História Amor não impossível - Capítulo 13


Escrita por: ~

Exibições 43
Palavras 2.260
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ecchi, Escolar, Fantasia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


oi mais um capitulo

Capítulo 13 - 13 capitulo


Fanfic / Fanfiction Amor não impossível - Capítulo 13 - 13 capitulo

-amor coidado por favor

-d-deculpa .-entao tirei a peça deixando seus seios libres e capturi um seio e o lambo e o chupo com bontade e minha amade captura com suas mãos os meus cabelos e os agarra com serta forca e o que  faz eu ficar mais perto de seu seio enquanto ela geme não mt alto então sinto ela a tentar desabutuar a camisa para a tirar e eu a ajudo  a me librar da pessa a achogando num canto e de emediato ela passa as mãos pelo meu peito e vai com a boca e beijando e chupando meus ombros peito abdómen e ao primeiro contacto foi a minha vez de gemer .-aaahhh….aaammoor .-olha que já estava prestes a perder o controle de mim com essa sencasao então pego uma das maos de mari e a levo a região da minha exitaçao e a olho como lhe pedise atenção na quela parte então ela desepreta a calça e queloca a mao por dentro da box e masseja o meu pénis e eu gemi então eu desço a box para levertar o meu pau

-amor o que queres que eu fassa

-não sei podias o culocar na tua boca amor

-m-mas não não  cabe, e e m-muito g-grande

-tenta , e então ela fecha a tampa da sanita e se senta e eu me chego para perto dela e segoro meu membro com uma das mãos e mari queloca sua pequena boca no meu membro .-aahhhh… isso….- levo a outra mao a seus cabelose a faso a mober de vai e vem co a sua boca divina aaiii coma esta a ser gostosso esta sensação .- aaahhh amor ahhh… c-continua .-eu gemo me deliciando com a sensação nova e prazerosa eu já estava com a respirasao pesada e tambem suado e mais um pouco e estou casse no meu limite e por inpulço eu infio fundo e com as minhas mao eu emporro a cabeça de mari para meu pénis e gozo em sua boca .-ahahahah.-tento respirar e olho para minha amada e ela estaba com a boca levemente aberta e molhada e parte de seu corpo também .-amor gostaste do que fizeste … agora posso .- eu apontei para tirar sua colsinha

-s-sim g-gostei …p-podes s-sim .-entao eu tirei a ultima pesa e me pos de chuelhos e abri lentamente as suas pernas e coluquei um dedo e movimentei em vai e vem .-aaahhh… aaahhhh….-ela gemia o que era musica para meus ouvidos  e depois tirei o dedo de dentro dela e coloquei a minha boca com o intuito de lamber a chupala toda e foi o que eu fiz mari não parava de gemer e eu continuava a lamber , mari colucou as suas mãos nos meus cabelos e os aoertava e os puxava para conter os seus gemidos senti ela a dar espasmos e eu já sabia o que iria acontecer.-aaahhh… aammoorrr eu eu aahh.-entao aumentei a proesa e ela gozou na minha boca  e eu  engoli todo o liquido  e suvi meu rosto e a beijei

-amor podes te alevantar

-sim para quê

- ponhe as mãos apoiadas a tampa.-entao ela o fez e olha que era uma visão encantadora

-assim esta bem .-entao eu fou com o rosto ate seus ouvidos

-esta ótimos querida …estas pronta

-p-para o que .-mas já era tarde e eu já estava a penetrala .-mmmmm… ahahhh..

-aahhhh aamoorrrr… estas ootima aahh.. – nos gememos  ou mesmo tempo e comecei a estucar mais rápido e fundo nos gemíamos então me inclinei como eu era mais alto que mari também me apoiei ma tampa com uma mao a outra foi ao seu rosto e o virei para mim e nos beijamos como nos já não tínhamos controle não podíamos correr o risco de alguém nos ouvir então continuei a estucar cada vez mais rápido enquanto a beijava os seus lábios pescoço e seus ombros  e ola gemia com os meus toques mas eram abafados por uma das minhas mãos e para eu não gemer alto eu abafava na curvatura dos ombros de mari aminha princesa então mais duas estucadas e chegamos juntos ao auge  do nosso prazer e demos ultimo  gemido e sentimos o liquido quente a escorrer por nossas intimidades como foi gostoso e agora estamos suados e com a respiração descontrolada devido ao  esgotamento que fizemos.- amor deste cabo de mim .-isse a alevantandoa para me sentar na sanita e a incentivei a se sentar no meu colon e ficamos agerrados um ao outro e foi ver as horas .- amor temos pouco tempo 

