História Amor Não Correspondido - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 4
Palavras 1.200
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Genteee, vou fazer vocês vomitarem arco íris com esse capítulo, porque eu amo vocês.

Capítulo 8 - Desespero e.. Amor Correspondido?!


  “- Eu... Eu te amo, Kookie. – eu falo como um sussurro e acabo desmaiando.

            Tudo fica escuro, mas eu sentia estar acordada. Eu somente sonhava e conseguia pensar, não conseguia me mexer. Era tão estranha essa sensação. Eu estava sonhando que eu estava vivendo o acidente que acabei de ter. Consigo ouvir tudo o que falam, mas não consigo responder nada.

~Jungkook on~

            Eu acompanhei Katy na ambulância. No caminho, fui fazendo carinho em seus cabelos. Seu rosto, mesmo com vários ferimentos, estava lindo. Me senti mal por Jimin ter me beijado e... Acho que foi por isso que Katy sofreu esse acidente. Eu sou o culpado dela estar nesta situação. Eu... Eu sou um idiota que feriu os sentimentos de uma garota, fazendo ela sofrer um acidente. Quando vejo, estou chorando. Deixando as lágrimas caírem sobre o meu rosto e percebendo o quando eu amo Katy. Eu deveria ter falado antes, mas agora é tarde demais. Preciso avisar Lisa.

~Chamada On~

            L- Oi, Kookie.

            JK- O-oi Lisa... – falo com voz de choro.

            L- Jungkook, o que aconteceu?!

            JK- Katy sofreu um acidente... Estou na ambulância com ela. Você poderia ir ao hospital?

            L- *começa a  chorar* E-eu vou agora mesmo.

~Lisa On~

            Minha melhor amiga havia se acidentado. E a culpa foi minha. Por que eu mandei ela sair? Eu não poderia imaginar que isso aconteceria!  Agora estou preocupando BamBam, já que estamos namorando agora.

            - BamBam... – eu já estava chorando. – A Katy sofreu um acidente e... Eu vou ir vê-la no hospital. Fique bem sem mim. – dou um beijo em seus lábios e vou caminhando mesmo. Durante todo o caminho fui chorando e recebendo olhares confusos das pessoas que passavam por mim. Eu estava ignorando e tentando não deixar o mundo desabar. Chego no hospital e vejo um Jungkook com a cara inchada e muito preocupado na sala de espera. Eu não estava diferente. Nos abraçamos e junto com o abraço, vieram as lágrimas. Aquele sentimento de culpa estava em nós dois. Jungkook me contou o que havia acontecido e eu decidi contar que Katy gostava dele. Ele ficou se sentindo mais culpado ainda... Não ajudei muito.

            - Licença... – paramos de falar. – Bom, a amiga de vocês está em coma profunda, isso significa que não temos previsão de quando ela irá acordar... Eu sinto muito.

            - Nós podemos conversar com ela mesmo assim? – Jungkook falou com sua alma destruída de tanta notícia ruim.

            - Sim, ela ouve tudo, mas não se lembrará quando acordar. Seria bom vocês conversarem com ela, isso irá ajudá-la a acordar. Se quiserem vê-la, podem ir, mas um de cada vez. – ele falou indo atender outro paciente.

            - E-eu não vou conseguir... Eu estou muito chocado com essa situação, eu venho amanhã... Cuide bem dela, Lisa. – ele me fala dando um abraço.

            - Tudo bem, eu te entendo... – falo entrando no quarto da UTI.

            Um quarto sem muitas decorações e simples.

            - Katy... – passo a mão em seus cabelos. – Obrigada por ter me ajudado com o BamBam. Agora estamos namorando e... – começo a chorar. – Obrigada. Eu não sei o que falar, desculpa. Eu preciso ir, amanhã Jungkook vem.

            E deixei ela lá, sozinha...

