História Amor e Música - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Glee
Personagens Brittany S. Pierce, Jake Puckerman, Kitty Wilde, Marley Rose, Mercedes Jones, Noah "Puck" Puckerman, Personagens Originais, Quinn Fabray, Rachel Berry, Sam Evans, Santana Lopez, Tina Cohen-Chang
Exibições 45
Palavras 1.714
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Reunião


Brittany pov's

Estava há poucos minutos da reunião quando eu entrei na gravadora Glee. O espaço era muito bem decorado, e era um lugar alegre, começando pelo nome. Eu estava completamente nervosa.

-Boa tarde, eu tenho uma reunião com a Srta Quinn Fabrey. -Eu digo para a moça da recepção.

-Só um minuto. -Ela discou um número no ramal e em seguida pediu para que eu lhe acompanhasse. Então chegamos a sala. -Pode entrar, a Srta Quinn irá recebê-la.

-Obrigada. -Eu digo agradecendo e batendo na porta. -Com licença. -Eu falo.

-Entre Brittany, por favor. -Ela diz sorrindo e me indicando a cadeira. -Sente-se. Você quer algo?

-Eu aceito uma água. -Eu digo timidamente, eu era uma pouco envergonhada, apenas dançando eu perdia a minha timidez. Então Quinn disca um número e pede duas águas que logo chegam.

-Então Britt, eu estou feliz que você veio. -Ela me diz sorrindo.

-Srta Quinn, eu fiquei muito feliz com a oferta. -Eu digo.

-Sem o senhorita, só Quinn tenho quase a mesma idade que você. -Ela fala.

-Tudo bem. -Eu respondo.

-Então Britt, o que eu tenho pra propor é o seguinte, eu quero que você trabalhe com duas bandas, não sei se você conhece mas são a Four e a Dreams.

-Sim, conheço, os meninos são bastante talentosos. -Eu digo, eu realmente gostava daquelas músicas. -Eu adoro as músicas deles. -Eu sorrio completando.

-A maioria das músicas quem escreve é Santana, a minha sócia, que novamente não pôde vir, ela adora ficar enfurnada no escritório cheia de contratos. -Ela me diz rindo, e eu já imaginei uma velha chata. Risos.

-Ela é boa. -Eu digo sorrindo disfarçando o que eu tinha pensado a segundos atrás.

-Muito... Continuando, eu quero coreografias mais elaboradas para o nosso quarteto, quero que elas se movimentem bastante, a Tina e a Marley tem uma habilidade maior com a dança, já a Rachel e a Mercedes nem tanto. -Ela fala rindo, Quinn era extremamente simpática, naquele instante eu senti que seríamos amigas. -Já na Dreams, tanto a Alicia quanto o Jake dançam muito bem, mas precisamos de coreografias para eles. O que você me diz? -Ela diz sorrindo novamente.

-Quando eu começo? -Eu digo sorrindo vendo ela dar um pulinho de alegria e me abraçar.

-Próxima semana, Santana está redigindo seu contrato, ela deve terminar esses dias, então assim que estiver pronto, você vem, lê e vê se concorda com os termos, assina e já começa na segunda. -Ela fala. -E britt, mais uma coisa. Provavelmente, dentro de 3 meses nós começaremos uma turnê grande com a Four. Você iria? -Ela me propõe e eu fico em choque, a minha vontade era de dizer sim, mas eu acabei lembrando de Sam.

-Quinn, eu não posso responder agora. Mas se a oferta de ensinar as crianças a dançar ainda estiver de pé, eu aceito. -Eu digo meio pensativa.

-É claro que está, você é a melhor. -Ela diz piscando o olho e me abraçando em cumprimento. -Bom, eu te ligo assim que o contrato sair. -Ela fala e nos despedimos, quando eu me viro pra sair a porta se abre repentinamente...

Santana Pov's.

-Quinn, você pode... -Eu entrei na sala sem ao menos bater e parei de frente, praticamente colada a uma garota que ia sair da sala de Quinn, derrubando algumas coisas da minha mão.

