História Amor em tempos de dor. - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Drama, Naruto, Revelaçoes, Romance, Sasunaru
Exibições 338
Palavras 2.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, gente nesse capítulo preparem as lágrimas, mas também aproveitem porque vai ser bom, fiquem com raiva sim, mas não desistam do amor, nunca, jamais!

Capítulo 7 - O amor não existe.


Fanfic / Fanfiction Amor em tempos de dor. - Capítulo 7 - O amor não existe.

O senhor Fugaku Uchiha lia seus emails do dia, estava tomando seu café tranquilo, sentia-se bem nessa manhã em particular, muito embora um assunto ainda dominasse sua mente, o aniversário do filho mais velho estava chegando, e ele sentia muita falta de Itachi, é verdade que sabia de todos os passos dele, tinha mandado um homem de sua inteira confiança ficar de olho no seu primogênito, mas tudo que sabia é que o filho vivia bem, estava morando num bom apartamento, sem luxo, mas confortável, trabalhava numa pequena empresa, mas estava crescendo, e que estava sozinho. No fundo ter tido a reação que teve foi um exagero, amava seu filho com todas as forças e foi um choque saber que o mesmo não tinha interesse em mulheres e estava namorando um rapaz, mas agora pensando bem o que isso mudava em suas vidas?

Ainda não sentia-se forte para ir conversar com o filho, mas logo iria, o queria de volta em sua vida, ele era o melhor gerente que já teve em sua empresa, a Akatsu crescia bem mais com Itachi no comando das importações, e ele se dava bem com Sasuke, e isso já era outra dor de cabeça, o filho caçula era um namorador terrível, cada semana com uma garota diferente, e ele tinha medo de que uma aproveitadora quisesse dar o golpe do baú no filho ficando grávida de propósito, pensando nisso, com Itachi esse risco ele não corria...Riu de seu pensamento.

Foi bem nesse momento que abriu um email diferente, um email de alguém chamado Naruto Uzumaki, abriu e leu, mas não acreditou no que lia.

"Olá senhor Fugaku, seu homofóbico desgraçado, sabe quem sou eu? Não! Sou o namorado do seu filho caçula, o lindo e desejado Sasuke Uchiha, sabe o que eu quero? Dinheiro, sim...Eu quero dinheiro ou vou mostrar nossas fotos comprometedoras na faculdade, vou manchar a honra de seu filho caçula, vou deixar todos saberem que Sasuke Uchiha gosta mesmo de homens, não seja idiota deposite a quantia que eu pedi e tudo ficará bem."

"O senhor tem um dia para depositar o dinheiro na conta que enviei em anexo..."

Fugaku leu e releu o email, não acreditava nisso, mas estava ali não é? Bom, dessa vez ele iria confrontar Sasuke, já nem ligava se o filho quisesse namorar um rapaz, mas que fosse alguém de bem, penando nisso deixou seu café de lado e ligou para o filho mais novo, precisava de respostas urgente, pois ele não iria pagar nenhum vagabundo, se Sasuke tinha mesmo se deixado fotografar ele iria pagar o preço de sua imprudência sozinho.

Shikamaru ria sozinho de sua inteligencia, tinha enviado o email e tinha certeza que iria faturar uma grana preta, fazer o loiro sumir do mapa com o rabo entre as pernas e ainda ganhar a confiança de Sasuke, quem sabe pudesse então ter uma chance com o amigo?

Já tinha visto a cena umas dez vezes, editou o vídeo e colocou uma música de fundo, cortou algumas coisas melosas e pronto, o vídeo ficou perfeito, mostrava direitinho o que Sasuke fazia com Naruto no banheiro, só isso causaria a expulsão do loiro da faculdade, Sasuke não corria nenhum risco, nem mesmo sua reputação seria manchada com isso, afinal ele era conhecido por ser o pegador, e o loiro era mesmo lindo, muito embora Shikamaru detestasse admitir isso.

Enquanto isso Sasuke despediu-se de Naruto no frente do apartamento do mesmo e voltou para a casa dos pais, ele não sabia o assunto, mas percebeu que era grave pelo tom de voz do pai ainda pela manhã, mas como tinha prova e muita coisa só pode ir a noite, mal entrou e foi recebido pelo pai com cara de poucos amigos, foram para o escritório e o homem lhe mostrou o email.

