História Amor fraterno e mais um pouco - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Candy Chiu, Dipper Pines, Gideon Gleeful, Grenda, Mabel Pines, Pacifica Northwest, Personagens Originais, Soos Ramirez, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines, Waddles, Wendy Corduroy
Tags Pinecest
Exibições 215
Palavras 564
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Científica, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi povo! Aproveita que você ainda tem tempo antes de ter que ir lavar aquela louça que a sua mãe deixou na pia e vem ler mais um capítulo!

Capítulo 2 - Eu sou Larry Cipher.



POV Dipper

Depois de entrar na cabana, a primeira coisa que nós vimos foi nosso tivô Stan tentando enganar alguns turistas.
-E como podem ver, essa é a única sereia com cabeça de cavalo já vista por qualquer um no mundo inteiro. -dizia ele apontando para um manequim com uma cauda de peixe e uma cabeça falsa de cavalo.
-Incrível!
-Maravilhoso!
-Não se vê isso todos os dias! -diziam os turistas iludidos.
-Oi tivô Stan. -dissemos eu e Mabel ao mesmo tempo.
Assim que ele nos viu, abriu um largo sorriso e veio nos dar um abraço.
-Olha só como vocês cresceram! Dipper, você está do meu tamanho! E Mabel, você está linda!
-Obrigado/Obrigada. -dissemos eu e ela ao mesmo tempo novamente.
-E continuam tão parecidos quanto antes!
Depois de muito conversar e colocar o papo em dia, eu reparei pela primeira vez, que o Soos estava dormindo no balcão e fui acorda-lo.
-Ei Soos! Acorda!
-Não vovó! Eu não quero ter que engolir a senhora! Volte pra casa! -ele parecia estar sonhando.
-Ei Soos! É só um sonho! Levanta!
-Ahm? O quê? Oh! Oi Dipper! A quanto tempo!
-Oi Soos! Como vai?
-Ah, eu vou de carro.
-Não, eu quis dizer,  como você está?
-Estou bem. Sentindo saudades da Melody.
-E onde ela está?
-Ela viajou por um tempo para poder cuidar da mãe que está doente. Mas, véio, eu sinto saudades dela.
-Você vai poder voltar a vê-la em breve.
-É, eu sei. Ei, cadê a Mabel? Eu queria dizer oi pra ela.
-Ela está lá dentro com o tivô Stan.
Eu fui chamar a Mabel. O Soos cumprimentou ela e os dois conversaram um pouco.
-Ei tivô Stan, cadê o tivô Ford? -eu disse
-Ele está lá em baixo, trabalhando.
Eu e a Mabel fomos lá em baixo e achamos o tivô Ford lutando contra alguma coisa que parecia um peixe, mas com patas de aranha e três metros de altura.
-Dipper! Mabel! Socorro!
-Ai, minha nossa! O que nós podemos fazer?
-Rápido! Peguem o soro rosa na minha mesa e joguem nele!
No momento em que o soro tocou no animal, ele se transformou na coisa mais rosa e fofa que se pode imaginar.
-AAAHHH! POSSO FICAR COM ELE?! POR FAVOR! -gritava Mabel
-Hahaha, eu acho que não querida. Me desculpe mas eu vou manda-lo d volta pra floresta amanhã.
-Afffff!
-Mas veja quem esta aí! Meu pequeno aprendiz!
-Oi tivô Ford!
-Olá Dipper. Eu queria pedir um favor a vocês dois. Poderiam me ajudar a reescrever os diários enquanto estão aqui?
-Tudo bem! -disse eu, animado.
-Então vamos Dipper! Nossa primeira aventura este ano em Gravity Falls!
Então pegamos um livro igual ao diário, mas em branco. Fomos em direção a floresta. Quando chegamos lá, parecia ser uma floresta normal, mas eu sabia que aquela mata escondia vários segredos. Alguns minutos depois encontramos gnomos, fadas, e algum tipo de monstro de cinquenta e dois olhos. Fizemos desenhos e anotações. Depois de várias horas dicidimos ir embora, mas uma coisa estranha aconteceu. O tempo parou e tudo ao nosso redor perdeu a cor. Eu gritei:
-BILL!? É VOCÊ?! -uma voz me respondeu mas não era  a de Bill. Era mais grossa e profunda. Então do meio de um portal aberto no espaço, saiu um triângulo de cor azul claro com um olho alaranjado.
-Não Dipper Pines. Eu sou Larry Cipher.


Notas Finais


COMENTEM!!! Por favor.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...