História Amor e Música - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Glee
Personagens Brittany S. Pierce, Jake Puckerman, Kitty Wilde, Marley Rose, Mercedes Jones, Noah "Puck" Puckerman, Personagens Originais, Quinn Fabray, Rachel Berry, Sam Evans, Santana Lopez, Tina Cohen-Chang
Exibições 20
Palavras 2.660
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Eita, confesso que adorei escrever esse cap. :3

Treat You Better [Shanw Mendes]

Apreciem... :3

Capítulo 25 - Afronta


Fanfic / Fanfiction Amor e Música - Capítulo 25 - Afronta

Quinn pov's

As semanas foram passando e se transformando em meses, meu namoro com Rachel estava cada vez mais intenso, tirando o fato de que não fazíamos sexo, o que estava me enlouquecendo, Santana vivia me provocando sobre como sua vida sexual com Britt era ativa e me fazendo desejar cada vez mais Rachel. Mas ela estava dificultando as coisas.

-Bom dia Lady Q. -Santana disse entrando na minha sala toda sorridente.

-Bom dia. -Eu disse sem nem prestar atenção nela.

-Olha, depois eu quem sou a pessoa mal humorada. -Ela disse sentando na minha frente. -Por que esse mal humor todo?

-Eu estou em abstinência de sexo, por favor não encha minha paciência. -Eu disse revirando os olhos vendo ela sorrir.

-Calma Lady Q, logo logo essa castidade de Rachel acaba. -Ela disse sorrindo.

-Fala isso por que não está na minha pele. -Eu digo jogando uma bolinha de papel nela e logo sorrindo.

-Lady Q, com certeza nunca estarei na sua pele, pois eu adoro sexo e Brittany mais ainda, então... -Ela disse bem próxima de mim. -E você é ótima nisso, Rachel não sabe o que está perdendo... -Ela disse cada vez mais próxima, fazendo com que eu sentisse um calor por dentro, então logo se afastou sorrindo. -Rachel precisa fazer algo, você não combina com mal humor. -Ela disse na porta já saindo. Eu odiava Santana.

-Eu odeio você. -Eu disse jogando o primeiro objeto que vi nela que fechou a porta e saiu rindo horrores, fazendo eu começar a sorrir também. Eu ainda não tinha visto Rachel hoje, mas sabia que ia atentá-la assim que a visse. Eu coloquei um short jeans curto desfiado, uma regata branca e um blazer preto, e claro uma sandália de salto que me deixou ainda mais alta do que eu já era. A camiseta tinha um decote bem ousado, exatamente para acabar com aquela abstinência.

Rachel pov's

Eu ainda não tinha visto Quinn hoje, nosso namoro estava uma maravilha, eu tinha total certeza de que estávamos muito apaixonadas, mas vez ou outra tínhamos alguns estresses por conta dos ex namorados dela, principalmente Puckerman, ele estava na gravadora constantemente pois era amigo de Santana e funcionário da Glee. O que me dava cada vez mais raiva. Mas Quinn me deixava segura pois mostrava a todo momento que queria estar comigo e que não importava o passado e isso me dava um conforto bem maior. Então eu fui até a sala dela e bati na porta.

-Posso? -Eu perguntei sorrindo.

-Claro amor. -Ela disse sorrindo ainda sentada, com as pernas sobre a mesa em uma posição sexy, eu e Quinn ainda não tínhamos transado depois que começamos a namorar, eu tinha tudo planejado para o dia certo, mas ela estava cada dia mais provocativa, e de certa forma isso me atrapalhava horrores, por que era difícil resistir à ela. Então ela se levantou e veio até mim, ela estava em uma roupa totalmente ousada, fazendo eu ficar sem ar por alguns segundos.  Ela veio até mim e me deu um beijo quente, extremamente quente.

-Quinn... -Eu disse tentando sair do beijo, minha razão dizia para eu sair, mas meu corpo não me respondia.  

-Rachel... você tem noção do que eu estou passando. -Ela disse ainda me beijando.

-Tenho... -Então eu me afastei respirando e tentando manter o controle.

-Eu quero transar com você! -Ela disse com uma cara de euforia, o que me fez rir.