-Me diz que você não tem fotos na cama com esse rapaz!

-Pai, o Naruto não faria isso, ele é muito inocente, jamais faria isso, que absurdo! E respondendo a sua pergunta, não tenho fotos na cama com ele, porque não fui pra cama com ele, só trocamos beijos, só isso...

-Pois é bom conversar com esse rapaz, ele é um mentiroso e certamente está te fazendo de bobo, ele quer apenas seu dinheiro, deve estar mentindo, se passando por inocente, mas na verdade é um golpista, eu andei investigando ele e descobri que tem mensalidades em atraso na faculdade, deve ser por isso que ele quer o dinheiro...

-Pai...Não posso acreditar...Sasuke tinha lágrimas nos olhos.

-Filho, eu sinto muito, a pouco tempo decidi que não me importo com quem você ou seu irmão namorem, contanto que essa pessoa seja de confiança, amanhã mesmo vou falar com seu irmão e pedir perdão a ele, eu nunca mais vou ser ignorante com vocês, mas esse rapaz chamado Naruto não presta, fique longe dele, amanhã um dos meus funcionários vai procurar a conta que o moleque me passou e eu vou denunciar ele para a polícia.

Sasuke saiu dali com o coração na mão, era mentira não era? Só podia ser!

Seu telefone vibrou e ele o pegou, era Shikamaru.

-Sasu, tá sabendo? O Naruto postou um vídeo de vocês dois no banheiro, tá bombando na rede, você tem que ver! Não sei meu amigo mais acho que esse cara não presta, ele tá tentando acabar com você, já pensou se seu pai pega isso? Cara, tu tá muito ferrado!!!

-Mas Shika, como ele iria gravar isso? Pensa bem, não faz sentido!!!

-Cara eu não sei, ele deve ter um amigo que fez isso, agora sua reputação está manchada, se prepare...Amanhã na faculdade vai ser um terror!

Sasuke não entendia isso, aquele vídeo era mais constrangedor para o próprio Naruto, então porque? Já era tarde e ele não sabia o que fazer, voltou para seu apartamento e queria dormir, na manhã seguinte iria falar com o loiro e tudo se resolveria...

Mas quando chegou no apartamento Shikamaru estava lá com uma garrafa de vinho na mão.

-Oi, vim lhe oferecer um ombro amigo...

-Não to a fim...

-Só uma taça e vou embora, não seja chato Sasu...

Sasuke sorriu e entrou, aceitou uma taça de vinho e ....Apagou.

Acordou atrasado, com dor de cabeça e meio grogue, procurou seu celular para ver as horas mas ele tinha sumido, achou estranho, mas já estava bem atrasado, resolveu tomar banho e correr para a faculdade.

-Merda, que droga de vinho barato o Shika me deu? Oh céus, estou atrasado, o Naruto já saiu pra faculdade, tenho que correr, preciso entender o que ouve!

Naruto acordou cedo, tomou seu banho e como não viu Sasuke na frente do prédio dele, resolveu ir andando a pé mesmo, quando chegou na faculdade percebeu sorrisinhos e piadinhas ao seu redor, ficavam cada vez piores, até que seu celular vibrou, e ele recebeu um vídeo, o pior vídeo que podia receber, ficou chocado, logo mais recebeu uma mensagem de Sasuke...

"Gostou do vídeo que eu fiz ? É assim que eu te vejo...Foi fácil te enganar loirinho, eu só queria te iludir e você caiu direitinho, eu não acredito no amor, e sabe porque? O amor não existe..."

Naruto sentiu as lágrimas caindo uma a uma, correu para o banheiro, estava em pânico, nem notou que alguns rapazes, amigos de Shikamaru o seguiram, entrou no banheiro tremendo, jogou água no rosto, não podia ser verdade, podia? Não aquele Sasuke, não seu Sasuke, ele não faria isso, faria?

Olhou a mensagem novamente, era dele, do numero dele...

