História Amor e/ou loucura - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Drama, Romance
Exibições 43
Palavras 613
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Romance e Novela, Saga, Slash, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Então, eu to escrevendo no computador hj, eu acho mais rápido e fácil. Insiro imagem dps. Eu queria saber oq vcs acham de eu escrever outra, fic. Assim, essa vai continuar enquanto eu escrevo a outro. Se for uma boa ideia, deixem sugestões nos comentários pq eu o tema dessa fic simplesmente brotou na minha cabeça e vai ser dificil pensar em outro. Enfim vo parar de enrolar, leiam ai AEIOUUUUU

Capítulo 17 - Louco


Fanfic / Fanfiction Amor e/ou loucura - Capítulo 17 - Louco

Eu me debatia em meio ao beijo, que já estava ficando nojento. Logo, o homem se afastou e eu podia sentir o seu olhar sobre mim, mesmo que eu não pudesse ver. Ele passava a mão no meu rosto e em meu ombro, como se quisesse mais, eu não falava nada, minha respiração estava pesada e tudo o que eu queria era um abraço. Não dele ou de qualquer outro, mas sim de Taehyung. Eu queria me confortar em seus braços e chorar, muito. Eu estava com medo, só não sabia exatamente o porque. O homem se direciona a porta e sai de lá falando : 

- Eu vou buscar alguma coisa pra gente comer.

Ele sai e deixa a porta destrancada. Provavelmente ele ia voltar rápido e ele também sabia que não tinha como eu sair dali. Eu apenas esperei, com vontade de chorar, gritar, mas apenas esperei. Estava demorando, aquilo seria apenas um teste? O que exatamente ele estava testando? E por que? Eu ia o chamar por "estranho", e logo ele passa pela porta com uma bandeja e uma garrafa :

- Você não fugiu - ele disse surpreso

- É - respondi - eu não sou um desses personagens de filmes idiotas que tentam dar uma de corajosos e acabam se ferrando.

- Eu sei, S/n. Por isso eu te escolhi.

- Aliás, por que você me escolheu? Pra que?

- Ah, S/n. Porque eu te amo. Você é perfeita - ele segura minha mão - e acho que não teria feito escolha melhor.

- E por acaso eu te conheço? - digo um pouco alterada - Eu ia agradecer muito se eu SOUBESSE quem você é!

Ele me beija mais uma vez em meio à escuridão. Ele se afasta em direção a porta de novo, só que ele acende a luz, cegando os meus olhos. Após a ação inesperada, espero meus olhos se acostumarem com a claridade para direcionar meu olhar à ele de novo. Ao olhá-lo, meu coração pulsou forte. Não conseguia acreditar na minha visão, esfreguei meus olhos várias vezes, porém a imagem era a mesma. Meu amigo me sequestrou :

- Yoongi ... digo com a voz fraca

- Agora você sabe quem eu sou - ele me responde debochando da minha cara

- Por que?

- Porque eu sou louco igual você - ele se senta ao meu lado e direciona um bolinho na minha boca - toma, de banana. Seu favorito.

- E agora que você me tem, o que quer que eu faça? - pergunto com a boca cheia

- Basicamente vamos fugir e fazer umas loucuras.

- Yoongi, por favor, eu tenho que voltar pra casa. Minha família vai ficar procupada e o Tae vai achar que a culpa é dele.

- Hmm ... por que a culpa seria do Tae?

- Er ... por nada - respondo nervosa

- S/n por que a culpa seria do Tae? -ele pergunta novamente apertando minhas bochechas

- Porque ... por que estamos namorando - decidi falar logo. Se tem uma coisa que eu sei é que não se deve brincar com um louco.

- É mesmo?- ele pergunta batendo o dedo  no queixo - agora que eu não vou te deixar sair mesmo.

Ele sai do quarto rindo, me deixando completamente perplexa. Eu nunca vi aquele Yoongi na minha vida. Doido e muito provavelmente bipolar. Vai ser melhor se eu obedecer ele antes que alguém que eu me importe se dê mal. Agora que ele sabe que eu estou namorando o Taehyung tenho quase certeza que não vou voltar pra casa. Vou fazer o jogo dele. Eu só quero minha família bem ...

 

 

 


Notas Finais


Tapoha foi tenso ... então queridus ficou bom? Vou colocar imagem amanhã, ah e pensem na ideia de outra fic. Vlw flw


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...