História Amor Miraculoso - Capítulo 12


Escrita por: ~

Exibições 36
Palavras 636
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa a demora gente, eu tava com bloqueio criativo e o evento da minha escola que está se aproximando não ajuda em nada. Mas chega de conversa e bom capítulo!

Capítulo 12 - Bem vinda Queen Bee!


Fanfic / Fanfiction Amor Miraculoso - Capítulo 12 - Bem vinda Queen Bee!

~MARINETTE~

Falta uma hora pra patrulha com o Chat, a Volp (apelido da Volpina,ebo Turtle, e eu jajá estou na Torre, adiantada milagre né? Enquanto eu os espero vejo uma sombra feminina passado próximo a mim, e não parece a Volp então decidi segui-la

-Hey! -digo chamando a atenção dela- quem é você? - pergunto

Ela sai das sombras e eu consigo ve-la melhor, ela é loira, tem olhos azuis, e uma um uniforme parecido com o meu sonho que o dela é amarelo com listras pretas igual a máscara

-Eu sou a Queen Bee e sou sua fã Ladybug!- diz ela

-cadê seu miraculous? - digo pensando que pode ser um akuma 

-Aqui- ela aponta pra um pente no seu cabelo

-Ok, me diga- então eu volto pra Torre e todos já estão lá

-Atrasada My Lady- diz Chat se aproximando de mim

-Na verdade eu cheguei a uma hora mas sai pois vi ela e a segui- apondo pra Bee

-Oi eu sou a Queen Bee! É um prazer conhecer vocês- diz a Bee

-Oi Sou a Volpina

-sou o Turtle-

-sou o Chat Noir-

Depois das apresentações vamos fazer a patrulha e depois cada um vai pra sua casa manos o Chat que vai pra minha casa

-Acha que devemos confiar nela?- diz Adrien

-Acho que sim, o miraculous dela é igual o da caixa di mestre Fu... mas vamos pensar nisso depois, agora vamos dormir ou eu não vou acordar amanhã e vou me atrasar de novo- digo

-Ok My Lady- diz ele

Nos deitamos e logo dormimos.


~DE MANHÃ~


No dia seguinte eu acordei e o Adrien já tinha ido pra casa, então eu fui me arrumar e depois fui pra escola. Chegando lá Chloe veio até mim

-Oi Marinette- diz ela, é impressão minha ou ela falou em um tom... normal? Geralmente ela fala debochando

-Oi Chloe- digo

-Eu queria me desculpar por tudo que eu fiz pra você antes... eu juro que estou mudando! E queria ser sua amiga- ela diz

-É difícil de acreditar no que você disse...- digo pensando que ela está mentindo

-E-eu sei mas eu queria que você me desse uma segunda chance...- fala meio triste

-Ok Chloe, todos merecem uma segunda chance- digo sorrindo

-Obrigada Marinette!- ela diz e me abraça. Depois a Alya chega e vem até nos com cara feia, já vi que isso não vai dar certo...

-O que você quer Chloe? -diz Alya

-Alya, não arruma briga, ela só estava se desculpando e...- mal termino de falar e Alya me interrompe

-Chloe mudando? Naome faça rir- ela diz rindo. Nesse momento os meninos chegam

-Do que você tá rindo Alya? - pergunta Nino

-A Chloe disse que está "mudando"- ela diz rindo

-Mas é verdade!-diz Chloe

-Duvido- diz Adrien

-Você também? -digo e suspiro -gente todos merecem uma segunda chance! E isso inclui a Chloe -digo

-Obrigada Mari- diz Chloe

-Ok Mari... confio em você e vou dar uma segunda chance a ela- diz Alya

-Eu também- diz Nino

-Eu também- diz Adrien

-Obrigada gente! - diz Chloe sorrindo depois o sinal toca r vamos pra aula, a aula goi normal exceto por Chloe sendo legal com todos e aquele pente nobseu cabelo, eu tenho a impressão de já te-lo visto...


~MESTRE FU~


-Então meu amigo,  o que acha? Eles vão vencer o inimigo? -pergunto ao homem a minha frente

-Talvez mestre, eles são fortes mas o inimigo também é. E coms uas identidades reveladas... -diz ele preocupado

-Não se preocupe eles vão conseguir vencer, e você já falou com seu filho? -pergunto.


-Ainda não... Não sei como dizer a ele que eu fui seu inimigo, ele vai me odiar! -diz triste

-É melhor contar a verdade do que esconde-la dele, conte a ele quando ele estiver com a namorada, vai ser mais fácil e e la vai ajuda-lo a se acalmar e entender- digo paciente

-Sim mestre, o senhor tem razão- diz ele

-Eu sempre tenho razão Gabriel- digo

Então ele vai embora e eu digo pra mim mesmo

-O garoto vai saber de uma revelação e tanto...







Notas Finais


Obrigada por lerem e até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...