-Me desculpe... eu...eu. -A menina falou, ela era encantadora, tinha os olhos tão azuis que eu jurei estar vendo o próprio Oceano, e em vez de gritar e xingar como eu era acostumada a fazer eu apenas pedi desculpas.

-Tudo bem, a culpa foi minha. Eu que peço desculpas -Eu digo a fitando nos olhos, eu não entendi aquilo que aconteceu comigo. Então me abaixei para pegar os papéis e nossas mãos acabaram encostando e eu senti algo percorrer todo o meu corpo mais disfarcei levantando rapidamente e colocando a postura má de Santana Lopez.

-Quinn, você deveria me avisar quando estivesse em reunião. -Eu falo parecendo mais uma bronca.

-Santana, eu avisei há dois dias atrás. -Ela me diz em resposta.

-Devia ter avisado outra vez, e outra vez, e outra vez, até eu lembrar. -Eu digo firme.

-Brittany, essa é a Santana Lopez, minha sócia, ignore o mal humor, ela é sempre assim. -Quinn disse sorrindo fazendo eu querer matá-la naquele momento, não que eu precisasse que um funcionário gostasse de mim, mas a garota tinha ficado bastante nervosa o que me comoveu um pouco.  -Santana, essa é Brittany S Pierce, nossa coreógrafa. -Então eu olho novamente para a loira que se chamava Brittany, e ela me dá um pequeno tchauzinho acompanhado de um Oi meio baixo. Fazendo com que eu respondesse da mesma forma em um sorriso.

-Bom, Quinn eu preciso ir, me ligue e me desculpe novamente Srta Lopez. -Brittany disse para Quinn e depois para mim.

-Apenas Santana, não somos tão diferentes de idade assim. -Eu digo sorrindo, eu nunca havia dito aquilo para ninguém, que diabos estava acontecendo.

-Até logo Britt. -Quinn disse o apelido dela, elas haviam ficado tão íntimas em dias, o que eu perdi? Então Britt sai da Sala e eu continuo olhando para a porta de vidro.

Quinn pov's

Eu vi Santana olhar para Brittany de forma diferente, San não é do tipo que pede desculpas, e muito menos é gentil com estranhos, e na empresa todos a chamam de Srta Lopez, menos eu, pois somos amigas há anos.

Santana? -Eu a chamo e ela parece hipnotizada. -SANTANA. -Eu a chamo mais alto fazendo ela se virar pra mim rapidamente como se eu tivesse a assustado.

-O quê? -Ela me pergunta parecendo meio desnorteada.

-Você gostou dela. -Eu digo rindo.

-Isso é uma pergunta? -Ela diz levantando a sobrancelha.

-Não, isso é uma afirmação, eu percebi pelo seu olhar. Você não pede desculpas, não é gentil e muito menos gosta de ser tratada pelo primeiro nome. -Eu digo dando um veredito.

-Cala a boca Quinn. -Ela me respondeu parecendo meio nervosa. -Eu vim te perguntar uma coisa sobre o contrato dessa moça. -Ela falou meio pigarreando como se estivesse se esforçando para se concentrar.

-Diga. -Eu a observo sorrindo, não sabia o que Brittany tinha, mas com certeza tinha algo que havia mexido com Santana.

-Eu fiz uma cláusula da turnê, ela irá acompanhar os garotos? -Santana me pergunta.

-Eu ainda não sei San, ela ficou de me responder depois. -Eu respondo gentilmente.

-Bom, pois assim que descobrir me fale, e diga a ela que não tenho muito tempo pra esperar. -Ok, ela voltou a assumir a sua melhor forma de Santana.

-O que houve com a Santana gentil que estava na minha sala há alguns segundos? -Eu digo confusa.

-Não enche Fabrey. -Ela diz se levantando e saindo levando seus papéis. -Ok, Santana era com certeza a pessoa mais complicada que eu já tinha visto, mas ainda sim era a minha melhor amiga.

