História Amor em Konoha - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chouchou Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Jiraiya, Kakashi Hatake, Karin, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shion, Temari, TenTen Mitsashi, Toneri Otsutsuki
Tags Naruhina, Sasusaku
Exibições 132
Palavras 2.605
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bem, não me matem pelo capitulo passado hein. Hoje muitos de vocês vão comemorar depois de chorarem pelo passado. Vamos nessa

Capítulo 27 - A verdade


Fanfic / Fanfiction Amor em Konoha - Capítulo 27 - A verdade

SASUKE

Fiquei muito abalado com tudo que aconteceu com Neji, já se passou duas semanas após todo o ocorrido e nesse tempo Karin esta muito estranha, menos grudenta e nervosa, reparei também que ela não tem usado muito seu celular, não a vejo mais com o mesmo, estava saindo da aula quando ela veio em minha direção me convidando para sua casa, não agüentava mais aquilo, sexo com ela era horrível, gozar era uma missão quase impossível.

—Meu amor, minha mãe não vai estar em casa essa tarde, vamos para lá hoje? Não aceito não como resposta se não for você já sabe...

— Tudo bem, não tenho escolha mesmo — Respondi sem nenhuma vontade.

— Nossa meu bebê, que animação, eu já sei como te deixar animado— Falou ela pegando no meu pau.

— Você perdeu a noção, ainda estamos no colégio, aqui não é lugar — Chamei sua atenção.

                                                              

Poucos minutos já estava na casa de Karin, não agüentava mais aquela garota em cima de mim. Não tive escolha e transei com ela mais uma vez, ela era insaciável e aquilo me deixava raivoso. Terminamos a rodada de tortura e ela se levantou para buscar algo para comermos na cozinha, aproveitei para da uma olhada nas coisas dela e buscar mais algumas pista, vesti minha calça e quando percebi a maçaneta da porta virar, me sentei na cama fingindo vestir as meias.

— Pronto meu gato fz seu sanduíche favorito — Falava ela enquanto entrava no quarto com uam bandeija, nela havia dois sanduíches e um corpo de suco.

— Obrigado!— Agradeci pegando o sanduba e o suco.

Terminei de comer e observei que ela estava inquieta ainda mais quando pediu meu celular para ver uma promoção de sapatos e um site, eu estranhei, pois ela tem celular e pode ver isso, foi quando a questionei.

— Cadê seu celular?

— Eu... Meio que o quebrei no dia da festa— Respondeu ela tensa.

Emprestei meu celular ela viu tudo que queria e quando terminei de comer, me despedi dela com um selinho e fiquei pensativo sobre a mudança dela quando perguntei do celular, olhei para o céu e vi uma estrela cadente e fechei os olhos e fiz meu pedido “Minha Sakura de volta” Pedi em silêncio e sorri. Quando de repente parei no meio da rua e abri um grande sorriso, se a Karin estava com o celular ruim a única prova do vídeo ela não tinha mais, comecei a pular na rua e gritar como um louco e agradecendo a kami por aquela luz que a estrela me trouxe, corri para minha casa e liguei para Naruto.

 

Ligação:

— Dobe?

— Alô Teme.

— Baka a Karin estragou o celular delaaaa — Falei entusiasmado.

— Sim, e o que isso tem haver? — Me perguntou ele sem entender.

— Puxa da memória Naruto, você não é tão burro assim

— Hum... Deixa-me ver, o celular da Karin, bem... Hã me desculpa teme não lembro

— A ultima prova que ela tinha do vídeo seu baka dos infernos estava La o celular queimooou — Falei com mais felicidade ainda.

— VERDADE — Gritou ele.

— Eu to livre dobe, livreeeee e a amanhã no colégio eu vou desmascarar ela e ter a minha Sakura de volta.

— Teme, uma coisa é desmascarar ela, mas a outra é que a Sakura agora namora o Gaara, vai se difícil ela largar dele pra ficar com você, não acha? — Me disse ela me jogando um balde de água fria.

 

— [Eu não vou desistir dela, amanhã te conto meu plano, sei que ela me ama e sabendo da verdade volta pra mim.], agora vou desligar que tenho que estudar para a prova, boa noite baka.

