História Amor e Honra - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony, Nick Jonas, Zayn Malik
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Nick Jonas, Normani Hamilton, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Camilag!p, Camren, Norminah
Visualizações 263
Palavras 906
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Famí­lia, Policial, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Chegay...

Capítulo 14 - Perícia


Fanfic / Fanfiction Amor e Honra - Capítulo 14 - Perícia

Point of view Camila Cabello


Finalmente eu estava trabalhando em algo importante e ao lado de Lauren. E saber que ela está finalmente solteira me deixou contente, talvez seja a hora de terminar com Ariana.

Assim que retornamos a central eu fui fazer a perícia de tudo que havíamos trago e Lauren se trancou em sua sala.

Camila: Jauregui - bati na porta após algumas longas horas 

Lauren: Entre!

Eu entrei a caminhei até sua mesa logo me sentando na cadeira que ficava a sua frente.

Camila: Conclui metade da perícia. Os resultados são animadores - coloquei os papéis sobre a mesa - o sangue que havia no chão da garagem não era dele, diferente do que estava no corredor. Eu examinei as três tesouras, duas delas haviam vestígios de sangue, em uma sangue dele e de uma segunda pessoa e na segunda tesoura aparentemente um terceiro DNA diferente, quanto ao carro.. No banco de trás, havia sangue no carpete, por coincidência o mesmo da primeira tesoura

Lauren: Ótimo, ótimo - sorriu - Te peguei, Jonas! - disse avaliando os papéis

Camila: O que se passa por sua cabeça?

Lauren: Raciocina comigo: O mais provável é que durante um suposto assassinato, enquanto ele cortava sua vítima com o auxílio da tesoura ele acabou se ferindo também, o que levanta a suspeita de que a vítima estava viva durante o ato e dificultou seu trabalho, fazendo assim ele se ferir com o mesmo objeto,isso explica os DNAs diferentes no objeto. Mas provavelmente tudo aconteceu na mesma sala que estava trancada, e logo na saída o sangue do ferimento dele respingou no chão. No momento em que ele chegou na garagem provavelmente com o corpo da vítima mutilado, foi quando o sangue pingou no chão, mas mesmo assim a preocupação dele foi se livrar da vítima que foi posta no banco de trás explicando então o sangue no carpete. A pressa dele foi inimiga da perfeição.

Camila: Os fatos se encaixam perfeitamente, o que me intriga é o fato de haver três tipos diferentes de sangue. Eu preciso pedir a Keana que me ajude a fazer os exames que me comprove se o os outros dois tipos de sangue são de alguma das crianças desaparecidas. E caso sim, nós acabamos de saber que estamos lidando com um psicopata em série

Lauren: O psicopata que age apenas com crianças - apertou as mãos - eu preciso que o impossibilitem de sair da cidade e eu quero uma prisão temporária, pra agora

Camila: Vamos conseguir isso, fica calma. - me levantei devagar indo até ela

Lauren: O que está fazendo?

Camila: Cuidando de você, se você desgasta demais

Lauren: Eu sei me cuidar, Camila

Camila: Porém eu faço isso melhor - sorri passando a mão em seu rosto e ouvimos batidas na porta que me fizeram me afastar dela

Lauren: Entre.

Voltei a me sentar e quem adentrou a sala foi ninguém mais ninguém menos que Michael Jauregui, o meu chefe e o pai de Lauren.

Lauren: Aconteceu algo ? - se levantou estranhando a visita inesperada

Mike: Não exatamente. Mas já passou do horário de trabalho de ambas. Lauren eu sei o quanto ama este trabalho mas você se dedica demais e isso me preocupada

Lauren: Chefe - disse em tom formal - está tudo bem, tivemos avanços e eu quis me dedicar um pouco mais. Eu já estava de saída

Mike: Ótimo, eu espero você em casa para jantarmos em família - sorriu para a filha - ah,e se quiser pode levar sua amiga,desde que não falem sobre o trabalho lá

Camila: Pode deixar chefe, vou desvincular sua filha do trabalho - sorri

Mike: Obrigado, Camila. Espero por vocês lá. - sorriu antes de se retirar

Lauren: Quase ele pega a gente - sussurrou brava

Camila: Iiih, ele não não sabe ainda?

Lauren: Sabe, mas nem se passa pela cabeça dele que é você

Camila: Okay, eu errei em tentar algo aqui, mas vamos pra casa dos seus pais ou não? Quero conhecer meus sogros melhor - sorri

Lauren: Sogros? Haram - riu ironicamente - vamos, Cabello, vamos.

Camila: Acabou o expediente, já podemos ir baby.

Lauren apenas concordou e após uns minutos nós saímos daquele lugar, eu iria no meu carro e Lauren no dela, mas antes paramos nos encarando

Camila: Finalmente livre

Lauren: Eu sim, você não.

Camila: Isso é uma indireta? - ri fraco e cruzei os braços me encostando no carro

Lauren: Não, Camz, é a realidade. Isso não é legal 

Camila: Lauren, Ariana sabe dos meus sentimentos por você, ela sabe lidar com isso. Fica tranquila

Lauren: Eu gosto das coisas feitas de forma certa - suspirou

Camila: A forma mais ccerta neste momento é você me beijar - a puxei para mim

Lauren: Alguém pode ver!

Camila: Você tem vergonha? Porque eu não tenho - suspirei triste 

Lauren: Claro que não né.

Lauren colocou seus braços entorno do meu pescoço e eu agarrei com mais firmeza sua cintura. Nós começamos um beijo lento, cheio de saudade da parte de ambas.

Mais de um mês sem aqueles lábios, sem o carinho dela, não foi fácil. Ariana e eu nos relacionavamos, mas a algo que preciso admitir... Eu sempre imaginava Lauren no lugar dela, eu sempre pensava nela, era impossível não pensar, automaticamente meus pensamentos iam para ela. Talvez fosse errado, mas Ariana sabia que tudo entre nós não passava de teatro e que nossas transas era só por diversão 



Notas Finais


Eu quero agradecer aos 100 favoritos, vocês são muito importantes, de verdade ❤😍

E quero falar que vamos ter um cap pesado, em questão de morte.. Não sou eu que vou escrever, e sim meu namorado (a) (ele é um ótimo escritor, deveria escrever mais vezes. Amor eu sei que tu vai ler isso). Eu particularmente achei bastante foda kvjfiyck


To com tanto sono que esqueci o que ia falar kckgkh mas tem haver com perguntas, se tiverem alguma, pra mim ou os personagens, Tamo ai pra responder


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...