História Amor Demoníaco, Ódio Angelical - Capítulo 8


Escrita por: ~, ~julianacrisan, ~Passoquiita e ~Didiyaoi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Lemon, Namjin, Surubangtan, Yaoi
Exibições 23
Palavras 1.601
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Primeiramente: Desculpa pela demora, não nos matem, imaginem que juntou um monte de desgraça em um mês só, a gente tinha as tão temidas provas finais e um bloqueio criativo do tamanho da bunda do Jimin.

Segundamente (não, essa palavra não existe, mas foda-se): Finalmente saiu o especial, então fiquem felizes e novamente não nos matem.

Capítulo 8 - Especial VKookMin de 10 favoritos


 Quando Kook e Jimin foram puxados para dentro do banheiro, viram um homem, pouca coisa mais alto que Kook.
– Garotos, o que acham de se divertir?– Perguntou o demônio com um sorriso malicioso no rosto.
– O que você disse seu demônio imundo? – Disse Jimin já ficando irritado com o demônio.
– O que foi Anjinho? – Disse o demônio chegando mais perto pondo suas mãos em cima do membro dos dois por cima da calça, e os massageando. – Não se preocupem, não vou machucar vocês. – Disse o demônio nos ouvidos dos dois. No momento que ele disse isso, rasgou a camisa do Jimin e a do Kook ao mesmo tempo.

– Q-quem você p-pensa que-e é para fazer-r isso? – Pergunta Kook entre alguns gemidos.
– Eu sou um demônio, meu querido. Mas vocês podem me chamar de Tae ou de Amo. – Disse o demônio com superioridade na voz. Ele se virou para Kook e, começou a beija-lo, e de algum modo Kook estava gostando, e Jimin estava olhando indignado. – TaeTae, como você pode fazer isso? Pensei que você me amava…
– Eu ainda te amo Jiminnie, mas é que ele é estranhamente delicioso para um humano – Disse V com um sorriso no rosto – Vem até aqui que eu mostro o meu amor por você, Jiminnie.
– E eu, você não me ama? – Disse Kook com um bico e com voz manhosa.
– Claro que te amo, aposto que o Jimin também te ama. Não é, Jimin? – Disse Tae olhando-o.

– Mas é claro Kook. – Diz Jimin e vai perto dele e começa um beijo cheio de desejo, enquanto Tae trancava a porta para ter certeza que ninguém entraria.
– Vamos nos divertir babies. – Diz Tae com um tom malicioso.
Taehyung e Jungkook começam um beijo cheio de desejo, enquanto massageava o membro de Jimin por cima da calça, fazendo o mesmo arfar. Logo depois Tae tira sua blusa e começa a lamber, chupar e morder todo o ABS de Jimin, em quanto Kook começa a dar mordidas em seu pescoço. Jimin gemia e tentava a todo custo colocar as mãos dentro das calças dos outros dois, falhando miseravelmente ao perceber que suas calças atrapalhavam a passagem de suas mãos.
– Acalme-se anjinho, hoje não estamos sozinhos, temos um convidado especial. – Disse Tae olhando para Kook com um sorriso.

– Eu sei, Tae, eu sei, mas é que eu não estou aguentando mais, eu quero logo sentir- – Jimin foi interrompido ao sentir uma mão apertar sua bunda enquanto outra apertava levemente seu membro. Logo sente que os apertos em seu membro estavam ficando mais fortes, quando viu que era Kook com vontade de algo mais – Quer enfiar a mão dentro da calça, Kookie? – Sussurrou Jimin em seu ouvido de um jeito que fez Kook se arrepiar, mas logo ele enfia a mão por dentro da calça e da box de Jimin, pondo a mão em seu membro já duro, depois Kook enfiando a mão dentro da sua calça e cueca também, e Jimin, como estava com a mãos desocupadas, decidiu enfiar a mão por dentro da calça do Tae, que no começo ficou um pouco relutante, mas acabou deixando a mão do Jimin lá mesmo e como todos não estavam mais aguentando ficar com as calças, Tae tirou a do Kook, o Kook tirou a do Jimin, e Jimin tirou a do Tae, no final já estavam todos nús e com os membros eretos. Enquanto Kook e Jimin se beijavam, Tae colocou um de seus dedos, na entrada de Jimin, e outro na entrada de Kook, logo que os dois pararam de se beijar.
– Ahhhhhh..... T-tae... co-onti-inua – disse Jimin e Kook entre alguns gemidos baixos
– Desculpa, não ouvi vocês, o que disseram? – Pergunta Tae com sarcasmo na voz, era óbvio que ele tinha ouvido mas ele queria ouvir de novo, era prazeroso para ele.
- P-or fav-vor, nós-s fo-oda A-amo... – Disseram os dois com alguns gemidos no meio, então Tae enfia mais dois dedos em cada um, e espera os dois se acostumarem, e retira seus dedos dos dois recebendo alguns resmungos de reprovação.
– Façam um show para mim meninos. – Diz Tae autoritário.

