para a casa está super cansada.
- Lukas…Lukas??
Cadê esse menino, será que ele tá gravando?Fui entrando em casa Daniel estava na sala, então quer dizer que eles não estavam gravando.
- Oi Dani, cadê o Lukas?
- Oi, ele saiu, não sei pra onde, assim que acabamos ele disse que tinha que comprar um negocio e saiu.
- Ah, ok, vou deitar, quando ele chegar avisa que to no quarto.
Subi para o quarto e fui arrumar as minhas coisas que ainda está  na caixa e as roupas na mala, coloquei minhas roupas no guarda-roupa, minhas outras coisas na penteadeira que eu havia trago de casa, pronto um lindo quarto de casal. Tomei um banho quente e fui dormir um pouco, vida de grávida.

POV Lukas

Assim que terminamos de gravar, tomei um banho rápido, peguei o carro e fui comprar o presente da Maria de quarto meses de namoro, eu iria enfim comprar uma aliança para oficializar o nosso namoro.
- To saindo, se a Maria pergunta diga que precisei ir comprar uma coisa. Beleza?
- Ok mano.
Peguei as chaves do carro e a carteira e fui ao shopping, iriam em outro shopping para não ter o risco de encontrar com ela, enfim cheguei no shopping e fui até a joalheria escolher a melhor e mais bonita.
- Olá, boa tarde em que posso ajudar?
- Oi, boa tarde, to procurando uma aliança de compromisso.
- E tem alguma sugestão, cor?
- Hm…tem que ser prata com ouro, não tão grande e nem pequena, média.
- Ok…que tal essa aqui.
- Hm…muito simples.
- E essa ?
- Essa talvez, hm…
- Essa daqui.
- Essa tá perfeita.
Era linda delicada, era um tamanho médio, era prata com ouro, a cara da Maria.
- Vou levar ela.
- Vai querer gravar os nomes agora.
- Sim, por favor.
- Qual seu nome e o dela?
- Lukas Marques e Maria Venturine, cola Maddu com dois "d". 
- Ok…
Comi alguma coisa e parei em uma lojinha de coisas para bebê, comprei uma roupinha que dizia " Tal pai, tal filho", depois fui direto para casa, já estava ficando tarde. Graças a Deis o trânsito estava de boa, cheguei rápido em casa, subi direto para o cenário e guardei a caixinha lá, fui para o quarto e encontrei Maria dormindo.

Flashback ON 

Jamais deixaria Maria viajar sozinha desse jeito, um louco do ex namorado atrás dela, e agora que o irmão está na uti, arrumei uma pequena mala, e fui para casa dela, correndo já que era duas ruas somente. Antes de ir mandei uma mensagem pro Dani que não estava em casa, havia dormindo na namorada.

SMS ON

Eu: Dani, fui viajar com a Maria, o irmão dela sofreu um acidente, estamos indo pra Alvorada qualquer coisa me liga irmão.

Dani: Beleza cara, boa sorte.

