História Amor Doce-uma nova vida - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Rosalya, Violette
Tags E Sexo, Romance, Suspense, Violencia
Exibições 43
Palavras 1.322
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


♡A cada dia Aquatta trata as pessoas cada vez pior,mas parece que isso estava mudando ela...Será que algum motivo ou alguém poderia acordá-la daquele pesadelo?

Capítulo 12 - Cap.12-Entre sofrimentos e chantagens...


Fanfic / Fanfiction Amor Doce-uma nova vida - Capítulo 12 - Cap.12-Entre sofrimentos e chantagens...

"Até que ser esse monstro não estava sendo tão ruim,eu fazia o que eu queria,mesmo com punições eu me sentia livre e também era um jeito de garantir a proteção de quem eu amo..."
*"Preparada pra mais um dia Aquatta?" -Recebo uma mensagem do chantagista.
"Tenho opção?" -Coloco meu celular na cômoda e vou ao banheiro,penteio meus cabelos azuis e lisos,lavo meu rosto,e vou para um banho demorado...
"Não sou eu que pago água e luz aqui mesmo!"
Termino meu banho e me visto:Um short de cintura alta,uma blusa azul com um colete preto,uma bota de cano curto azul marinho e alguns acessórios escuros,junto a minha bolsa preta com detalhes azuis e saio...
"Deixe-me ver...8:00h,ah tudo bem,vou entrar do mesmo jeito"
Entro na escola pulando o muro e entrando na sala mascando um chiclete...Me sento no fundo,sem ninguém por perto pra me interromper,coloco meus fones de ouvido no último volume,chamando a atenção de vários alunos e da professora Dellany...
-Aquatta,tire os fones de ouvido! -Ela se aproxima e os olhares dos alunos também... -Aquatta! -Ela arranca os fones de ouvido.
-Estou gritando? -Pergunto irônica.
-Não... -Ela me estranha.
-Estou jogando bolinhas de papel em alguém?
-Ainda não...
-Estou batendo ou cinggando alguém?
-Ah...Não...
-Então não manda eu tirar os fones porque eu não quero prestar atenção nesse porcaria de coisa que eu tenho que chamar de aula,até assistir ao Patati & Patata é melhor do que isso! -Me levanto indo para a porta.
-O-onde pensa que vai?
-Cala a boca,eu não te devo satisfações da minha vida! -Saio andando...
"Que insuportável,quando ela vai se tocar que ninguém suporta a aula dela?"
Fico no pátio e até o recreio e depois vou para a escadaria.
-O que houve com você? -Me viro e vejo Nathaniel.
-Me deixa ok?
-Aqua você...
-Pra você é Aquatta!
-Pela primeira vez em minha vida concordo com ele. -Olho pro outro lado e vejo o Castiel.
-Ai meu Deus,e quando eu acho que não pode piorar! -Reviro os olhos e suspiro.
-Aquatta... -Armin se aproxima.-O que houve?Nós podemos te ajudar...
-Dá pra vocês três calarem a boca?! -Os três ficaram quietos.
-Estão ouvindo?
-O quê? -Os três falam juntos.
-O SILÊNCIO! -Me levanto e saio até Castiel puxar meu braço.
-Aqua,para com isso!
-Olha Castiel,eu não tô afim de discutir! -Olho meu braço e depois o encaro.
-Acho melhor você parar com isso,eu não estou de brincadeira,eu te quero de volta... -Ele me olha de jeito fofo.
-Me deixa! -Eu me solto e saio andando.
Sinto eles me olhando lá de trás,mas presto tanta atenção naquilo que esbarro em alguém.
-Ai sua mini-vadia,olha por onde anda! -Me levanto e vejo a Ambre.
-Cala a boca e saí daqui. -Falo num tom seco.
-Acha que pintar o cabelo e mudar o visual,deixando ele mais tosto do que antes vai mudar seu status de mimadinha para durona?Saiba que não muda nada!
-Acha que se achar a gostosa vai fazer você ser uma?Saiva que não muda nada! -Imito a voz irritante dela.
-Cala a boca!Eu tenho coisas mais importantes pra fazer do que...
-Do que me irritar e mostrar a cada dia o quanto você pode ser mais insuportável?Eu sei disso! -Interrompo ela e depois rio.
-Arg! -Ela tenta me dar um tapa mais eu seguro seu pulso e te dou um soco,depois ela me empurra na parede e começa a puxar meus cabelos,eu simplesmente te dou uma rasteira e a derrubo,ficando em cima dela e lhe dando vários socos.-Aquatta...você vai se ferrar e...sabe disso! -Ela fala com dificuldade e me dá um tapa.
-Eu sei disso,mas preciso fazer o trabalho bem feito! -Dou um soco na sua barriga e vejo a multidão se aproximar numa rodinha entre a gente...
Me levanto e puxo sua blusa a encostando na parede e te dando vátios socos na barriga,um grande sorriso aparece em meu rosto enquanto eu a espanco,mas meu braços são puxados e me deparo com o Armin me segurando.
