História Love is The Murder - Interativa - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, AnticLove, CSI: Crime Scene Investigation, Eldarya, Five Nights at Freddy's
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlie, Debrah, Ezarel, Howard Palentir, James Palentir, Jared, Kentin, Lysandre, Marilyne, Mathilde, Miiko, Nathaniel, Nevra, Personagens Originais, Richard, Ryo, Sr. Thiel, Stanley, Tess, Valkyon
Tags Csi Do Egito
Visualizações 50
Palavras 1.160
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Canibalismo, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi lindas, eu só vim avisar que a fanfic vai começar a ficar meio pesada, hot, "safrada" e tals.

Era só isso.

Capítulo 5 - Tarde


Fanfic / Fanfiction Love is The Murder - Interativa - Capítulo 5 - Tarde

 [POV. Bianca Catherine ON] 

 [08:00] 

Depois de uma noite tranquila (para alguns), acordo, sento na cama e me espreguiço. Vou para o banheiro fazer minha higiene matinal e volto pro quarto para trocar de roupa, como hoje está fresco, coloco um shorts jeans preto, uma camisa branca, uma jaqueta de couro preto e sapatilhas também pretas. 

Depois de me arrumar, saio do quarto pra ir na cafeteria comprar o meu café. O caminho inteiro escutei as pessoas falando do assassinato dos seguranças, isso é tão chato, já sabia que isso ia acontecer. 

Entro na cafeteria e olho para os lados procurando uma mesa, no canto vejo Violet e Lilith junto com mais dois garotos, pensei por um momento em sentar com eles mas eu não aturo essas duas, só finjo que sou amiga delas pra ter mais informações do principal alvo do causador dessas mortes. 

- Bianca, senta aqui com a gente!- grita Violet do outro lado da sala, finjo que não ouço e vou embora. Fico andando sem rumo algum até que chego em frente do edifício dos dormitórios masculino. 

Como eu sou uma pessoa que respeita as regras (só que não), entro no edifício, não tem guarda nenhum então fico perambulando pelos corredores até que acho a porta do quarto 406 que fica no quarto andar, esse é o quarto do meu namorado Armin, as coisas não estão muito boas no nosso relacionamento, mas eu estou pouco me importando com isso. 

Entro no seu quarto e o encontro jogando no seu PS4, ele está tão concentrado no jogo que nem percebeu a minha presença. 

- Ei!- digo me aproximando. 

- Me da isso aqui!- pego sua manete. 

- Bianca?- ele diz surpreso. 

- Sim!- me ajoelho ao seu lado. 

- Quando chegou?- ele pergunta e pega a manete da minha mão. 

- Agora!- pego sua manete novamente, pauso seu jogo e arremeso sua manete para sua cama. 

- Sorte sua que ela não caiu!- ele diz irritado. 

- O que você ia fazer?- digo engatinhando para mais perto dele e lambo a ponta da sua orelha. 

- Bianca, você não acha que é muito cedo pra isso? E você só tem 17 anos!- ele diz envergonhado mas por algum motivo sei que ele está gostando. 

- Não me importo e eu não vou engravidar, caralho!- dou um sorriso malicioso e tiro a minha jaqueta a jogando no Armin. 

- Olha, talvez mais tarde! Aí vou lá no seu quarto já que você não divide ele com ninguém!- ele diz no meu ouvido enquanto apertava minha coxa indo para a bunda. 

- Ta legal, mais tarde!- digo sorrindo. 

- Quer jogar?- ele pergunta. 

- Eu mão tenho nada pra fazer então eu quero!- me levanto e vou até a cama que havia arremessado a mavete, a pego e volto pro Armin, ele estava com outra manete. Destravo o jogo e ficamos jogando até... não faço a mínima ideia. 

 [POV. Bianca Catherine OFF] 

 [POV. Aisha Millie ON]   

 [10:00] 

Mal saio do quarto e já sou interrogada pelas "amigas'' da Bianca. 

- Aisha! Aisha! Você viu a Bianca?- diz Lilith. 