-É recíproco. -Eu disse colocando as mãos no bolso e observando seu belo corpo.

-Então, você já não me amou o suficiente pra isso? - Ela disse cruzando os braços.

-Quinn, não vamos falar disso novamente, ok? -Eu disse rindo e ignorando o desespero dela.

-Você acha que gosto de me tocar pensando em você? -Ela disse prendendo toda a minha atenção agora.

-Quinn, isso é golpe baixo. -Eu disse a olhando sério.

-Sim, é... bem baixo, quente e solitário... -Ela disse e então ela se sentou no sofá e abriu o short, e simplesmente começou a se tocar logo jogando a cabeça para trás em instinto, fazendo com que eu fosse até ela imediatamente.

-Você ficou louca? -Eu disse retirando a mão dela do short e sentindo o cheiro de sua situação, fazendo com que eu perdesse todo o controle. Então começamos a nos beijar ferozmente, e todo o meu sentindo saiu, eu logo retirei a blusa dela, e quando eu pensei em tocá-la. Santana entrou na sala de repente, fazendo nós darmos um pulo imediato do sofá o mais envergonhadas possíveis.

-Você não podia bater na porta? -Quinn disse ofegante fazendo Santana levantar a sobrancelha.

-Você não podia trancá-la... ou melhor, transar em outro lugar que não fosse aqui? -Ela disse sorrindo ironicamente.

-É... com licença, eu... eu vou indo. Até mais tarde Quinn. -Então dei um beijo rápido em Quinn e sai envergonhada.

Quinn pov's

-Droga. -Eu disse baixando a cabeça, enfim eu estava conseguindo quebrar a castidade de Rachel, mas Santana entrou.

-Ok, eu estou traumatizada. -Ela disse colocando uns papéis na minha mesa. -Você vai ao show mais tarde? -Ela perguntou.

-Sim... -Eu respondi a olhando.

-Quer que eu passe pra te buscar ou vai com Rachel? -Ela me pergunta.

-Eu vou com Rach... não se preocupe. -Eu disse sorrindo, então ela sorriu de volta e foi saindo da sala, quando ela chegou na porta ela se virou e disse.

-Dá próxima, tranque a porta, obrigada.- Então saiu sorrindo fazendo eu baixar a cabeça na mesa e rir também.

Santana pov's

A cena de Rachel e Quinn havia me traumatizado com toda certeza, mas depois eu só sabia rir da situação, e claro seria mais uma coisa para implicar com Rachel, eu gostava dela, mas gostava ainda mais de implicar. Então fui até o estúdio onde Brittany estava dançando, eu fiquei observando de longe, B dançava com uma maestria única, ela colocava a alma naquilo, eu estava tão apaixonada, a amava tanto que daria a minha vida por ela se fosse preciso. Então a música acabou e ela parou de dançar e eu comecei a aplaudir vendo ela procurar de onde vinha o barulho.

-É você... -Ela disse envergonhada, balançando a perna e baixando a cabeça. Sempre que Britt ficava envergonhada ela ficava vermelha, e baixava a cabeça.

-Desculpe atrapalhar, você estava dançando e acabei ficando hipnotizada pelos movimentos, você dança tão bem... -Eu disse sorrindo para ela que continuava vermelha.

-Ham, você está me deixando com vergonha. -Ela me olhou toda vermelhinha fazendo com que eu fosse até ela e a beijasse carinhosamente.

-Desculpe, não era a intenção, eu vim combinar o horário para te pegar... -A Dream faria um show hoje no Central Park, era um show beneficente, não importa quantos milhões nós ganhávamos, nós sempre faríamos shows beneficentes, eu posso ser a vadia que for, mas eu sempre ajudarei de alguma forma quem precisa.

-Bom... Você pode me pegar a noite toda, se quiser. -Ela disse sorrindo maliciosamente.

-Oh, com certeza irei. Mas agora falando do horário do show. -Eu ri e dei um pequeno selinho nela.

-As 7Pm está bom pra você? -Ela me pergunta.

-Está ótimo. -Então eu a abraço e dou um pequeno beijo. -Eu amo tanto você. -Eu digo sorrindo para ela que logo fica vermelha.