-Me solta Armin!Tenho que terminar de acabar com essa pu... -Ele tampa a minha boca.
-Você se acha forte né Aquatta? -Nathaniel segura Ambre por trás.Eu rio irônica.
-Se olha no espelho assim que chegar em casa e você vai ver se eu sou forte ou não... -Castiel aparece e me agarra também,já que eu estava quase me soltando.
-Tenho que admitir que a Aquatta acabou com a Ambre... -Castiel sorri enquanto me segura.
-CASTIEL! -Nathaniel e Armin gritam juntos enquanto seguram a mim e a vaca.
-Tá bom,parei!
-Acho que não vai dar pra ir pra boate hoje Ambre,nem maquiagem vai disfarçar o que eu fiz com você! -Rio e me solto,mas não pulo nela.
-O QUE ESTÁ ACONTECENDO AQUI? -A diretora aparece com alguns papéis na mão e Ambre se faz de vítima.
-Diretora,essa...essa aluna me agrediu em pleno público! -Algumas pessoas vaiam a Ambre e a iretora as olha,em seguida todos saem.
-Se é ela que está lhe agredindo,por que que Nathaniel está lhe segurando Ambre?
-Éh,éh,eles são namorados,e ele está do lado dela! -Ela se solta e vai para o lado da diretora.
-As duas...Na minha sala! -A diretora sai e a Ambre vai atrás dela,quando eu estava quase indo Nathaniel puxa meu braço.
-Você sabe que está encrencada Aquatta,só nos deixe ajudá-la... -Me solto assim que ele fala.
-Não preciso da ajuda de NINGUÉM! -Jogo na cara dele e vou para a sala da diretora...
Depois de centenas de minutos ouvindo aquele discurso patético da diretora,ela nos deu a opção de levar uma semana de suspensão ou esquecer desse assunto...
-Ai senhora diretora,não acha melhor conversar com nossos pais? -Ainda bem que a Ambre não é atriz,porque senão o canal de TV estaria ferrado.Rio para mim mesma.
-Alguma opinião contra senhorita Aquatta? -Enquanto a diretora me questionava,Ambre sorria assustadoramente para mim.
-Penso que deveriamos esquecer sobre este assunto,jâ que as duas estão encrencadas e já que não queremos preocupar nossos pais,certo Ambre? -Ela me olhou com os olhos arregalados e eu sorri irônica.
-C-certo! -A diretora sorriu e apontou para a porta.
-Podem sair... -Nós saímos nos encarando e cada uma foi para a direção oposta da outra.
"Com o tanto de loucos que tem aqui,isso não deveria ser uma escola e sim um hospício!"Rio para mim mesma e vou andando até em casa.
Quando chego lá me deparo com um ruivo,um loiro e um moreno me olhando.
-O que vocês querem aqui e como conseguiram entrar na minha casa? -Falo friamente enquanto encosto minha bolsa num quanto e tiro meu colete.
-Aquatta,nós conversamos com a sua mãe... -Castiel disse olhando para suas mãos.
-O QUÊ?COMO VOCÊS SE ACHARAM NO DIREITO DE SE INTROMETER NA MINHA VIDA PESSOAL?
-Bom... -Castiel se aproxima de mim.-Eu já fiquei com você,a mesma coisa com o Nathaniel e você meio que teve um caso com o Armin!
-Isso não significa nada! -Prendo meu cabelo num coque e vou até a geladeira.
-Eu ia te pedir em namoro no dia em que te encontrei com o Nathaniel... -O ruivo fala olhando sério pra mim e eu quase deixei minha Coca cair no chão.
-Escuta aqui Castiel,você não tem nenhum direito de se intrometer na minha vida! -Falo indo para a sala e me sentando no sofá.
-Não só ele tem como a gente também! -Nathaniel dá um passo a frente.-A única coisa que temos em comum é que nós te amamos e queremos descobrir o porque de você estar agindo assim!
Minha cabeça começa a doer.
-AH QUEREM SABER?!ESTOU PROTEGENDO A VIDA DE VOCÊS AGINDO DESSA FORMA,PRONTO,SÓ NÃO SE ATREVAM A CONTAR ISSO PRA TODO MUNDO!!! -Saio correndo até meu quarto.-E SAIAM DAQUI! -Enfio minha cabeça num travesseiro e começo a chorar.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
-Temos que fazer alguma coisa,eu já estava desconfiado... -Castiel fala olhando Armin.
-Pera,se isso é uma chantagem,para proteger a gente,deve ter sido alguém da escola não acham? -Armin cruzou os braços enquanto falava.Nathaniel olhou os dois num estado preocupante.


Notas Finais


Até o próximo capítulo.*(estou escrevendo isso pelo computador,então não dá pra colocar o coraçãozinho como de costume,mas enfim...Até e espero que estejam gostando!)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...