~Katy on~

            Eu estava ouvindo alguém falar. Era Lisa. Ela estava falando sobre “ter ajudado ela com BamBam” e também me agradecendo. Eu consegui fazer os dois ficarem juntos? Meu Deus! Tentei me mexer para dar um sinal de que eu estava ouvindo, mas nada do meu corpo queria se mexer. Só ouvindo vozes e sonhava com algumas coisas estranhas... Sonhei que Jungkook estava namorando Jimin e, a esse ponto, acho que é verdade. Eu quero poder perguntar se é verdade, mas não consigo...

6 MESES DEPOIS...

            Eu conseguia perceber que, todos os dias, Jungkook me trazia algum tipo de flor. Eu amava aquele cheiro. Eu queria poder ver a flor, e ver Jungkook. Eu já estava a tanto tempo presa naquele escuro, que eu queria sair. Consigo ouvir Jungkook conversando com Lisa, na porta do meu quarto do hospital. Eu... Consegui abrir meus olhos! Está tudo embaçado, mas com o tempo vai voltando ao normal. Eu estou tão feliz! Eu ainda estava fraca, porém conseguia me levantar. Decidi ficar deitada e fazer de conta que ainda estava em coma, queria ouvir o que Jungkook ou Lisa iriam falar. Que estranho... Não consigo me lembrar das coisas que me falavam enquanto eu estava no escuro...

~Lisa on~

            - Vai lá, se declara pra ela. Tudo bem que ela está em coma, mas ela ainda pode te ouvir. Eu confio em você. – bati no ombro de Jungkook.

            - Tudo bem... – ele dá um longo suspiro e entra no quarto.

            “É hoje que meu OTP se oficializa... Ou melhor, quando ela acordar” – eu penso.

~Katy on~

            Sinto alguém entrar em meu quarto. Conforme vai se aproximando, consigo sentir seu cheiro. Era inconfundível, era Jungkook. Eu estava com vontade de abraçá-lo, de beijá-lo... Mas vou ouvir o que ele tem a me dizer.

            - Bom... Você está em coma, eu sei... Mas, isso não me impede de me declarar para você. Não me impede de falar o quanto eu te amo e me senti culpado pelo seu acidente. Foram poucos momentos em que passamos juntos, mas desde que esbarrei em você... Aquilo foi de propósito. Foi justamente para saber quem era você. Quem era essa menina linda que hoje está em uma cama de hospital. Eu nunca havia contado para ninguém o fato de meus pais serem mafiosos, e você me ajudou com isso. Desde quando você apareceu, eu não tiro os olhos de você. Mesmo você estando aqui, venho todo dia com flores, tentando te ver com aquele sorriso maravilhoso e... Katy, eu te amo como eu nunca amei ninguém antes. O amor que você teve pelo Taehyung não foi correspondido, mas este, vai ser muito correspondido, pois... K-Katy, você ta c-chorando?!

            Abro meus olhos, que estavam cheios de lágrimas, e lhe dou um abraço. Um abraço apertado.

            - Eu... Eu ouvi tudo. – falo em um sussuro em seu ouvido. – Você é um Kookie tão precioso... – dou uma risadinha. – Eu estava louca para poder te ver e te abraçar e...

            Acabei parando de falar com o beijo que Jungkook me deu. Um beijo lento... Apaixonante. Meu coração estava pulando de alegria. Era muita felicidade. Acabamos se separando por falta de ar.

            - Kookie, eu te amo desde o momento que foi “propositalmente” feito por você. Eu sempre te amei. Eu... Eu achava que você estava com o Jimin e... Por isso não me declarei antes. Vocês eram tão próximos... Eu não queria “atrapalhar”.

            - Katy, eu sempre amei você e sempre vou te amar... – ele pega uma caixinha em seu bolso e abre. – Você quer namorar comigo? – vejo seus bochechas se avermelharem e as minhas também.

            - Sim! – lhe dou um beijo demorado. – Mas agora eu acho melhor você chamar um médico e avisar que eu acordei...

            - Ah, sim. Eu venho amanhã, minha princesa. – ele me deu um beijo e vejo ele sair pela sala.

            Começo a rir sozinha. Era muita alegria, muito amor. Eu quero sair logo desse hospital e poder viver minha vida ao lado da minha outra vida, Jungkook.

 


Notas Finais


Chorei :') Próximo capítulo promete


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...