-É incrível como você consegue me deixar boba tão fácil, eu também amo você, mais que tudo. -Ela me responde e me da pequenos beijinhos.

-Então, até mais tarde.- Eu digo me despedindo dando o último beijo nela e saindo do estúdio. Logo que sai Jake veio em minha direção.

-Miss Lopez, posso falar com você um segundo? -Ele diz então eu paro.

-Sim, quer ir até minha sala? -Eu pergunto.

-Não é necessário, ham... A senhorita sabe que não sou muito de pedir nada não, mas esse show é importante pra mim como cantor, e eu queria muito pedir para cantar uma música com meu irmão, na verdade ele que pediu pra cantar comigo e eu gostei da ideia, será que isso é possível. -Ele me perguntou e eu pensei, que mal tem, é só uma música.

-Claro Jake, você só fala com o pessoal da banda e acerta os detalhes certo, e que seja depois dos sucessos iniciais. -Eu disse sorrindo.

-Obrigada Miss Lopez... -Ele disse sorrindo e me abraçando. Então fui à minha sala pegar uma coisas e ir pra minha casa. Me despedi de Quinn e Britt. Procurei uma roupa para usar a noite, então optei por um short vermelho e uma camisa social listrada vermelho com branco com a gola fechada e uma sandália preta. Fui dar um trato no meu cabelo e ia passar na casa de Britt as 7Pm.

Quinn pov's

Eu estava me arrumando, Rachel passaria para me pegar as 7Pm, tínhamos lugares especiais reservados pelos patrocinadores da Dreams, eles fariam um show beneficente para crianças imigrantes, Santana era Latina então ela sentiu na pele o peso, assim como Rick e alguns artistas do nosso meio. A hora havia chegado e Rachel parou na frente da minha casa, eu tinha feito um penteado no cabelo e escolhido um vestido tomara que caia preto bem colado ao corpo, provocar Rachel era minha missão de vida dos últimos dias, e um clássico batom vermelho, Rachel estava em um vestido rosa com branco e uma sandália de salto. Ela estava tão fofa enquanto eu estava tão provocante. Pensar naquilo me fez sorrir. Então eu me aproximei dela e dei um beijo rápido para não tirar o batom.

-Você está linda. -Falamos ao mesmo tempo e logo sorrimos. Então ela abriu a porta do carro e eu entrei, logo em seguida ela entrou e fomos rumo ao show.

Brittany pov's

Já estava quase na hora e eu estava apenas colocando o vestido, então fiquei pronta e alguns minutos depois Santana chegou. Ela estava em um conjuntinho lindo, tão fofa que eu sorri imediatamente ao vê-la. Eu tinha optado por um vestido preto colado ao corpo, porém um pouco mais formal. Então ao me ver encostada no carro ela sorriu.

-Eu não vejo a hora de te ver no altar. -Ela disse quando eu me aproximei, provavelmente fiquei da cor da roupa dela de vergonha. Santana sempre me deixava sem jeito, eu amava a forma que ela mexia comigo. Então eu sorri e respondi.

-Eu não vejo a hora de te ver me esperando no altar. -Então ela também sorriu e tirou as mãos do bolso e me abraçou.

-Provavelmente eu serei a pessoa mais feliz do mundo. -Então ela me beijo lentamente, terminando o beijo com um sorriso. Como Kitty disse, aquela cruzada de olhos mudou completamente a minha vida. Ela abriu a porta do carro para mim e eu entrei, logo depois ela entrou e fomos para o show. Chegamos lá e cumprimentamos Quinn e Rachel, depois do fato que ocorreu entre Quinn e Santana eu sempre ficava um pouco insegura, apesar de continuar sendo amiga de Q, eu tinha que confessar que ela era uma ótima concorrência, era linda, sensual e conhecia Santana há anos, mas bom... Casaríamos em breve, não era uma preocupação grande, afinal ela também estava com Rachel e parecia muito feliz o que deixava tanto eu quanto Santana felizes, afinal San se preocupava bastante com Q e nós duas queríamos o melhor pra ela. Chegamos e tivemos algumas entrevistas, alguns repórteres loucos e fãs também enlouquecidas. Ainda bem que Santana não era cantora oficial, pois com certeza eu enlouqueceria de ciúmes, afinal que não se apaixonaria por esta latina caliente? Depois sentamos na mesa e começamos a tomar alguns drinks, o show ia começar. Jake entrou no palco e as garotas gritaram enlouquecidas, nos fazendo sorrir, Santana tinha um carinho enorme por Jake, eles eram muito ligados e ela fazia tudo que podia por ele, eu pude ver o brilho nos olhos dela com o sucesso que ele fazia. Logo Alicia entrou e os gritos continuaram, eles tinham uma boa química no palco, o show correu tranquilo, até que...

