História Amor impossível?(VHope) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Rap Monster, V
Tags Bts, Vhope
Exibições 283
Palavras 505
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oioi gente!
Espero que gostem
Boa leitura

Capítulo 8 - Será?


*Hoseok On*

Fiquei horas naquele sofá esperando Taehyung voltar.

Ele fez isso pra me sacanear ou aconteceu algo?

Tento ligar para ele mas o mesmo não atende. Meu deus, aonde ele deve estar?

Decidi ir para o quarto e dormir. Provavelmente amanhã nos veríamos.

--//--

Acordei e não vi nenhuma mensagem de Tae. Será que o Namjoon fez algo? Ain, eu estou tão preocupado.

Me arrumei correndo para a escola e fui para a mesma.
Taehyung não havia ido e isso me deixou completamente preocupado. Mais do que já estava.

O bom é que Namjoon e seu grupo estavam lá, então significava que não fizeram nada com meu TaeTae....certo?

O dia passou bem rápido, e eu agradeci demais. Chegou a hora da saída e eu fui andando para a casa.

Vi Namjoon de longe mas acelerei, tentando chegar logo em casa. Logo sinto um puxão em minha camisa, me fazendo ir para trás com tudo. Vejo Namjoon me segurando, rindo.

- Vejo que ainda está marcado. Que ótimo.-me levantou.- Pena que vai ter mais.-me jogou no muro.-Aonde quer primeiro? Perna, braço, barriga?

-Me deixe em paz. Sai daqui.-continuo no ali, com medo do que ele poderia fazer se eu movesse um dedo.

- Mexeu com o MEU namorado, mexeu comigo.-segurou minha gola da camisa.

- Que logo será meu.-sinto um soco em meu rosto.- Acha que eu ligo?-o mesmo não entende.- Por mais que você me bata, a verdade virá e será jogada na sua cara, você querendo ou não.- percebi que o idiota ia na minha.- Sabe que desperdiçar sua força comigo não dá em nada, pois Taehyung continuará gostando de mim, você querendo ou não.- sinto Namjoon me soltar e andar de um lado para o outro. Mané.-Você não pode obrigá-lo a te amar. Sabe que isso não dá certo.-o vejo virar de costas.

- Ah, sai daqui antes que eu decida te bater.- diz e eu sorrio, correndo para casa.

Tranco a porta, lógico, e me jogo na cama, com preguiça de trocar de roupa.

Fiquei olhando para o teto e tocando meu rosto machucado.

Ligo meu celular e vejo mensagens do Namjoon, que foram enviadas de tarde, e eu não tinha visto.

Nam: Hoseok! Sou eu, o Tae!

Nam: Por favor me tira daqui. Eles me prenderam. Estou preso mas consegui pegar o ceualr do Namjoon.

Nam: Me ajuda por favor. Eu imploro.

Acham que eu acreditei nisso?? Claro que não. Com certeza era Namjoon querendo me trollar, fazendo com que eu fosse na casa dele e apanhasse. Já que eu não vi a mensagem, ele decidiu fazer aquilo na rua, na hora da saída.

Boa jogada, Namjoon, mas você não me pega.

Eu: Aham, e eu estou em Paris dando autógrafos. Boa tentativa, Namjoon, mas eu não caio nessa.

Desligo o celular, suspirando. Pensando em como era idiotice aquilo.

Do nada comecei a pensar que poderia ser verdade, que seria por isso que Tae sumiu.

-Não, isso nunca iria acontecer.- falo, me sentando na cama.- Ou será que sim?-paro, preocupado.


Notas Finais


Ate


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...