— Boa noite teme!

 

Fim da ligação.

 

 

No dia seguinte no colégio, Sasuke chegou sorridente e muito animado e isso causou estranhamento por parte dos amigos, pois o mesmo é bastante serio e não é de rir feito retardado como certo loirinho atrapalhado que conhecemos. Sakura estava com Gaara já na sala naquela pegação de sempre, ate que foram interrompidos com a chegada de todo os alunos a primeira aula era de kurenai com a matéria de física que Naruto odiava, mas Hinata estava lá para ajudar o amado, mesmo ainda bem abalada com a morte do primo a morena não deixou de estar sempre junto ao namorado. Tudo estava indo normal, o Uchiha não parava de olhar para a rosada que percebeu e corou com timidez e disfarçou virando para frente, Gaara em outro canto da sala percebeu as olhadas do moreno para sua namorada e não gostou nada do que via. O sinal do intervalo tocou e todos saíram para o pátio, o ruivo com ciúmes logo tratou de pegar na mão de sua namorada e levar a mesma para a cantina.

 

— Amor, o que esta acontecendo entre você e o Sasuke? — Perguntou o irmão de Temari a namorada que corou.

— Como assim amor, nada, por que disso? — Respondeu ela nervora.

— Por nada, eu reparei que ele ficou te olhando a aula inteira e você as vezes também olhava.

— Que fofinho, esta com ciúmes, vem cá amor ­— Falou Haruno puxando o namorado para um beijo caloroso — Eu sou sua e nada mudara isso, não se preocupe meu príncipe.

— Você é minha— Falou ele dando ênfase no minha.

 

Sasuke chegou a cantina e logo Karin se aproximou, ele a olhou friamente sorriu, ela correu na direção do moreno o agarrando e sem o mesmo esbossar uma reação ela o solta, o mesmo a pega pelo braço e a leva ate onde a rosada esta com o namorado. Nesse momento todos começam a olhar a movimentção e formam uma roda em torno dos casais. Sasuke a joga para próximo a Sakura.

 

— Agora você vai contar para a ela toda a verdade. — Esbravejou ele fitando sakura que olhava sem entender.

— O que significa isso? — Perguntou a rosada sem entender  a cena que via.

— FALA KARIN AINDA!!

A ruiva olhava o Uchiha assustada, mas logo se recompôs e foi para cima do mesmo.

— Que verdade meu gato?

— Se você não falar eu falo — Respondeu ele.

— Você quer mesmo que eu conte pra sua amada aquele vídeo que você me mostrou bem intimi de tudo que rolou entre vocês — ameaçou ela.

Sakura na mesma hora gelou e arregalou seus olhos com  o que Karin disse, Gaara ao perceber o estado da namorada pegou em sua mão e sussurrou para a mesma ficar calma.

 

— Eu não te mandei nada, você que é uma doente e gravou o que não devia e ficou me ameçando, não seja sínica sua vadia suja — Falou o Uchiha já alterado.

— Da pra alguém me explicar essa historia direito — Pediu a rosada.

— Sakura, eu te amo e antes de falar qualquer coisa eu te peço perdão por tudo que te fiz passar esses dias, mas eu tive motivos para fazer isso e vocu te contar agora— O moreno se aproximou de Haruno e  olhou nos olhos da mesma — Karin gravou um vídeo nosso e me ameaçou. Ela disse que iria te expor na internet se eu não ficasse com ela, e com medo de te fazer mal e acabar com sua vida, decidi terminar a pedido e pressão dela, foi isso que aconteceu por isso te deixei para te proteger meu amor.

— Co...mo assim Sasuke? — Perguntou ela.

— Ela me ameaçou todo esse tempo, por isso fiquei com medo de te falar tudo e terminei.

— Verdade Sakura o que ele esta falando, eu o Shikamaru e o Neji estávamos o ajudando. Destruímos todas as copias do vídeo que haviiam no computado dela no dia que fomos fazer trabalho na casa dela e no dia seguinte voltei lá com o shika e terminamos o restante — Se prounciou Naruto com Shikamaru confimando toda a versão do amigo.

