História Amor e Vingança (Imagine Jimin e Suga) - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~il-chan

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Ação, Bts, Colegial, J-hope, Jimin, Jin, Joogkook, Rap Monster, Romance, Suga
Visualizações 18
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Dêem amor a esta fic galera. Boa Leitura! (^.^).

Capítulo 5 - Dormindo com o inimigo


Fanfic / Fanfiction Amor e Vingança (Imagine Jimin e Suga) - Capítulo 5 - Dormindo com o inimigo

Quanto mais eu tentava resistir mais sentia vontade de ter um pouco mais de jimin.

O garoto sabia "brincar".

-Você gosta disso?._Ele pergunta enquanto coloca a mão dentro da camisa

Apalpando meu seio.

-Sim, Sim eu gosto. _respondi quase gemendo. Ele chupou forte meu pescoço. Agora sim eu gemi.

Tudo bem, eu sei que indo longe demais. Mais é difícil resistir. Que mal tem em querer descubrir seu próprio corpo?. A Virgindade é uma só É o que minha mãe falava para mim e ilze.

Ilze

Minha irmã foi sequestrada e eu estou quase transando com o sequestrador. Isso não pode ser!. Que tipo de irmã sou?.

-Jimin, Sai!.

Empurrei ele de cima de mim ainda com a respiração curta. Ele também estava arfante.

-Qual foi o problema? Fiz alguma coisa errada?.

-Não! É só que...Eu não posso fazer isso.

Ele parecia confuso. Passou a mão pelos cabelos bagunçando-os com sua frustração.

-Tudo bem, mais isso ainda não acabou.

Eu abri a boca para contradizer mais por algum motivo me calei.

Deitei na cama de costas para ele novamente, me cobri com o lençol até a cabeça e esperei conseguir dormir.

Será uma noite atormentada.

6 horas depois

Ilze narrando

Sinto um peso nas minhas pernas, abro os olhos lentamente pra me acostumar com a luz do sol. Percebo uma perna em cima da minha e me viro pra ver quem é. Dou de cara com o Suga agarrado a mim, logo dou empurrão nele, o que faz ele se desequilibrar e cair da cama.

-Aiii, o que você pensa que ta fazendo?!_ ele pergunta com uma cara de dor.

- Você que estava agarrado a mim.

Ele se levanta todo nervosinho.

- Como se eu fosse...

o interrompo dando uma gargalhada assustadora.

-Hahaha que roupa Hahaha, que roupa é essa? haha_ não contenho a risada e caio na cama.

-Não tenho culpa, só vestir isso pra dormir por sua causa.

-E como você dorme?

-Pelado.

Ao ouvir isso sinto minhas bochechas queimarem, o que faz ele me olhar descaradamente

-Bom, não me interessa vou pra casa.

-Quem disse que você pode ir embora?

-Eu vou pra faculdade como então?._Pergunto confusa.

- Não me importa, você viu coisas demais ontem a noite e mesmo que você pudesse ir a faculdade já está tarde.

-Só por que você é filho de um dos maiores traficantes de armas do Oriente não pense que pode mandar em mim.

-Quem disse dos negócios da minha família a você ?

- acha que fiquei quieta antes de voltar pra casa? por que você acha que demorei?

- Pra despistar caso alguém tivesse seguindo vocês. _Ele me respondeu.

-Também. Mas além disso precisava descobrir quem era vocês, pensei que eram apenas bandidos de quinta, porém descobri que não.

Ele me encarou com surpresa.

- Como fez isso? não tem nenhuma informação nossa nos bancos de dados por ai.

- Pois é, mas Interpol tinha uma foto de um velhote com 7 crianças e pelas características deduzi que uma delas era você.

- Impossível! até nossos homens tem dificuldades de acessar os arquivos de lá.

- Não sou seus homens.

-Quem você é?._ Ele pergunta.

- Cadê a minha irmã?_ Pergunto mudando o assunto

- Dando pro meu irmão.

- Do que você ta falando?

-Ele a levou pra dormir com Ele, mas não é da sua conta,Vamos tomar café.

- Eu não vou a lugar nenhum antes que você me conte isso direito.

- Então morra de fome._ Ele fala enquanto sai do quarto.

-Aff, quer saber de uma ? Eu vou tomar banho.

Entro no banheiro, tiro minhas roupas e tomo um banho. Lavo meus cabelos e faço minha higiene pessoal. Saio do banheiro entro no closet dele e procuro uma cueca que me sirva, A mais nova possível, e uma blusa longa. Deixo meus cabelos soltos pra secar naturalmente afinal ele é cacheado. Até que ouvi minha barriga roncando, saio do quarto a procura da cozinha.

-To com fome. _ Falo enquanto todos se viram pra me olhar e ficam boquiabertos. - Nunca me viram não?

-Quem te deu permissão pra usar minhas roupas?._ Pergunta o Suga.

- Quem mandou me sequestrar?agora vai ter que aguentar e depois... estou com a mesma roupa e sem tomar banho que não ia ficar.

- Diferente da sua irmã, você não é domesticada._ fala um garoto de cabelos pretos

- Do que você tá falando?_ Pergunto a ele.

-Sua irmã dormiu com o Jimin, só você não ouviu os gemidos ontem a noite. _ Diz Suga com uma cara de deboche. fico vermelha de raiva.

- Eu não acredito em vocês panacas.

- Então porque ela ainda não saiu do quarto? Nos ilumine ilze.

Os garotos abafaram risos enquanto tomavam café. Me sentei mais afastada e peguei uma torrada com geleia.

-Sabe, eu aposto que a noite de Jimin foi muito proveitosa.

-Espero que ele tenha usado preservativo. _Suga comentou

piscando para os irmãos e eu apertei os punhos pronta para bater nesses Cretinos Miseráveis.

- Ilze...Você já acordou. _Disse uma voz vindo da escadaria.

Todos nos viramos para olhar Jhenni.

Ela ainda estava sonolenta. O irmão.de Suga veio logo atrás. Ela Dormiu com ele!.

- Sua Irresponsável! O que você fez?!!!

-Do que você tá falando ?._Ela pergunta assustada.

Suga limpa a garganta antes de falar.

- Creio que ilze está falando dessa marca que meu irmão fez no seu pescoço e também hum...dos gemidos de ontem a noite.

Ela passa a mão no pescoço assustada. Suas bochechas vermelhas me confirmando a suspeita. Ah não podia ser...Ela Tinha se entregado para esse desgraçado?.

-É melhor voçe ter uma boa explicação para isso Jhenni.

-Eu Tenho...Não aconteceu nada.

Suga gargalhou diabólico como sempre.

-Ei Jimin, você foi rápido cara.

Jimin Sorriu e cruzou os braços.

- Jhenni está falando a verdade pessoal, Não aconteceu nada, Ela brochou na hora H.

Minha irmã ficou boquiaberta e fuminou jimin com o olhar.

-Graças a Deus. _Falei relaxando os ombros.

Jhenni parecia irada quando se virou e subiu as escadas.

- Olhem só, uma das irmãs é brocha na cama, já a outra é uma pirralha.

-Cala a boca Suga. _Disse Jin.

- Vamos decidir agora o que fazer com as princesinhas, Estou farto delas._Suga anuciou Sério.

Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...