História Amor... Doce amor !!! - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dajan, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Personagens Originais, Rosalya, Violette
Tags Amor Doce, Drama, Romance
Exibições 18
Palavras 676
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um capitulo gente <3

Capítulo 2 - Nova vida


Fanfic / Fanfiction Amor... Doce amor !!! - Capítulo 2 - Nova vida

Acordo com o sol em meu rosto levanto com uma baita dor de cabeça vou para o banheiro e faço minha higiene matinal , assim que saio do meu quarto sinto cheirinho de panqueca , cara isso é muito ruim muito ruim mesmo . Ai você se pergunta porque ?! Eu vou te responder o porque pelo simples fato de que sempre que minha mãe faz panqueca ela tem alguma noticia ruim para dar. 

Cheguei no andar de baixo e ela estava terminando de arrumar a mesa .

_Bom dia_Disse me sentando só esperando a bomba estourar.

_Bom dia minha filha_Disse ela sorrindo ( medo) ._Tenho novidades.

_Diga_Falei enquanto comia.

_Vamos nos mudar para Paris_Disse ela.

_Como ?_Perguntei tentando parar de tossir.

_Nós vamos nos mudar para Paris ué_repetiu ela.

_Vou repetir novamente COMO ?_Perguntei brava , como assim ela simplesmente chega e fala isso para mim como se ela estivesse me mandando compra pão em um dia normal. 

_Não irei repetir o que acabei de falar , você poderia subi e arrumar suas coisas ?! Viajamos amanha de manha depois te explico , filha entenda é para o nosso bem , por favor não discuta comigo termine seu café e me ajuda a embalar as coisas_Falou ela fria mente enquanto se levantava. 

Sai bufando da mesa e fui para o meu quarto , mais que porra , o meu dia não podia piorar. Pego uma pequena mala que tina em cima do meu guarda roupa e fui pegando o que eu achava necessário  e outras não. Caralho preciso urgente de fazer compras . Escuto baterem na porta , abro e vejo varias caixas de papelão ( Ta eram três ) pego elas e começo a empacotar minhas coisas . Me deparo co uma foto minha e de meu pai. Aquele dia tinha sido tão perfeito , lembro que nesse dia nós havíamos  feito um piquenique  surpresa para mamãe. Ora papai porque você teve que ir... 

_Miranda querida poderia me ajudar aqui na cozinha ?_Gritou minha mãe do andar de baixo. 

Coloquei o quadro dentro da caixa e fechei , sequei minhas lagrimas e desci a escada com um sorriso como se nada tivesse acontecido.

_To aqui_Disse aparecendo ao lado de minha mãe.

_Me ajuda a embalar os pratos_Pediu ela me entregando uma caixa , tecnicamente passamos a tarde inteira empacotando as coisas , minha mãe compro um apê todo mobiliado então vamos levar realmente apenas o necessário . 

 

DIA SEGUINTE 

São quatro horas da manha e não consegui dormi nada até agora , e faltam apenas três horas para a nossa nova vida .

////// Quebra de tempo ////// 

_Chegamos _Disse minha mãe animada. 

Após uma longa viagem eu só queria uma cama bem gostosa para me deitar , o prédio onde a gente ia morar era grande e bem bonito , segundo mamãe nosso apê era espaçoso. 

Minha mãe foi na frente com algumas caixas e eu logo depois com as minhas coisas , quando entrei simplesmente amei o lugar , ele era grande e bem classico era um pouco colorido , mais até que gostei , subi as escadas e encontrei uma porta com um bilhete com meu nome , assim que entrei vi a cena que mias amei em todo mundo . O quarto era perfeito.

_Gostou ?_Perguntou minha mãe ao meu lado.

_Eu amei_Disse abraçando ela . 

                                            ///// Quebra de tempo /////

Resolvi dar uma volta pela recepção  , para conhecer mais o lugar. Eu andava meio distraída quando acabo esbarrando em alguém.

_Olha por onde anda , sei que sou baixinha mais não é para tanto_Falei brava, olho para cima e me deparo com um garoto ruivo ( vermelho ) de olhos ônix , ele não parecia muito calmo no momento. 

_Você esbarro em mim e a culpa é minha ... tinha que ser uma baixinha folgada_Disse ele me caçoando.

_Baixinha não porra .... se me dar licença tenho algo mais importante para faze_Falei vermelha de raiva , sai de lá deixando aquele idiota sozinho com cara de tacho. 

 

Continua... 

 

 

 

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...