 

Sakura olhava para Sasuke com lagrimas em seus olhos e Gaara ao perceber soltou a mão da namorada, ele a olhava com os olhos marejados e se afastou um pouco da confusão. Em um ato de impulso Sakura abraçou Sasuke e o mesmo correspondeu ao seu abraço, ela apoiou seu rosto no ombro do moreno e ali pois a chorar e ele a acariar a o cabelo da rosada tentando a acalmar.

— Me perdoa, me perdoa — Falava ela em lagrimas.

— Calma meu amor vai ficar tudo bem — Disse ele acalmando a garota.

 Diante a distração de todos Karin tentou sair de mansinho, mas foi barrada por Ino e Temari que montaram uma barreia a frente da ruiva.

— Ta achando que vai onde? — Disse Ino.

— Você vai ter que explicar tudo isso sua vaca— Exaltou Temari.

 

Ino então pegou a ruiva pelo braço e lavou ate Sakura — Me desculpe atrapalhar o abraço de vocês, mas tem alguém tentando fuigir e testuda se você não der na cara dela agora eu vou da na sua pra deixar de ser truoxa — Disse Ino chamando a atenção da amiga.

— Ah bem, já estava me esquecendo de você sua vagabunda — Gritou a rosada.

— Ain Sasuke esta doendo, vai mais devagar — Falava Karin imitando Sakura

Antes que a prima de Naruto terminasse de falar, Sakura partiu para a cima da mesma acertando um tapa forte no rosto da ruiva  que logo ficou a marca  EU VOU TE MATAR— Gritou Haruno partindo para cima de Karin que logo caiu no chão com a rosada por cima dela, a garota levava muitos tapas no rosto e arranhões que já estava bastante vermelha, uma coisa ela não era boa de briga a confusão tomou conta do colégio e todos gritavam, por briga ate a diretora aparecer e apartar a briga Sasuke segurou Sakura e Rock Lee Karin que se debatia para se soltar e ir para cima de Haruno.

 

— ISSO POR ACASO VIROU BAGUNÇA — Gritou Tsunade.

 

A diretora logo tratou de mandar todos os alunos voltarem para a sala, pois o intervalo terminou. A mesma levou Sakura, Sasuke e Karin para a diretoria, ela queria uma boa explicação do trio.  Após horas explicando a loira que aconteceu, todos foram liberados menos Karin que aguardava sua mãe na sala da diretora, pois a mesma havia sido expulsa do colégio de Konoha. Sasuke aproveitou a saída junto com Akura e segurou na mão da mesma a impedindo de seguir a diante para a sala.

 

— Vem comigo— Falou o moreno levando a rosada para a quadra do colégio.

— Por que me trouxe aqui? — Perguntou ela confusa.

— Te trouxe aqui, porque antes de voltar a encarar todos, a gente precisa conversar, sabe bem que temos e muito que conversar.

Sakura ouviu Sasuke e desviou o olhar para o céu observando algumas nuvens ganharem formas sobre o azul que ali contia.

 

— Sim precisamos— Respondeu ela.

— Você sabe que eu te amo e se fiz isso foi para te proteger, eu quero te pedir perdão por todas as vezes que te fiz chorara e te tratei mal, pode ter certeza que doeu muito mais em mim, pois eu me machucava e machucava a você também. Sakura que não quero mais ficar um minuto longe de você, eu te amo, amo mais que a mim mesmo e se for possível eu vou mover o mundo para ter você de volta pra mim. — Sasuke falava cada palavra olhando nos olhos de Sakura que estava com o olhar marejado.

— Não vou ser  mesquinha em dizer que na sinto mais nada por você, pois eu estaria mentindo para mim mesmo, eu amo você desde que te conheci, eu venho cultivando um amor comigo a 12 anos Sasuke, é algo tão puro e maior que eu ate. Mas eu estou com o Gaara e ele me faz tão bem, nesse tempo ele se tornou minha base, eu realmente me apaixonei por ele e não quero magoar o mesmo. Não posso deixar quem mais me deu forças e amor para ficar com você, por mais que eu te ame Sasuke eu não posso...