Quinn pov's

Tudo estava indo em paz, até que Jake começou a falar anunciando que cantaria uma música com seu irmão Noah.

-Essa música vai para todos aqueles que tem certeza que fariam uma garota mais feliz do que a atual pessoa que ela está. -Puck disse fazendo várias pessoas gritarem e fazendo Rachel me olhar de imediato.

-Por que não me disse que ele ia cantar? -Rachel perguntou brava.

-Eu não sabia, estou tão surpresa quanto você. -Eu disse me defendendo. -Você sabia disso Santana? -Eu perguntei pra ela a fuzilando com os olhos.

-Sim... -Ela disse firme. - Jake pediu para cantar uma música com o irmão, e eu não podia negar, ele é um ótimo garoto, não me da trabalho, e é só uma música Fabrey, tenha calma. Se Puck passar dos limites eu mesmo dou um jeito nele depois. -Ela disse me olhando séria.

Então eles começaram a cantar.

I won't lie to you
I know he's just not right for you
And you can tell me if I'm off
But I see it on your face
When you say that he's the one that you want
And you're spending all your time
In this wrong situation
And anytime you want it to stop
I know I can treat you better
Than he can
And any girl like you deserves a gentleman
Tell me why are we wasting time
On all your wasted crying
When you should be with me instead
I know I can treat you better
Better than he can
I'll stop time for you
The second you say
You'd like me to
I just wanna give you the loving
That you're missing
Baby, just to wake up with you
Would be everything I need
And this could be so different
Tell me what you want to do
Cause I know I can treat you better
Than he can
And any girl like you deserves a gentleman
Tell me why are we wasting time
On all your wasted crying
When you should be with me instead
I know I can treat you better
Better than he can
Better than he can
Give me a sign
Take my hand, we'll be fine
Promise I won't let you down
Just know that you don't
Have to do this alone
Promise I'll never let you down
I know I can treat you better
I know I can treat you better
I know I can treat you better
Promise I'll never let you down
Cause I know I can treat you better
Than he can
And any girl like you deserves a gentleman
Tell me why are we wasting time
On all your wasted crying
When you should be with me instead
I know I can treat you better
Better than he can
Better than he can
Better than he can
Better than he can
Better than he can

 

-Eu queria dedicar essa música a uma garota chamada Quinn Fabrey. Essa é pra você. -Então imediatamente começaram a bater palma e uma luz virou parando em cima de mim, aquilo parecia um pesadelo. Alguns segundos depois a luz parou e o show continuou.

-Talvez você realmente devesse estar com ele. -Rachel disse me olhando, ela estava com tanta raiva que eu podia ver faíscas saírem dos seus olhos. Então ela se levantou da mesa e saiu em disparada.

-Obrigada Santana, muito obrigada. -Eu disse para Santana que me olhou com uma cara de desculpas, então eu sai e fui correndo atrás de Rachel.

Santana pov's.

-Não vai atrás dela? -Britt me perguntou.

-Não, elas tem que se resolver, depois eu converso com Noah, ele passou demais dos limites, aposto que nem Jake sabia disso. -Eu digo.

-Hum, vamos continuar no show? -Britt me pergunta. Então eu viro pra ela e logo sorrio.

-Sim, mas depois vamos há um lugar bastante especial. -Eu digo pra ela que logo sorri curiosa, então a beijo e continuamos curtindo o show.

 


Notas Finais


pam pam pam... O que será que vai acontecer com Rachel e Quinn? :3
Puck sendo idiota como sempre '-'
Capítulo meio safado, confesso. Mas a vida também é isso. hahah :3

Até a próxima ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...