-é mesmo quanto eu queria ficar mais um pouco assim

-eu também  amor mas não da em cassa ficamos mais tempo sim temos apenas 20 minutos , e o que inventamos         

-não sei …podíamos diser que como estavas comigo eu me lenveri que tinha deixado algo ligado la em casa e tu me acompanhaste

-mas o que , e o porteiro nem nos vio a sair… aaahhh já sei nus tranfirmamos e saímos polando  em telhado

-voa ideia gatinho .-entao achudei a mari a colocar o vestido e a fechalo e amim so me faltava a camisa  e já estávamos prontos para sair então eu abri a porta e espreitei e fomos ao casifo buscar os mossos kwamis subimos para o telhado e nos tranformamos em Ladybug e em chat noir e fomos para a casa de mari e entramos pela janrla de seu quarto, e nos destransformamos

-Porque viemos aqui pessoal.-plagg

-Parece que mari se esqueceu de algo ligado.- então mari foi la baixo  desparcar e quando jegou

- adrian podes vir comigo

-sim amor .- então fomos para a casa de banho e então passamos uma tualha umida com gel de banho para tirarmos o cheiro do corpo

-a-a-adrian e-eu tenho de ir á farmácia

-a para o que estas doente

-naooo é so que fizemos amor 2 vez e nessas duas vezes gozas-te dentro  sem proteção perceber acho que não vais querer ser pai por enquanto

-o quê tu podes engravidar é isso

-é meu amor… e também vou começar a tomar a pilulas diárias  para percalço

-mas pode ser mais logo não á tempo temos de voltar .-entao saímos a pressa de cassa dela para a escola  e fomos para a sala de aula e esperamos pelo sino que indicasse a hora de sais das aulas. E o sino tocou e saíram todos

-entao faltaram á aula por que e logo os dois.- diz ayla

-e mano .-diz nino

-e que a mari e eu fomos a sala e quando nos íamos ter com vocês a mari  fico preocupada porque achou que tinha deixado algo ligado rsrsr… e como estava com ela foi a acompanhar a te casa

- e os teus pais não viam isso

-os meus pais não estão

-a então estiveram so vocês os dois mais minguem

- sim por que ? eu pergunto

- mano podes vir comigo quero falar contigo .-entao olhei de relance para mari e ayla tabem a emporrava igualao nino

-mano não aconteceu nada entre ti e a mari

-porque perguntas

-sabes e que algum tempo eu soube por ayla que mari gosta de ti … vela o que fazes com ela , ela é uma pessoa mt vao com todos e amável

-para dizer eu comecei a sentir algo por ela, não so amizade algo a mais não sei se estas a perceber

-ahh então o senhor agrest esta gostandoda mari

-pode se dizer que sim , ontem eu por pouco a beijei , então inventei que queria aprender a costurar rsrsrs…-dize isso que não era mentira eu queria a achudar para acabarmos mais rápido para poder namorar com ela sem coisas para atrapalhar

-voa mano estas de um bom caminho 

-e tu e ayla estão mais culados que nunca ém?

-isisisi… estamos bem eu acho

-algum beijo mmm?

-aahhh não não .-e ele corar

-aaahh vou ver se acredito vamos ter com as nossas raparigas elas são vem gatas e alguen pode as rouvar de nos rsrsrs…eu falo para ele

Enquanto esto

Mari on

-ai ayla poque me imporras

-menina o que esta a se passar

-pensas que não percevi os olhares de vocês os dois

-aaahhhh o quê?

-tu e o adrian aconteceu algo

-aahhh não não  quer dizer eu acho eu ontem tive a empresam que ele estava mt perto de mim e quando me virei quase nos beijamos mais nada e então ele me pediu para lhe ensinar a costurar mais nada  

-  ai então eu sabia …vãos ter com os rapazes .-ayla dize chegando la adrian  me olhava e me lançou um sorriso e eu para ele .- então meninos .-acenou ayla .-nino vem comigo .-e pegou nino pela camisola e o arrastou para longe

-aqueles dois a coisa .-digo mais para mim

-eu tenho a sertesa querida …e então o que ayla queria

-queria saber se tinha passado algo conosco , eu disse que quase nos beijamos e nino ?

