História Amor desconhecido - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias B.A.P, Block B
Personagens Bang Yongguk, B-Bomb, Daehyun, Himchan, Jaehyo, Jongup, Kyung, P.O., Personagens Originais, Taeil, U-Kwon, Youngjae, Zelo, Zico
Tags Zikwon
Exibições 36
Palavras 1.274
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiii!!Adivinha quem resolveu postar capítulo mais cedo ?Eu mesma !Hoje eu tô muito feliz porque é aniversário do jimin e também é dia das crianças,então de presente pra vocês eu vou postar esse capítulo!Espero que gostem do capitulo,desculpe qualquer erro,tenham uma boa leitura e nos vemos nas notas finais 💙

Capítulo 9 - Depois da tempestade


Fanfic / Fanfiction Amor desconhecido - Capítulo 9 - Depois da tempestade

Zico on

Eu fiquei triste quando o u-kwon foi seco e frio daquele jeito comigo,mas os garotos tinham razão quem sabe uma surpresa não melhorava o humor dele?Nós fomos até um mercadinho e compramos várias coisas,nós já estávamos voltando e no meio do caminho vimos um caminhão de bombeiros e uma ambulância mas demos atenção.Quando chegamos na frente do prédio o caminhão de bombeiros e a ambulância estavam na frente na frente do prédio em chamas,então eu larguei as compras no chão e quando eu ia correr alguém segurou o meu braço.
                -Zico,não ! -Tomoko disse
                -Mas o u-kwon tá' lá dentro! -Respondi já exaltado
                -Ok Zico,mas se você morrer eu te mato! -Tomoko disse e correu na direção dos bombeiros,fazendo com que toda a atenção fosse voltada para ela me dando tempo para correr para dentro do prédio
                 -U-kwon!Cadê você ?! -Eu gritei,então escutei um barulho de tiro e depois um grito de u-kwon que me guiou até o terceiro andar onde encontrei U-kwon sentado no chão com a mão presa a parede com uma faca,enquanto um cara apontava uma arma para a cabeça dele.Então eu parti pra cima do cara afastando ele do u-kwon e iniciando ali uma briga,o desgraçado brigava bem,ele ficou por cima de mim enquanto me golpeava diversas vezes.
                -Ei Jongup! -Ouvi u-kwon chamar e o cara olhar para ele -Largue o Jiho! -Gritou enquanto se apoiava com dificuldade na parede e apontava a arma para Jongup.
                 -Pare com isso u-kwon,você não tem coragem o suficiente. -Jongup disse e u-kwon puxou o gatilho acertando o ombro do Jongup
                 -Eu mandei soltar ! -gritou e Jongup obedeceu me largando -Saia de perto dele Jiho,agora! - ele disse é eu obedeci me afastando com um pouco de dificuldade.Eles começaram a discutir,eu não consegui ouvir muito bem pois estava concentrado em não inalar muito daquela fumaça .
                  -Você vai para o inferno! -ouço Jongup falar
                  -Eu te vejo lá ! -então u-kwon atirou no teto que despencou e matou Jongup queimado
Então eu me levantei e olhei para o u-kwon,ele perdeu o equilíbrio então eu corri até ele e o amparei em meus braços antes que ele caísse no chão
                  -Que bom que você está bem.- ele disse e perdeu a consciência
                  -U-kwon!Droga!
Então eu o peguei no colo e reparei que a sua perna sangrava,eu corri o mais rápido possível para fora e quando sai os bombeiros vieram em minha direção
                   -Você está bem ? - deles perguntou
                   -Sim,ajude ele! -Eu disse é entreguei u-kwon pra ele
                   -Ok. -Ele disse e levou u-kwon para a ambulância e eu o segui
                   -Zico,você está bem ? -tomoko perguntou
                   -Sim,Yongguk pegue o meu carro e siga a ambulância até o hospital,eu vou com o u-kwon. -disse entregando a chave para Bang e entrando na ambulância
Eu fiquei o tempo inteiro ao lado do u-kwon dentro da ambulância mas quando chegamos no hospital eu fui interceptado por uma enfermeira que disse que eu precisava me cuidar.Depois de receber os cuidados fui a sala de espera e encontrei os garotos lá,junto com a Tomoko
                  -Zico,que bom que está bem - Tomoko disse e me abraçou
                  -Cade o u-kwon ? -B-bomb perguntou
                  -Levaram ele lá pra dentro -Quando eu disse isso um médico se aproximou
                  -Vocês que estão acompanhando o senhor Kim Yukwon ? -Ele perguntou e nós assentimos -Vocês já podem vê-lo,me acompanhem por favor -Ele disse e nós assentimos indo ate o elevador
                  -Em que andar o u-kwon está ? -Jae pergunto
                  -No terceiro -o médico disse
                  -Mas não é lá que fica ala VIP ? -Dae perguntou com os olhos arregalados
                  -Sim,o senhor Jiho pediu que colocássemos o senhor Kim na ala VIP -o médico disse com um sorriso no rosto e todos menos Tomoko me olharam com os olhos arregalados.Então o elevador se abriu e nós seguimos o médico até o quarto 420,o adentrando logo em seguida
