História Amor e ódio - Jikook - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jeon Jungkook, Jikook, Jimin, Jungkook, Lemon, Park Jimin, Yaoi
Exibições 271
Palavras 319
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiew! Tudo pão? (Erro proposital) Finalmente uma fic de Jikook, né?
"Aish, Harumi, tu disse que a próxima ia ser V-hope!"
Gente, V-hope já está nos meus planos, é que eu já tinha terminado de escrever a de Jikook e não aguentei! Tive que postar! Mas vocês vão gostar, unicórnios! It is a promess!
~Bjos no brioco, Harumi

Capítulo 1 - Prólogo


~Jimin's Pov

Acordo com o som do meu despertador e automaticamente o desligo, virando de lado na tentativa de dormir novamente. Algo em vão, já que meu instinto de melhor aluno da classe me obrigava internamente a levantar e ir à escola, tudo o que eu menos queria no momento.

_Droga. - resmungo, enquanto jogo minhas cobertas para algum canto qualquer do quarto e vou para o banheiro.

Jogo meu pijama pelo cômodo assim como tinha feito com os cobertores e encaro meu reflexo no espelho por alguns segundos. Chuto a parede como se para descontar a raiva que sentia apenas de olhar para mim mesmo, mas tudo o que consigo é uma dor absurda no pé. Odeio olhar meu próprio rosto, odeio encarar alguém como eu, alguém tão inútil. O mundo seria melhor sem mim. Pelo menos é o que me dizem diariamente.

Eu vivo num mundo onde as pessoas são categorizadas em betas, alfas e ômegas. Os alfas são considerados superiores, apesar de representarem mais da metade da nossa população, sendo assim extremamente "comuns". Os betas são realmente um grande nada para a sociedade. Normalmente são pessoas pobres e sem muito valor...digamos..sexual. E tem os ômegas. Os tão raros ômegas, que correspondem a apenas 10% do mundo inteiro. Todo alfa sonha em ter seu ômega, os que não tem a sorte de encontrar um se contentam com os betas.

Mas o meu erro...meu maior erro...foi não saber em qual dessas categorias eu me encontro. Eu nunca conheci meus pais e eles nunca esclareceram ao orfanato o que eu realmente sou. Saí daquele lugar desprezível à um ano e agora estudo numa escola financiada pelo próprio orfanato. Sou conhecido por todo o colégio como apenas mais um beta, já que os professores não queriam me fazer passar a vergonha de não saber a qual classe pertenço pra turma inteira.

Sou um inútil, fraco. Fraco por aceitar viver assim.


Notas Finais


Eae, gente? Continuo ou nn?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...