-Sasuke...Falou baixinho chorando.

-E aí loirinho, quer nos divertir um pouquinho? Quanto cobra por um boquete? Somos três, faz desconto ou gosta mesmo de fazer de graça?

Naruto tremeu e se encolheu na parede, aquilo era um maldito pesadelo, só podia ser, ele nem conseguia falar, seu medo tinha o paralisado, ele deixava as lágrimas rolarem, enquanto escorregava para o chão lentamente, assustado demais até para gritar, foi quando viu Shikamaru entrando sorridente.

-Então você queria machucar meu amigo não é? Brincando com o coração dele assim? Pedindo dinheiro ao pai dele, que feio loirinho! Acho que você merece uma bela lição não é mesmo rapazes? O que acham? Uma surra? Ou preferem aproveitar dessa linda boquinha e desse lindo corpinho, como viram no vídeo mais cedo?

-E-eu não sei do que está falando, eu nunca pedi dinheiro a ninguém, nem pro Sasuke, muito menos para o pai dele, que eu nem sei quem é! Por favor me deixe em paz...Pediu choramingando.

Um dos rapazes se aproximou dele e o levantou do chão, o segurando pela gola da camisa e o fazendo sentar na pia de mármore do banheiro, rasgou sua camisa arrancando todos os botões e ele gritou alto com o susto, mas levou um soco no rosto que quase o fez perder os sentidos, e ele ficou tonto, o rapaz o deitou na pia e começou a desabotoar sua calça.

Sasuke correu para a faculdade, mas não achou Naruto em nenhuma parte, até que decidiu ir ao banheiro jogar uma água na cara para se acalmar, qual foi sua surpresa ao entrar e ver Naruto aos beijos com um cara que ele nunca tinha prestado a menor atenção na vida, seu sangue gelou, ele viu o cara com a mão na cintura do loiro, e ele parecia largado em seus braços, e o pior era que tinha mais dois ali, observando, e também Shikamaru.

-O que significa isso? Perguntou Sasuke com a cabeça doendo, estava tonto ainda, e seus pensamentos estavam meio embolados, era como ainda estar bêbado, mas ele só tinha bebido uma única taça de vinho, e foi a noite ainda por cima.

-Que pena que viu isso, eu tentei te avisar Sasu, Naruto é um mentiroso, ele tá te traindo aqui na escola, e eu vim até aqui pegar ele no flagrante, tá vendo só? Agora acredita em mim?

Sasuke sentiu o mundo rodar, uma forte dor na barriga o fez correr para um dos banheiros e vomitar, ele se sentia péssimo, saiu de lá e viu Naruto chorando nos braços do cara, odiou o loiro com todas as forças, em seu estado não percebeu a mancha roxa na face do pequeno, seu estado de pânico, seu medo, na verdade ainda estava drogado, na noite anterior Shikamaru colocou drogas em seu vinho, uma quantidade um pouco alta, e ele estava sentindo os efeitos ainda.

Com grande dificuldade Sasuke andou até Naruto, o encarou bem de frente e antes que ele pudesse falar algo, desferiu um tapa em sua face manchada de lágrimas.

-Eu te odeio Naruto, eu te odeio de todo o meu coração, no final você era pior que as meninas com quem já namorei, o que você é? Um prostituto? É isso? Por isso pediu dinheiro ao meu pai? Por isso mandou o vídeo?

-E-eu nunca...N-nunca fiz isso...Me ajude...Me ajude Sasuke...Implorou Naruto, sentindo o pânico crescer ao perceber o olhar ladino do rapaz que o segurava pela cintura, ele estava machucando seu corpo.

-Te ajudar? Fique com seus amiguinhos aí, deixa eles te comerem, todos de uma vez, nem ligo, pra mim você morreu Naruto, me ouviu!!! Você morreu!!!

Sasuke saiu correndo, ou tentando, já que sua cabeça latejava tanto que ele queria gritar de dor, deu alguns passos e então perdeu os sentidos, caindo no chão.

Shikamaru sorriu, seu plano funcionou, ele deixou os rapazes com Naruto e foi atras de Sasuke, não sem antes informar aos caras sobre o pagamento pelo serviço bem feito.

