História Amor e Vingança (Imagine Jimin e Suga) - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~il-chan

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Ação, Bts, Colegial, J-hope, Jimin, Jin, Joogkook, Rap Monster, Romance, Suga
Visualizações 25
Palavras 978
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura amores.

Capítulo 4 - Quente Demais.


Fanfic / Fanfiction Amor e Vingança (Imagine Jimin e Suga) - Capítulo 4 - Quente Demais.

Suga Levou Ilze para fora.

-O que você está fazendo?. _Perguntei. -Não pode leva-la seu miserável!.

Jimin e seus irmãos passaram por mim indiferentes.

Um deles tirou uma arma pronto para atirar.

-LARGUE MINHA IRMÃ AGORA SEU IMPRESTÁVEL.

suga me ingnorou, desceram todos a escada e eu fui atrás. Um carro esperava por eles na frente do prédio.

Não tive escolha a não ser ir com eles no carro.

Chegamos em uma mansão luxuosa do crime.

Parecida com a minha antiga casa nos Estados Unidos.

Suga jogou Ilze no sofá. Ela dormia como uma pedra.

Jimin pegou minha mão e abriu a boca para dizer algo e acabou fechando-a de novo .

-Vamos deixar sua irmãzinha aqui, amanhã veremos o que fazer com as duas._Disse suga.

-E Jhenni?._Jimin pergunta.

-Como eu disse, ela é sua responsabilidade maninho.

-Vocês mataram aquele senhor.

-Pessoas morrem todos os dias Jhenni. _Nan-joon disse friamente.

- Ilze não pode dormir aqui, Ela acorda mal humorada quando dorme em sofás.

-Então o que você sugere? Que deixamos ela dormir em.nossas camas? Vocês são reféns caralho!. _Grita Suga.Garoto insuportável.

-Jhenni pode dormir comigo e Ilze com você suga. _Sugeriu Jimin.

Eu arregalei os olhos e fiz uma careta. Não ia dormir com ele.

-Eu dormir com essa vaca? NÃO!. _Gritou Suga de novo.

- Gostei._Disse Nan-joon Rindo.-Não era você que estava sentindo falta da companhia feminina Suga?.

Suga fez cara de nojo.

-Feminina sim, mas esta garota é muito nerd e nada feminina.

Jimin revirou os olhos.

-Suga, Leva logo essa garota e fica de olho nela.

O garoto praguejou algo e levou minha irmã.

-Se ele fizer algo com minha irmã eu o mato.

Jimin sorriu fraco. Ele estava nervoso porque ?.

-A noite foi longa, acho que vou dormir. _Disse um dos meninos.

-Eu também._Falou outro bocejando.

Quando ficou apenas Eu e Jimin na sala imensa, pude notar a decoração de luxo. Eles eram ricos.

- Quando a polícia der por nossa falta...

- A polícia não dará pela falta de vocês, eles estão nas nossas mãos.

Isso sempre é certo, O tráfico sempre tem alguém infiltrado na polícia, no exército, interpol e F.B.I, além da C.I.A é claro. É um meio de manter as coisas em "Ordem".

Não sei como não percebi antes. Eles são traficantes. Assim como minha família e eu era no passado.

Sentei no sofá e tirei minhas botas.

-O que você está fazendo?._Pergunta Jimin.

-Ora, estou tirando as botas pra dormir.

Ele riu fraco novamente. Era Óbvio a tensão.

-Você não precisa dormir no sofá Jhenni, pode dormir comigo, na minha cama.

Senti um arrepio percorrer por todo meu corpo, talvez pela maneira como ele tem dito.

- E-Eu n-não posso.

-Claro que pode. Vem.

Não tive tempo de reclamar, porque ele pegou minha mao e nos levou escada a cima.

Seu quarto era incrível. A cama Kingsize era de fazer inveja até a minha, que eu tinha nos Estados Unidos. A vista panorâmica do quarto era o melhor. Dava para ver toda a Seul.

Ele entrou no que achou ser o banheiro e quando saiu estava só com uma toalha que cobria da cintura para baixo. Deus, me segura. Asiáticos são sexy demais.

Jimin era sarado e Pálido. Tinha uma tatuagem incrível escrita em mandarim.

Mordi o lábio inferior tentando não demonstrar euforia, eu estava quente.

Jesus que visão. Ele foi até o Closet e trouxe umas roupas.

-Esta é para você.

Era uma Camisa grande e branca. Ótima para dormir. Ele fez um gesto para tirar a toalha da cintura. Eu me assustei.

-O que você acha que está fazendo?!!!

-Relaxa, Eu só estou brincando.Vire-se.

-Tudo bem.

Me virei para outro ladopara não vê-lo nu e desprendi meu cabelo.

Não era para ficar mais bonita, apenas gosto de ficar com os cabelos soltos. Ouvi dizer que eles crescem mais a noite se tiverem soltos.

-Pronto._Ele disse e eu me virei para vê-lo usando uma calça moletom cinza e nada mais.

-Você está...

-Sem palavras pra descrever?

Ele estava Gostoso mais eu nunca iria dizer.

-Palavras nunca me faltam.

Ele ergueu as sobrancelhas interrogando em silêncio.

-Você está bem.

-Você não vai se trocar? ou vai dizer que não confia em mim e prefere dormir de jeans?

Revirei os olhos.

Fui até o banheiro, tirei minhas roupas e e vesti a camisa larga dele.até que gicou boa.

Quando voltei ele já estava na cama. Eu estava insegura. Eu não divido cama com garotos.

Fiquei estática por tanto tempo e não percebi que Jimin me olhava intensamente.

-Eu não mordo. _Ele disse sorrindo. - A menos que você peça.

Será que ainda dá tempo de fugir?. Eu caminhei rápido até o meu lado da cama e deitei virada de costas.

-Boa Noite Jimin.

Esperei sua resposta mas não veio.

-Eu não quero dormir agora._Ele murmurou, então senti o meu lado da cama afundar um pouquinho. Quando senti a mão dele deslizar apreciativa por meu quadril e apalpar minha bunda.

OH.MEU.DEUS.

- Tenho uma ideia...Vamos brincar um pouquinho.

-O Que....

Fui interrompida quando ele puxou minha cintura para que eu ficasse de costas para a cama. Ele subiu em cima de mim e eu Senti a fricção de sua dureza contra minha virilha.

-Jimin, S-Saia de Cima de M-Mim.

-Eu sairei, mas quando você quiser isso de verdade.

Um momento depois ele mordeu o lóbulo da minha orelha. Meu corpo reagiu instantâneamente. Ele pressionou suas intimidades mais contra mim. Muito Forte. Eu parei de respirar por uns segundos. Chupou levemente minha bochecha até chegar à boca.

- Você quer que eu pare? Posso fazer isso. _Sussurrou baixinho.

Eu neguei. Estava bom demais para parar agora.

Ele brincou passando a língua por nos meus lábios. Jimin sabia torturar. Um traficante sempre sabe. A Doce Tortura.

Ele pegou firme minhas coxas e apertou quando Devorou minha boca em um beijo.

Continua....


Notas Finais


(^_^)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...