 

A garota abaixou a cabeça e deixou as lagrimas rolarem por seu rosto, o moreno ao ver o sofrimento da rosada se aproximou da mesma e abraçou com vontade e carinho deitando a cabeça da mesma sobre seu peito — Eu não vou desistir de você, mesmo que sua escolha seja ele, meu amor por você é maior que tudo nesse mundo — Disse ele abraçando a mesma com um pouco mais de força, quando a menina levantou seu rosto e encarou os olhos negros do Uchiha a olhando profundamente, suspirou e ele aproximou lentamente os lábios dos da rosada que por um tris não perdeu a cabeça e beijou o moreno, a mesma se soltou do abraço e correu em direção as salas.

 

SAKURA

 

Naquele momento meu coração estav pedindo por ele, pelo Sasuke e era um grito desesperador, mas eu não podia fazer aquilo era errado comigo e com o Gaara, não poderia fazer meu ruivinho sofrer não ele que sempre foi o melhor comigo. Foi então que me toquei, onde ele estava? Desde que aconteceu eu não o vi e puts... abracei o Sasuke em sua frente e o deixei ali. Logo o desespero bateu e eu não sabia o que fazer, o sinal avisando que o fim da aula havia chegado, corri ate a sala e ele não estava lá, todos estavam menos ele, meus olhos encheram de lagrimas e fui ate Temari perguntar dele.

 

— Tema você viu o Gaara?

— Pensei que ele estava com você ele não voltou para a aula depois do barraco no pátio. — Me respondeu ela que também se preocupou.

 

Decidimos procurar ele na escola e nem sinal do meu ruivo, o desepero já bateu e eu não sabia o que fazer, cheguei em sua casa com Temari e nem sinal dele, minha aiga estava muito nervosa elo sumiço dele, ela repetia diversas vezes que não podia ser, ele não poderia fazer tudo de novo, eu fiquei com mais medo ainda e resolvi perguntar o que aconteceu com ele.

 

— Calma Temari, o que houve, por que não pode ser?

— Ele não pode ter uma recaída Sakura, ele se livrou disso e não pode voltar para o buraco novamente. — Me respondeu ela tremendo.

— Como assim voltar para o buraco?

— Sakura o meu irmão já teve problemas com drogas, ele se curou a pouco tempo, mas quando fica triste e nervoso pode ter recaídas e esse sumiço dele é sinal que ele possa estar se drogando...

 

Ao ouvir Temari me explicar às lágrimas meu coração apertou mais ainda, eu estava me sentindo mais culpada do que nunca...

 

 

GAARA

 

Depois de tudo que vi e ouvi naquele lugar, tudo que eu queria era sumir, aproveitei a distração de todos e sai em seguida sem que notassem, pulei os muros do colégio e sai sem rumo, minha cabeça estava confusa demais e só vinha a cena de Sakura abraçando o Sasuke, eu não estava mais agüentando a cada vez que aquela cena aprecia em minha mente meu corção sangrava e uma forte dor tomava conta de meu coração. Resolvi então ir no lugar que sempre me ajudava nos momentos difíceis a minha cura, mesmo que ela fosse momentânea. Cheguei ao local meia hora depois de vagar pela cidade, me dirigi ate o balconista e apertei sua mão.

 

— Olha quem resolveu aparecer por aqui. Meu grande Gaara— Me disse ele com um sorriso no rosto.

— Não quero papo, só aquilo que você sabe o que é

Puxei o dinheiro de meu bolso e entreguei a ele que logo foi buscar o que eu precisava naquele momento, peguei o que queria e o paguei e logo sai dali com meu remédio para as dores.

— Volte sempre meu jovem — Disse ele a me ver sair eu acenei de costas e sai abrindo o pacote.

— Hoje deixarei você me dominar.

 

CONTINUA....


Notas Finais


Bem feito Karin a casa caiu. E agora como Sakura vai reagir em relaçao ao Sasuke e o Gaara será que vai deixar o demônio do passado o dominar novamente? Quer opiniões e obrigado pelo carinho seus lindos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...