-Podem aproveitar o loirinho, pago vocês assim que o dinheiro cair na minha conta, até mais...E saiu.

Os rapazes já tinham começado a rasgar as roupas do loiro que a essa altura estava chorando sem ação, foi quando Lee entrou no banheiro, furioso, com alguns golpes de karatê derrubou os caras e foi ajudar Naruto, que estava no chão, tremendo e chorando.

-Calma, eu sei que foi tudo armação do Shikamaru, eu vou te ajudar, vem, vamos sair daqui...

-E-eu não posso, olha minhas roupas...Falou entre soluços o loiro.

Lee tirou a blusa que vestia e a deu a Naruto, era bem grande e cobria o corpo do loiro até os joelhos, encobriria seu peito e suas coxas, onde a calça foi rasgada brutalmente, com dificuldade Naruto se levantou e segurou no braço de Lee.

-Naruto, eles chegaram a fazer algo com você?

-Só rasgaram minhas roupas e me bateram, mas se você não tivesse chegado...

-Tá tudo bem, não sei o que ouve com Sasuke, parece que ele desmaiou ali fora, eu vou chama-lo depois e a gente conversa...

-Não! me leve pra casa por favor, o Sasuke me odeia, ele acredita que eu pedi dinheiro ao pai dele, que joguei esse vídeo na internet, ele acredita em tudo, menos em mim...Eu perdi tudo Lee, tudo mesmo...

-Não fale assim, as pessoas esquecem logo esse vídeo, o Sasuke é meio lerdo mas logo vai perceber a verdade, você pode explicar tudo ao diretor e não será expulso.

-Obrigado Lee por tudo, mas nunca mais vou poder olhar de novo nos olhos do Sasuke, nem vou poder voltar a esse lugar, foi tudo um sonho...O amor não existe...

Lee não falou mais nada, o ajudou a entrar no carro e o deixou na porta de seu pequeno apartamento.

-Cuide-se Naruto, sei que as coisas serão melhores pela manhã, durma...Descanse...

Naruto sorriu triste, tirou o casaco e devolveu a ele.

-Obrigado de novo, você é uma boa pessoa Lee, cuide do Sasuke, adeus...

Lee foi embora, não imaginava que seria a última vez que veria o loiro por muito, muito tempo.

Naruto entrou em seu apartamento e foi tomar um banho, chorou muito, depois pegou sua pequena mala, colocou seus pertences pessoais dentro, suas fotos de família, um pouco de dinheiro que tinha como reserva, seu passaporte e guardou com carinho seu celular, onde tinha uma foto de Sasuke.

Mandou uma mensagem a Neji, se despedindo do mesmo, ele no final tinha toda razão, se envolver com Sasuke era problema, mas era um problema que acabou com sua vida, afinal quando o vídeo chegasse a diretoria ele seria expulso, e mesmo que não fosse era tímido demais para enfrentar os olhares que receberia, e não seria capaz de enfrentar nunca mais Sasuke na vida.

Deixou tudo mais que tinha no apartamento, tinha pagado um mês adiantado, então se sentia tranquilo com o proprietário, nem mesmo seu notebook ele levou, não tinha como levar, e depois seu coração despedaçado estava doendo demais para pensar em coisas práticas, apenas desceu, tomou um táxi e rumou para o aeroporto.

Neji recebeu a estranha mensagem de Naruto...

"Me desculpe Neji, eu me apaixonei por Sasuke,  mas tudo deu errado, tão errado que eu nunca mais quero ver essa cidade, nem a faculdade, nem o próprio Sasuke, não pense que eu não sei que você gosta de mim, mas não posso retribuir, se eu tivesse tentado antes de me apaixonar pelo infeliz talvez tivesse dado certo...Mas você não merece alguém como eu, seja feliz de verdade, não gaste seu tempo me procurando, eu ficarei bem, com carinho...Naruto."

Neji chorou por um longo tempo, antes de sair para bater no Sasuke.


Notas Finais


Lágrimas, tretas e muita tristeza...Mas calma, tem sempre uma luz na escuridão não é?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...