Brittany pov's
 

Depois da reunião eu me senti estranha. Eu não entendi o que havia acontecido comigo naquele exato momento, de repente meus olhos se cruzaram com os de Santana e parecia algo para se decifrar, eu percebi apenas no olhar que ela era um enigma. Foi como se estivéssemos nos conectado de uma forma invisível, foi um contato diferente do que eu tive com Quinn. Mas do nada ela pareceu tão mal humorada, que eu apenas vim embora. Mas aqueles olhos castanhos não saíam da minha mente, será que eu cruzaria com Santana outra vez?

Santava pov's

Eu tinha ido pra casa mais cedo, não tive mais cabeça para nada e pedi para Quinn encerrar o turno por mim. Eu nunca tinha sentido algo tão intenso com alguém, aquela menina era diferente, o olhar dela era calmo, inocente, e havia me deixado totalmente desconcertada. Eu estava com a cabeça a mil, então resolvi ligar para Quinn.

-Quinnie?-Eu falo no celular.

-San? Tá tudo bem? -Ela pergunta, provavelmente estranhando minha ligação.

-Sim, quer dizer... Sim, tá. -Eu digo me enrolando.

-Santana, eu te conheço, algo está fora do controle pra você. -Ela diz.-

-Não está, eu só liguei para avisar que o contrato da sua coreógrafa está pronto. -Eu digo, não queria que ela percebesse algum tipo de fraqueza, mesmo sendo minha melhor amiga.

-Nossa coreógrafa, eu estou tão animada. -Ela diz sorrindo

-Eu sei, só liguei para dizer que talvez eu não vá pra empresa no resto da semana. -Eu digo, não queria correr o risco de cruzar com Brittany novamente.

-Por quê? -Ela me pergunta.

-Vou visitar uma pessoa, e depois resolver uns problemas. Segura essa pra mim? -Eu pergunto. Na verdade eu não tinha nada para resolver, mas queria ficar em casa.

-San, o que está acontecendo? Você está estranha desde cedo. -Ela fala.

-Não é nada Quinnie. Eu juro. -Eu digo.

-Ok, então prometa que segunda feira irá apresentar Britt comigo, para os garotos e cantaremos juntas.

-Quinn... -Eu digo choramingando.

-Prometa Srta Lopez. -Ela diz firme.

-Ok. Agora tenho que ir, até segunda. -Eu digo me despedindo.

-Se cuida Latina. Beijos. -Ela fala e desligamos.

Quinn pov's

Santana estava totalmente estranha, e eu não entendi o por que, desde o esbarro dela com Brittany mais cedo ela havia ficado estranha, ela nunca se afastava da gravadora. Mas vai entender, Santana adora se fazer de forte e eu tinha certeza de que algo estava acontecendo mas eu não podia fazer nada, só esperar. Então resolvi ligar pra Britt.

-Alô Britt? -Eu pergunto.

-Oi, é ela.

-Britt, desculpe ligar a essa hora, é a Quinn.

-Oi Quinn, sem problemas. -Ela diz sorrindo, Britt era adorável.

-Você pode me encontrar amanhã na Gravadora, seu contrato ficou pronto então se puder ir. -Eu digo gentilmente.

-Claro Quinn.

-E sobre a turnê. -Eu digo rindo. -Santana precisa saber se você irá topar, ou teremos que começar a procurar alguém. -Eu digo calmamente.

-Quinn, eu prometo dar a resposta segunda feira, eu preciso falar com meu noivo sobre isso, mas até segunda te respondo.-Ela diz meio triste, percebi pela voz dela.  

-Tudo bem, sem pressão, é só por causa de Santana, ela me enlouquece. Eu espero que você possa ir, por quê você é incrível Britt. -Eu digo sorrindo. -Então até amanhã.

-Até Quinn.

Desligamos, mostraria o contrato pra Brittany no outro dia.

 


Notas Finais


Então, será que Britt vai topar a turnê?
E Sam, vai concordar com o emprego de Britt?
Será que Santana e Brittany irão se dar bem?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...