História Amor e ódio - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Ambre, Castiel, Debrah, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Personagens Originais
Tags Castxnath, Nathxcast
Exibições 30
Palavras 1.983
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ohayo minna san

Capítulo 4 - Essa sociedade tão homofóbica


Fanfic / Fanfiction Amor e ódio - Capítulo 4 - Essa sociedade tão homofóbica

Nathaniel pov's on

Acordei, sentei na cama, peguei meu celular e vi que era meia noite, senti uma vontade louca de falar com o ruivo, então ignorando os horários liguei para ele, mas infelizmente caiu na maldita "ligação gratuita, deixe seu recado, blá blá blá!!!" Tentei de novo, a mesma coisa, tentei de novo e finalmente tive sucesso!

Cast: - Hm? Nath, o que queres a essa hora da madrugada?-diz o ruivo com voz sonolenta

- Senti sua falta então decidi ligar... Me desculpa...

Cast:- Hm... Bem sobre o que quereres falar?

- Qualquer coisa, desde que eu possa ouvir sua voz, pra mim tudo serve!

(N/A: É que eu prefiro ouvir, sua voz de sono, domingo de madrugadaaaa 

Cast: - Sinceramente, não podia ser de dia ou algo assim? 

N/A: - Não e ponto final!

Nath: - Desde quando eu sou assim tão "fofo"? 

N/A: - Para de reclamar e vamos voltar a história!)

Cast:- Estou realmente sem assunto e você?

Nath: Também não tenho, mas eu queria saber se você vai pra escola domingo? Cast? (Ele deve ter cochilado...)

Encerro a ligação e fico rolando pra lá e pra cá na cama tentando dormir

~~~~~~No outro dia~~~~~~

Não consegui dormir a noite inteira e hoje estou só o pó, então alguem bate na porta

- Pode entrar!

A porta é aberta e surge minha mãe

Mãe: - Eu e seu pai estamos saindo, se cuide enquanto estivermos fora OK?

- Pretendem voltar muito tarde?

Mãe: - Sim e sua irmã irá pra casa das amigas dela então não terás que se preocupar com ela

- OK...

Ela sai do quarto e fecha a porta

- passarei o dia sozinho... (Ou talvez não!)Pego meu celular e ligo para castiel

Cast: - Oi Nathaniel, desculpa por ter te deixado no vácuo ontem, cochilei sem querer

- Sem problemas, você tem tempo pra vir aqui em casa hoje?

Cast: - Tenho por que?

- meus pais e a ambre vão sair hoje e só voltam lá pra meia noite e eu quero "fazer" com você aqui em casa

Cast: - Hm... OK... De que horas?

- Agora!Cast: - Seus pais ja sairam de casa?

- Sim

Cast: - Ok então chego ai em segundos tchau

- Tchau

Fico deitado na cama e pouco tempo depois ouço buzinas na frente de casa, desço as escadas, abro a porta, deixo castiel entrar e fecho a porta

Cast: - Aqui é exatamente como eu pensei, tudo arrumadinho... Bem esse lugar não importa, o que emporta é você nathEntão ele me beija e nosso beijo começa a ganhar intensidade, ele me deita no sofá ficando por cima de mim, coloca as mãos por dentro da minha camisa, olha pra mim e eu afirmo com a cabeça, então ele tira minha camisa e vê minhas marcas roxas da pancadas

Cast: - O que foi isso!?

 -É que meu pai as vezes se estressa e desconta tudo em em mim

Cast: - Um homem como esse deveria morrer! 

Der repente a porta se abre e Ambre aparece

Ambre: - O-O q-que?

 - Ambre eu posso explicar!!

Ambre: - Seus idiotas! Vocês dois não passam de dois gays idiotas! E pensar que um dia eu te amei castiel...

Então ela sobe as escadas correndo e chorando, castiel me olha confuso e sai de cima de mim, coloco minha blusa e o acompanho até a porta

- E agora o que faremos se a Ambre contar pra alguém!?

Cast: - Se ela fizer isso  resolveremos esse problema juntos

Então ele vai embora, eu vou pro meu quarto e fico deitado lendo, tempos depois ouço a porta sendo aberta, desço as escadas e vejo Amber falando com a Peggy

 Peggy : - Com certeza esse será um assunto de ótima qualidade

Ambre: - Você tera o seu assunto e eu terei minha vingança... 

Peggy vai embora, ela fecha a porta e vou até Ambre

- Ambre o que voc...

Ambre: - Eu não fiz nada além de vingança "irmãzinha"

Então ela da de ombros e sobe as escadas, subo as escadas, vou pro meu quarto, fecho a porta e deliso sobre a mesma

-Meu deus... -falo colocando a mão na testa

Pego meu celular e ligo para cast

Cast: - Alô? 

- Castiel, temos um grande problema!! 

Cast: - Deixa eu adivinha, a ambre contou pra alguém sobre aquilo né? 

- Sim, ela contou pra peggy

Cast: PEGGY!? Sinceramente aquela sua irmã... 

-E agora o que faremos? Estou desesperado!

Cast: - Deixa que amanhã na escola eu resolvo tudo, agora tente relaxar OK? 

- O-Ok

Encerro a ligação e fico pensando no que poderia acontecer comigo caso meu pai descobrisse