- Não, eu acabei de acordar!- digo. 

- Obrigada mesmo assim!- Violet responde e as duas vão embora. 

Saio do edifício e decido ir no mercado, mas antes de ir percebo que o helicóptero do James está aqui, resolvo ir procurá-lo mas nem precisei dar um passo, James está no heliporto e não esta sozinho. 

- Eu te avisei, eu te machuquei e você ainda não me obedeceu!- digo pra mim mesma referindo a "garota de pele como a neve". 

Fico os fitando, por acaso eles estão... namorando? É cada coisa que eu estou escutando e eles estão se pegando. Me da um nó na garganta, fico com uma forte vontade de chorar mas me controlo, NÃO PODEM ME FAZER CHORAR. 

Saio dali e vejo uma multidão indo para a entrada, por pura curiosidade, me aproximo da multidão, uma mulher e mais dois homens passam pelo portão, o homem vestia uniforme policial e a mulher usava roupas normais. 

 Howard chega e comprimenta a mulher e o homem, James e a vadia básica chegam perto do "casal". 

- Mamã!- a vadia diz enquanto abraçava a mulher, espera, essa é a mãe dela? Com certeza a mãe natureza foi mais gentil com a mãe dela do que ela. 

Aquela alegria toda estava me deixando com enjôo, eu gosto de ver as pessoas felizes mas daquele jeito é demais. Me afasto da multidão e me dirijo à cafeteria. 

 [POV. Aisha Millie OFF] 

 [POV. Elizabethy Swan ON] 

 [06:00] 

Começa a me dar cãibra na perna e eu sou obrigada a acordar. Me sento na cama e começo a fazer massagem na panturrilha (batata da perna) onde eu estou sentindo mais dor.

James ainda estava dormindo e pela expressão não era um sonho muito bom, o acordo ou não? Decido o acordar, coloco minha mão sobre seu ombro e ele acorda assustado.

- Desculpa, não queria te assustar!- dou um sorriso e me deito de volta, a dor havia diminuído, só sentia uma fraca ardência por causa de ontem. Começo a ficar excitada com os meus pensamentos maliciosos, mordo meu lábio inferior para me acalmar.

- Não tem problema e te agradeço por me acordar!- ele se vira e começa a fitar o teto.

- James... sobre ontem...- coro fortemente, minhas bochechas doem tanto e sinto que vou explodir a qualquer momento.

- É... então, qual a sua decisão?- ele volta a olhar para mim, o que me deixa mais nervosa.

- Então... eu... eu... (para, para, para) aceito!- depois de dizer isso me viro para o outro lado, coloco minhas mãos sobre minhas bochechas mas as retiro logo depois, minhas bochechas estão tão quentes que da pra fritar um frango nelas.

- Serinho?- ele pergunta.

- Serinho!- respondo. Ele me abraça com força por trás e beija meu pescoço o que me deixou arrepiada. Minhas bochechas esfriaram e eu me viro para o encarar. 

- É hoje que se sua mãe chega, né?- meu Deus, tinha esquecido complemente disso.

- Eu tinha esquecido!- digo.

- E por que a senhorita esqueceu?- ele diz sussurrando com uma voz super sexy, confesso que comecei a pensar merda por causa disso.

- Porque muitas coisas "aleatórias" que aconteceram depois da ligação da minha mamã!- digo o provocando.

- Coisas aleatórias, é?- ele me da um chupão no pescoço.

- Você adora meu pescoço, né?- digo.

- Também mas... eu prefiro a sua bunda!- ele aperta minha bunda com força me fazendo dar um gemido baixo.

- Ta querendo me deixar louco, garota? É isso?- ele diz com um sorriso malicioso. Ele acaricia meu corpo com sua mão que estava na minha bunda, até chegar nos meus seios.

- Talvez eu queria!- digo o provocando. 

- Se prepara que... 

- James! Cheguei!- seu pai grita.

- Merda!- ele diz irritado.

Nos levantamos e fomos para o andar de baixo receber o Howard cof cof sogro cof cof.

Continua... 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...