-tambem o mesmo e eu disse que quase te beijei … então todos saviam que gostavas de mim, so menos eu.-ele disse fasendo bico

-rsrsrsr…. Tu eras um desligado que só tinha olhas para a sua lady.-eu peguei o meu celular e tirei uma foto sem que visse

-o que a minha princesa esta e fazer em?

-nada nada podes fazer seu teatro meu caro

-ahhh mostra anda la eu não vou deixarte sossegada vais te arrepender

-a o que .-entao ela se aprocimou para tentar apanhar o meu celular e eu fugi.- aiiii para adrian eu não estava a fazer nado aiiii

-eu vou te apanhar vais te arrepender  …anda ca

-naooo…aiii.- e continuávamos a correr como tontos

Ayla e nino

Nos estávamos a chegar ao lucal que deixamos o nosso casal maravilha quando os vimos a correram como loucos mari estava fujir de adrian

-estes dois estão loucos ou o qué?

-seila sera que foram akumatizados ?

-não sei ou isso ou estão loucos mesmo.- e ouvimos eles a falarem

-aaiiiii … para mari mostra

-hhaaaaa … não tenho nada a mostrar

-qundo te apanhar vais te arrepender

-não me apanhas seu lerdo ahahah…

-Vais ver quem e o lerdo …ate agora estava a brincar.- eu e nino estávamos pasmos com aquilo tudo

-Nino é enpercao minha ao a nossa mari esta a falar normal com o adrian e ainda cosando da cara dele

-não não é enprecao tua esta a acontecer.- e continuávamos a ver a sena

Adrian on

-lerdo lerdo rsrsrsr…. Não me apanhas

-vais ver….- ate agora so estava a brincar.-mas acabou  estávamos perto de uma parede e a encurralei pondo um braço de cada lado de mari.- agora quem acasou quem boneca .-depois  tirei uma das mãos da parede e coluquei em sua cintura a trazendo para mais perto de mim

-adrian e e sse algum ver

-estou me cagando… para se algum ver …estou tucando no que é meu .-e a vejo a corar .-ficas tam bela corada

-cof cof quem esta a tocar de quem é quem?.-eu e mari nos arrepiamos e nos viramos para a voz e era ayla

-e quem fica bela corada em? E agora era nino .-se fodeu

-estavam   bem divertidos e com vastante  íntimos para o nosso gosto meninos

-cof cof .-e larguei a sintura de minha amada . e e que que a mari pegou o meu telemóvel  por isso eu dise  estou tucando no que é meu

-ai é  onde estava o teu telemóvel.-como o meu telemóvel estava no bolço de praz o tirei e entreguei a marinette e ela percebeu e o pegou

-estava nas costas dela agora não sei

-esta aqui rsrsrsr… toma  a-adrian

-E a parte ficas tam bela corada

-isso e a verdade fica linda corado quer diser eu a conheço corada sempre que falo com ela cora então acho lindo .-agora som eles estáticos a procesar o que eu dize

-adrian  acho que fomos longe demais .-mari dize so para eu ouvir

-calma olha como eles estão o nosso plano em nos aproximar esta indo bem meu amor .- falo no mesmo tao  .-pessual vom ficar ai as aulas vom comesar .- e peguei a mao de mari e a puxei para a sala e me sentei no logar de ayla  depois de uns minutos ayla e nino entraram e ayla reparou que estava em seu sitio

-menino sai do meu lugar

-ayla por favor deixa-me ficar aqui.-eu pesso

-ta bem .-e então se senta ao lado de nino, então aproveito para por a  ninha mao sobre a de mari que estava escondida no banco e nimguem podia ver

-amor eu gostava de ficar contigo todas as aulas a teu lado

-eu também mas não dá .-entao entrelasamos os nossos dedos um gesto de carinho

Então as aulas passarance devagar para o meu gosto mas infelizmente já chegou o horário para ir para casa para acabarmos de fazer nossa parte do trabalho e depoi namorar com minha princesa . antes de irmos para casa dela fomos a farmácia e compramos a pilula do dia seguinte que por recomendação não se podia tomar sempre ,e compramos a pilula diária que também era metido contracetivo    

Por hoje acabamos o ultimo fato e já vamos a meio de pequena peça que representa a historia do sistema solar

-Amor podemos acabar por hoje já me doía cabeça de tanto pensar

-por mim tudo bem vamos comer algo como croissants

-nos tambem queremos  comer mari e adrian .-dessem nossos kwamis esfomeados


Notas Finais


comentem e desculpa os erros


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...