História Amor Meu - Capítulo 38


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção
Tags Drama, Romance
Exibições 145
Palavras 642
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um
Ehhhhhhhh
O resto da noite. Boa leitura. Teremos uma cena fofa,... kkkkkkkk
Boa leitura

Capítulo 38 - 38


Lá estavam eles no meio do salão. Maxon fez uma reverencia lhe pedindo a mão que America aceitou fazendo uma reverencia também e colocou a outra mão no ombro dele, ele sentiu um arrepio, então Maxon passou a mão por sua cintura a puxando para mais perto dele e agora ela se arrepiou. E começaram a dançar.

Maxon: Não agüentava mais aqueles homens olhando para você e dizendo o quanto você era bonita. –disse bufando.

America: Então resolveu marcar território. –o alfinetou

Maxon: Claro que sim. Vi a hora de eles irem dar em cima de você.

America: Eles não fariam isso com a esposa de um amigo. –disse rindo

Maxon: Você acha que não. –disse e eles riram. –Ai! –America tinha pisado no pé dele.

America: Desculpe. –disse

Maxon: Acho que vou ter que lhe ensinar a dançar. –disse, então segurou forte na cintura dela e a colocou em cima de seus pés.

America: Maxon você... –mas ele a interrompeu

Maxon: Shhh. Vamos lá. –apertou a cintura dela colando ainda mais seus corpos, e continuaram assim até terminar a música rindo um com o outro. –Agora você vai dança sozinha.

America: Tudo bem professor Maxon. –disse saindo de cima dos pés dele.

Maxon: Você é pesada sabia. –disse fazendo cara de alivio

America: Está dizendo que estou gorda? –disse fazendo cara de ofendida

Maxon: Já tive chance de ver e dizer isso séria uma grande mentira. –disse com um sorriso malicioso

America: Cale a boca –disse dando um tapinha no peito dele e eles riram.

Maxon: Vamos ver se você aprendeu. –Disse  voltando a pose para dança.

America: Cuidado com os pés. –disse rindo

Maxon: Apenas olhe nos meus olhos. –disse levantando o rosto dela, a fazendo olhar pra ele.

Eles ficaram assim, olhando um nos olhos do outro com um sorriso no rosto. America ria com criança quando Maxon a girava. Quando a música terminou eles riam como dois bobos. America viu Aspen os observando de longe com uma cara não muito boa. Então ela olhou pra Maxon no fundo dos olhos dele que parou de rir no ato. E America o beijou, ele correspondeu imediatamente com um beijo delicado, segurou a cintura dela e ela colocou a mão no peito dele sentindo o coração acelerado dele e sentiu um calor percorrendo por seu corpo. Eles ouviram palmas e então se separaram assustados e rindo. America procurou Aspen por  todos os lados mas não o encontrou. Eles saíram do meio do salão indo para um canto da festa.

Maxon: Porque você...- Ela o interrompeu

America: Todos nos acharam um lindo casal não foi. Foi uma ótima idéia.

Maxon: Ah claro! Eu pensei... Deixe para lá. –disse desfazendo o sorriso bobo que estava em seu rosto.

A festa se seguiu durante a noite, Maxon largou sua promessa e bebeu bastante não chegou ao ponto da ultima vez mas estava rindo a toa. Se despediram de August e Geórgia e foram para a mansão.

Maxon: Sabe, por um momento eu achei que você tinha me beijado de verdade. –disse entrando no quarto. –Eu sou mesmo um idiota

America:  Você não é um idiota.

Maxon: Sou sim. Um tolo apaixonado por uma mulher que nem quer olhar para mim.

America: Eu não...

Maxon: Você me odeia America. Eu sei, não precisa mentir. –disse a olhando com tristeza. –E isso me dói aqui. –disse apontando para se coração –Você não imagina o quanto dói.

America: Você está bêbado, durma. Amanhã nós conversamos.

Maxon: Você promete que vai me escutar? –perguntou e ela assentiu –Vamos... vamos fazer um piquinique, você amava piquiniques quando era criança. –disse e eles riram ao lembrar

America: Sim, vamos a um piquinique amanhã. Agora durma logo.

Maxon: Boa noite minha querida. –disse se virando para o outro lado

America: Boa noite Maxon. –disse o cobrindo e alisando o cabelo dele.  

 

 

 


Notas Finais


Eae o que acharam?
E esse piquinique?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...