                   -Ele está descansando -uma enfermeira disse assim que nos viu
U-kwon estava deitado com a mão e coxa enfaixadas,ele tinha uma aparência angelical e se eu não soubesse oque tinha acontecido diria que ele estava dormindo
                    -A bala já foi retirada da perna dele e o ferimento na mão não foi muito grave,ele ficará bem logo. -O médico disse
                    -Bala ?Como assim bala ?-Jaehyo perguntou
                    -Jongup fez isso -Eu disse é todos os garotos me olharam com ódio no olhar
                    -Aquele desgraçado,se eu pego ele...-B-bomb disse e eu o interrompi
                    -U-kwon matou ele
                    -O u-kwon matou uma pessoa ? -Kyung perguntou desacreditado
                    -Sim,se ele não matasse o Jongup,o Jongup matava ele -respondi
                    -Isso se chama legítima defesa -o médico disse atraindo nossa atenção -Ele não será preso por isso -completou e sorriu
                    -Jiho ?-ouvimos a voz do u-kwon
                    -Kwoniie!! -Eu disse e fui na direção dele
                    -Você está bem ?-perguntou passando as mãos em meu rosto
                    -É claro que estou,pare de se preocupar comigo,olhe para o seu estado,se eu não tivesse chegado a tempo você teria...Ele teria te...-então eu fui interrompido por um curto selar de labios,quando u-kwon se afastou,me abraçou e afagou meus cabelos
                     -Esta tudo bem entendeu ?Eu estou aqui e nada vai nos separar -Ele disse  e eu ergui a cabeça para olha-lo nos olhos,aquele lindos olhos que me transmitiam uma paz inexplicável,então eu cortei a distância que havia entre nós selando nossos labios novamente
                   -Que bunitin' shippei !-Jae gritou fazendo todos rirem
Então derrepente a porta foi aberta e uma pequena garotinha de cabelos loiros e olhos azuis entrou no quarto acompanhada de uma linda mulher de cabelos vermelhos vinho vestida elegantemente
                   -Papaaaiiiii!-A pequena gritou e correu pulando em cima de u-kwon o abraçando.Papai,como assim papai ?
                    -Pera aí,você não é o papai -a pequena disse olhando para u-kwon e eu soltei um suspiro de alívio -você é o tio Kwoniie! -ela disse e gritou abraçando U-kwon
                    -Lisa ?Haha como você cresceu ! -U-kwon disse sorrindo -você está muito linda
                    - Eu sei, o papai sempre fala isso - a garotinha disse e U-kwon riu
                    - A quanto tempo não nos vemos U-kwon! - a bela mulher disse se aproximando do U-kwon
                    - Faz muito tempo senhora Park, a senhora está muito bela também
                    - Corta essa de senhora e me chama de Omma Park ou só Omma mesmo - ela disse e sorriu
                    - Pessoal essas são a Senhora ou Omma Park - riu - e essa é Lisa, eu conheci elas no bairro e acabamos virando amigos, eles me ajudaram muito
                    - Nós te ajudamos? Menino você comprou uma casa pra gente, e por sua causa meu marido tem um ótimo emprego e a pequena Lisa uma ótima escola para estudar - ela disse interrompendo U-kwon
                     - Kwoniie - a garotinha chamou - Porque você tá aqui? Você tá dodoi?
                    - Sim, na verdade um homem fez isso comigo, mas ele já está pagando por isso então não se preocupe - ele disse sorrindo e a garotinha sorriu de volta
                    - U-kwon - B-bomb chamou
                    - Sim?
                    - O prédio pegou fogo, onde vamos morar agora?
                    - Eu não sei
                    - O Jaehyo pode ficar comigo, eu faço os pais do Zico contratarem ele - Tomoko disse
                    - Eu, Jae, Dae e Hinchan podemos abrigar mais duas pessoas na nossa casa
                    - Eu e o Bomb podemos ficar na casa de uma tia minha - Kyung falou
                   - O Kwoniie vai ficar com a gente não é mamãe? - Lisa perguntou
                   - É claro que sim, seu pai conserteza não seria contra
                  - Resolvido - Tomoko gritou
É vida você não colabora comigo mesmo não é? Mas quer saber, nada vai me tirar de perto do Kwoniie, isso eu juro


Notas Finais


Bom minha gente primeiramente:quando eu comecei a digitar ainda não era meia noite então continue considerando as parabenizações
Segundamente:gente eu estou tão triste com oque aconteceu com o Lay no aeroporto😭
E terceiramente:gente vamos viver na paz e no amor,chega de briga entre fandons.Vamos nos amar!💖
Então beijinhos de luz e sábado tem capítulo novo 😘😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...