– Claro meu Amo – Diz Jimin engatinhando em direção a Kook, que só concorda com a ideia e vai engatinhando até Jimin. Alguns segundos depois Jimin sobe em cima do Kook e rebola em seu membro e começa a morder, chupar, lamber e beijar o pescoço do Kook, enquanto o mesmo lambia toda a extensão do seu corpo incluindo o seu membro, e com o tempo, começou a chupar o membro do Jimin, e arrancando alguns gemidos do mesmo, enquanto Jimin rebola ainda mais em seu membro e começa a passar a língua em todo o seu ser.
– Já está bom, isso já foi o suficiente para me deixar excitado para cacete. – Diz Tae se aproximando dos dois. – Jimin me ajude a mostrar para o Kook como nós fazemos. – Tae diz olhando fixamente nos olhos de Jimin.
– Sim, meu Amo. – Diz Jimin se abaixando e colocando as mãos e os joelhos no chão. – Kookie, por enquanto você fica só olhando, está bem? – Jungkook faz um aceno positivo com a cabeça.
– Jungkook, preste atenção, só vou poder te mostrar uma vez. – Diz Tae com a voz um pouco mais grossa que o normal. Ele então se posiciona em frente à entrada de Jimin e começa a penetrá-lo, no começo Jimin dá alguns gemidos de dor que logo se tornam gemidos de puro prazer. As estocadas de V começaram lentas, mas foram ficando mais rápidas com o tempo. Depois de algum tempo e de muitos gemidos de Jimin, Tae parou os movimentos, virou para Jungkook e disse. – Entendeu como se faz? – Jungkook acenou com a cabeça positivamente. – Ótimo, agora é sua vez, só pare quando estiver prestes a gozar e tente acertar a próstata o maior número de vezes que conseguir.
– Está bem – Jungkook se virou para Jimin que agora já estava com as costas no chão e com as pernas para cima – Está pronto, Jimin?
– Não, eu quero os dois, quero que os dois mostrem juntos o amor que sentem por mim.– No momento que Jimin diz isso, Kook e Tae olham para ele com um olhar de espanto, mas logo esse olhar se transformam em olhares maliciosos.
E Tae foi chegando perto de Jimin – Se é o que deseja anjinho. – Disse Tae no ouvido de Jimin de um jeito sexy. – Só não reclame de dor na bunda depois. – Tae então se abaixa e Jimin entrelaça suas pernas em volta da cintura e seus braços abraçam o pescoço do mesmo.
– Eu não vou ficar reclamando – Disse Jimin com um tom infantil na voz.
– Claro que não, mas pelo que eu me lembre, a última vez que ficamos você... -Tae é interrompido por Jimin.
– Não quero falar disso agora, eu te quero dentro de mim, meu Amo. – Jimin diz com voz manhosa – Vai ficar só olhando Kookie? Venha se divertir. – Jimin sorri malicioso.

Kookie então vai até os dois, dá um beijo no pescoço de Jimin e então beija Tae. O mesmo começa a penetrar Jimin, logo depois Kookie faz a mesma coisa. Para amenizar a dor, Kookie começa a masturba-lo, como todos ali não estavam a fim de muita enrolação as estocadas não começaram lentas e sim muito rápidas, Jimin e Tae começaram um beijo, este não demorou muito pois Jimin não conseguia conter os gemidos. Neste momento Jungkook achou a próstata do anjo, fazendo-o gritar, em seguida o demônio também achou seu ponto mágico e em resposta o anjo grita novamente, os outros dois passaram a acertar apenas aquele ponto. O humano não conseguiu aguentar por muito mais tempo e acabou gozando dentro de Jimin e consequentemente no pênis de Taehyung, o mesmo então agarrou sua cabeça e deu-lhe um beijo e disse:
– Isso deve ser o suficiente para que possamos continuar.
Kookie então olha para baixo e vê que seu membro está ereto novamente o que o deixou um pouco assustado e o levou a fazer uma pergunta – T- Tae c- como você c- conseguiu f- fazer isso?
– Tanto anjos quanto demônios tem o poder de transmitir diversos sentimentos através do beijo, nesse caso Tae usou o beijo para transmitir tesão e pelo visto funcionou. – Explica Jimin – Agora será que podemos continuar? – Diz impaciente.
– Claro que podemos anjinho, Kookie, vai querer continuar? – Tae diz se preparando para começar a estocar mais uma vez.
Jungkook mais uma vez começa a estocar Jimin dessa vez num ritmo mais rápido e frenético, mas logo Tae pediu para Jungkook parar. – Pare Kook, eu quero testar uma coisa – Kook para depois de atingir a próstata do Jimin mais uma vez – Jimin fica de quatro para mim. – Diz Tae com um tom autoritário, Jimin obedeceu no mesmo instante – Oque vai fazer TaeT… – Jimin nem tinha terminado a frase é já sentiu o membro do demônio dentro do seu ser. Enquanto Tae penetrava , Kook foi para frente do Jimin, e deixou seu membro na altura da boca do Jimin e o fez chupar o mesmo, em algumas chupadas Jimin quase engasga com mas nenhum dos dois liga, já que era tão prazeroso, Jimin chupa o membro de Kook mas algumas vezes e Kook, retira seu membro da boca do Jimin e agacha em direção a sua boca e o beija, e algum tempo depois Tae retira seu membro da entrada do Jimin o mesmo para o beijo com Kook e resmunga para Tae.
– Já está ficando tarde anjinho, e melhor continuarmos depois. – Quando Tae diz isso veste suas roupas e sai do banheiro deixando o Anjo e o humano no chão do banheiro sem entender nada.


Notas Finais


Desculpem qualquer erro e espero que tenham gostado.
Beijos e até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...