 ~~~~No outro dia na escola~~~

Castiel pov's on

Assim que cheguei na escola todos começaram a me olhar de forma estranha e alguns ficacavam cochichando e daí me deparei com o nath

Nath: - Castiel poderia fazer o favor de se dirigir ao grêmio? Precisamos conversar bem sobre suas notas e seus comportamentos

- Aff ok já vou

Chegando lá nath fecha a porta

Nath: (suspiro)  Você ja leu o jornal da escola hoje? 

- Não por que? 

Nath: - Veja você mesmo-diz ele me entregando o jornal 

Logo quando peguei o jornal vi que estava escrito em letras grandes"Nathaniel e Castiel, dois pombinhos apaixonados"

Nath: - Estamos na primeira página- diz ele que estava parecendo que ia explodir de raiva

Então ele respira fundo e diz

Nath: -Bem... Qual seu plano?

- Não direi, mas relaxe, na hora do recreio eu resolverei tudo

Nath: Mas por que não agora?  E por que não me diz o que você vai fazer?

 - Porque na hora do recreio tem mais gente e meu plano é segredo

Nath: - Por favor conta

- Não posso, so digo uma coisa, isso com certeza vai resolver nosso caso

Dou de ombros e saio da sala, fico no corredor e duas garotas ficam cochicham e depois ficam olhando pra mim

- QUI FOI PERDERAM ALGUMA COISA? 

Garota 1: Nã-Não

Garota 2: Calma ai castiel, não foi nada

E depois vão embora

- Aff!!

 Então toca o sinal e fui pra classe, nath ficou a aula toda tentando chamar minha atenção mas o ignorei ate que tocou o sinal para irmos pro recreio

(N/A: Senpai me nota!!)

Nath veio em minha direção e antes que ele pudesse falar alguma coisa eu disse

- todos os alunos ja estão no corredor, essa é a hora perfeita, vem nath- digo puxando ele pro meio do corredor

Chegando lá eu grito

- EI CAMBADA PRESTEM ATENÇÃO!! 

Todos param de conversar e ficam me olhando

 - Com certeza todos vocês leram o jornal, então fiquem sabendo que eu e nathaniel estamos realmente namorando! Incomodados que se mudem 

Então puxo nath e dou um selinho nele na frente de todos, depois ele diz corado

Nath: Ca-Castiel!!! 

Algumas meninas que eram fãs minhas começam a chorar dizendo

Fã 1 : - Por que castiel? 

Fã 2: - Por que logo ele e não eu?

 Fã 3: - Nathaniel seu sortudo!!

 Enquanto alguns caras fazem cara de nojo , dão de ombros e vão embora, então nath me puxa pra longe de todos e ficamos só nós dois

Nath : - Então era esse seu plano? Terminar de me humilhar? E agora meu deus!?

 - Diz ele de cabeça baixa Levanto seu rosto pelo queixo e do um beijo profundo nele, depois paro e digo

- Não se esqueça, resolveremos tudo juntos

Ele começa a chorar e me abraça, abraço ele de volta e acaricio seus cabelos macios, der repente ouvimos a diretora falando por aquele negócio que é tipo um microfone, só que você fala e o som é transmitindo pela escola toda

Diretora: - Castiel e nathaniel por favor dirijam-se a minha sala

- E ferrou... 

Daí nath segura minha mão e diz

Nath: - Vamos nessa cast! 

- Vamos...

 Chegando lá encontramos a diretora sentada de costa para nós em uma daquelas cadeiras pretas, com encosto e que são de rodinhas, daí ela se vira de modo assustador

Diretora: - Escutem aqui, eu não dou a mínima para os interesses sexuais de vocês, mas aqui na escola não OK? Próxima vez que forem pegos fazendo essas coisas dentro da escola, ambos serão punidos entenderam bem? 