SMS OF

Enfim cheguei no condomínio dela, falei com o porteiro que ligou para ela liberar minha entrada, não sei pra que ligar, me viu ontem mas beleza. Subi correndo e toquei a campainha, ela abriu a porta, seu semblante era triste, olhos vermelhos por causa do choro, abracei e lhe beijei como tentativa de dizer que estava ali e que tudo ficaria bem. Peguei as malas e ela chamou o uber, assim que o uber  chegou fomos direto para o aeroporto.
Chegamos no aeroporto alguns fãs vieram tirar fotos, tiramos algumas fotos e fizemos todas as burocracias e embarcamos. Nos acomodamos nos nossos receptivos lugares e ela adormeceu. Algumas horas depois chegamos ao nosso destino, ela chamou outro uber e fomos direto para à sua antiga casa.
 Assim que chegamos uma senhora veio nos receber.
- Srta.Maria venha sua mãe lhe espera na sala, pode deixar as malas que João levará.
- Obrigada Graça.
A casa era linda, digna de uma realeza, assim que entramos ela pegou em minha mão, me levou até a sala, sua família estava toda reunida, pelo que pude notar estava o seu pai abraçado com a sua mãe, e os avós, assim que viram Maria se levantaram e a abraçaram, soltei minha mão da dela para que a mesma os abraça-se. Depois do abraço todos voltaram ao seus lugares e Maria começou a falar.
- Bom esse aqui é o Lukas, nos meio que estamos namorando.- ela pegou novamente em minha mão, e eu sorri tímido para todos.-Sua mãe veio me abraçar e disse.
- Olá, eu sou Regina mãe da Dudu, aquele é Paulo o pai dela, ali está vovó Costance e vovô Afonso. Seja bem-vindo Lukas.
- É um prazer conhecê-los.- Foi o que eu consegui falar.
- Prazer meu jovem.- o pai dela disse, eu apenas acenei com a cabeça e sorri fraco.
Depois dessa prevê apresentação, todos conversaram sobre o acontecido, comemos um lanche e subimos para o quarto.
- Lukas? - minha sogra me chamou, aí meu Deus, foi meio gay eu sei, mas to felizão com isso.
- Sra Regina?- eu disse
- Só Regina mesmo, já arrumei o quarto de hóspedes fica ao lado do de Maria, tu pode colocar suas coisas lá, sua mala tá no quarto dela. Segue o corredor segundo porta a sua direita. É o seu quarto na terceira porta a direta.
- Ok, muito obrigada.
 Fui para o quarto de Maria, e lá estava ela parada olhando para o nada. Sentei em sua cama e a abracei por trás. 
Maria estava no seu antigo ela estava sentada na cama, me sentei ao seu lado e a abracei por trás, ela se viro de frente e me o beijou calmante, o beijo foi se intensificando ela tirou minha camisa e antes de começarmos tudo ela foi trancar a porta, assim que trancou a porta e logo voltou para a cama, deitei ela calmamente na cama e fiquei por cima, tirei a sua blusa e logo após tratei de me livrar de seu sutiã, fui dando leves beijos em seu pescoço e desci até seus seios dando beijos e chupadas de leves, enquanto ela gemia abafado para ninguém além de nós ouvir, tirei a sua saia e logo em seguida a sua calcinha, sem mais delongas tirei minha calça e a cueca junto, ja peguei a camisinha e coloquei, sem demorar muito a penetrou dando leves estocadas, fui acelerando cada vez mas até que chegamos ao nosso ápice juntos, me deitei ao seu lado e a puxei para que ela se deitasse em meu peito, assim que me ela se deitou comecei a acariciar seus cabelos.
Estávamos quase dormindo quando ela se levantou e foi tomar banho para tirar todo aquele cheiro de sexo, ela vestiu seu pijama e me mostrou onde ficava as coisas, assim que estava saindo ela disse:
- Amor assim que terminar seu banho, vem pro meu quarto pra dormir comigo, por favor.
- Maria seus pais não iram reclamar?- disse para ela.
- Se eles não ficaram sabendo, não, relaxa guri, e vem logo.- ela disse com cara de sapeca.
Dito e feito, assim que terminei o banho, foi para o seu quarto, deitei junto com ela e dormimos de conchinha.

Flashback OF 

Me deitei na cama e a puxei para perto de mim. Maria se virou e me deu um selinho que por fim acabou virando o beijo, o beijo foi se intensificando ela ficou por cima de mim, eu logo tratei de me livrar de sua blusa, graças a Deus ela tava sem sutiã, inverti as posições a deixando por baixo de mim, comecei a dar beijos em seu pescoço e fui descendo até o seu peito direito, comecei a chupa-lo, depois fui descendo até a barra de seu short e fui tirando juntamente com sua calcinha a introduzi dois dedos, fazendo movimentos de vai e vem, ela tentava abafar seus gemidos, comecei a estimular sua intimidade, quando percebi que ela estava preste a liberar o seu líquido parei e subi e a beijei novamente, sem mais delongas a penetrei, com estocadas cada vez mais rápidas e forte chegamos ao nosso ápice juntos, por fim tomamos um banho juntos e depois fomos dormir.

POV Maddu 

Sonho ON

Acordei com um choro de bebê, me sentei na cama e pude observar Lukas dormindo serenamente, estávamos em seu quarto, algumas coisas haviam mudado, o guarda-roupa parecia ser outro, havia uma penteadeira com as minhas coisas, me levantei e segui o som do choro que vinha do quarto que ficava na frente do de Lukas e ao lado do cenário dele, abri a porta e adentrei a parede estava pintada de um azul marinho, com algumas âncoras desenhada, em uma parede havia prateleiras com coisas de bebê, e na outra havia um
nome escrito " Henri Lucca" seguindo o som parei próximo ao berço e me assustei pois havia um homem de costas.
- Quem é você?
- Shhhhhh, vai acorda nosso filho. - o homem se virou e sorriu.
- Feliphe…ele não é seu filho, me devolva meu filho.
- Ele é nosso filho, e eu estou levando ele para casa.
- NÃO…NAO DEIXA MEU FILHO. POR FAVOR FELIPHE...
- Eu vou volta Maria, não vou te deixar em paz, tu sabe disso.

Sonho OF 

- NÃO MEU FILHO NÃO…NAO FELIPHE...
- Maria…Calma, ele não vai fazer nada.
- Lukas…e-eu amo tanto vocês.
- Eu também amo vocês.- ele disse passando a mãe em minha barriga.
- Desculpa por isso, bah…eu não sei porque desses pesadelos.
- Calma não tem que me pedir desculpas, depois de tudo que vivemos isso não é nada. Vem cá.
Lukas me abraçou e deu um beijo em minha testa, e nos deitamos novamente, fiquei pensando porque estou tendo esses sonhos, e sempre iguais, por fim acabei pegando no sono.


Notas Finais


Comentei o que estão achando da fic.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...