Nath: - Sim senhora

- Sim

Diretora: - Então estão liberados...Saímos da diretoria e ficamos no sozinhos no corredor

- Cara, a diretora estava me dando medo, parecia até o Darth Veider naquela cadeira! 

Nath: - kkkkk, só você mesmo cast

Então tocou o sinal e fomos de mãos dadas para a classe, a aula parecia estar durando uma eternidade até que finalmente tocou para sermos liberados, fui para casa junto com nathaniel, no meio do caminho, 3 caras fortes e altos que eram da nossa escola, nos empurram em um beco

- EI O QUE VOCÊS QUEREM!?

 Billy: - Soubemos que vocês eram dois gays, isso é verdade? 

- E SE FOR!? É DA SUA CONTA POR ACASO!?

Rafael: - Esse aí é bem ignorante, deixa eu dar uma lição nele chefe? 

Billy: - Ainda não

Então nathaniel segura meu braço tremendo

Carlos: - kkkkk, enquanto um é ignorante o outro parece uma gazela se tremendo todo

- NÃO DEIXAREI QUE FALEM MAL DO NATH!

Então do um soco na cara dele

Carlos: - SEU!!!

 Ele me da um soco na barriga que me faz cuspir sangue e cair no chão, então fica me chutando

Carlos: - desgraçado!!

Enquanto eles me chutavam, pude ver que Billy e Rafael tinham cercado nathaniel 

Castiel pov's off 

Nathaniel pov's on

Billy e Rafael haviam me cercado e eles começaram a vir em minha direção sendo que 

Rafael vinha com um tronco na mão na mão 

Math: - Hoje você vai saber o que é realmente ser fodido

- ( E agora o que faço?) 

Tentei correr mas Billy me segurou e quando eles estavam prestes a despir-me, Castiel se enche de fúria e puxa Carlos fazendo-o cair e deu varios socos nele,depois se correu e ficou na minha frente me protegendo, os caras deram varios socos e chutes nele até que começou a chover e eles recuaram

Nathaniel pov's off

Castiel pov's on

Eu estava estourado, pisoteado e fortemente machucado, mas nathaniel estava bem e só isso me importava, meu sangue ia sendo levando pela chuva

Nath: Ca-Castiel - diz o loiro num tom de choro

Ele corre e me abraça, mal tinha forças para retribuir mas mesmo assim o fiz

Nath: Ta tudo bem agora

Aquelas palavras ecoavam em meu ouvido me aliviando, então nath colou meu braço direito sobre seu ombro me ajudando a andar

- Eu não preciso disso, consigo andar sozinho

Nath: - Você só esta assim por minha culpa, se eu soubesse me defender sozinho isso jamais aconteceria

- Tsgh e o que você vai fazer? Me leva pra sua casa pra sua irmã me fazer um carinho? Você não pode ir lá pra casa - disse num tom descontraído

Nath: Há fique quieto e apenas ande - suspirou nath

Chegamos na minha casa, nathaniel me deitou na cama e tirou minhas roupas molhadas me deixando apenas de cueca

- hm? Você quer abusar mim -eu disse sorrindo

Nath: - Não seja tolo! Não sei como ainda consegue sorrir depois de ter passado por tudo aquilo - esbravejou o menor

Nathaniel vasculhou todo o banheiro até encontrar um kit de primeiros socorros, ele abriu a caixa e começou a fazer curativos em mim, era realmente bom ser cuidado por ele, quando terminou o mesmo foi em direção a porta

- Ei vai me deixar sozinho aqui?- eu disse num tom manhoso

Nath: - Irei prepara algo pra você comer - disse ele corado

Ele saiu e voltou com algumas coisas comestíveis que encontrou na geladeira

Nath: - Foi difícil achar algo bom na sua geladeira, só tem cerveja você tem que para com isso

Me sentei na cama e me inclinei para poder beija-lo, o mesmo se sentou a meu lado e nossos lábios se encontraram iniciando um beijo calmo até que nossas línguas se encontraram e ficaram explorando cada canto da boca um do outro

Nath: Nh... Castiel - o loiro se afastou e abaixou a cabeça

- O que foi? - perguntei confuso

Nath: - Isso... Não vai dar certo

- O que não vai dar certo?

Nath: - Durante o caminho que andamos até aqui eu pensei... Que seria melhor se nós nos separássemos para evitar mais problemas como esse

- O-O que quer dizer? (Não pode ser, ele quer mesmo...!?)

Nath: Nós devemos terminar


Notas Finais


Desculpa pelos eps estarem terrivelmente terríveis, sou péssima nisso


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...