História Amor ou maldição - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alvo Dumbledore, Arthur Weasley, Bellatrix Lestrange, Blásio Zabini, Draco Malfoy, Fred Weasley, Gina Weasley, Gregory Goyle, Harry Potter, Hermione Granger, Jorge Weasley, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Pansy Parkinson, Remo Lupin, Ronald Weasley, Severo Snape, Simas Finnigan, Sirius Black
Tags Draco Malfoy, Drarry, Harry Potter, Ronmione
Exibições 266
Palavras 2.048
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Ficção, Fluffy, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom dia ♡

Capítulo 9 - Eu o odeio


Fanfic / Fanfiction Amor ou maldição - Capítulo 9 - Eu o odeio

Draco on


Acordei feliz por Harry ter ficado com ciúmes quando falei que estava apaixonado, como ele pode ser tão lerdo assim em achar que pode ser outra pessoa e não ele? Mas enfim vou me aproveitar dessa situação para fazer mais ciúmes ainda. Fiquei com muita raiva dele quando ficou se esfregando naquela Weasley, sei que não temos nada ainda, mas é que foi muito decepcionante ele acabar de me beijar e já ir ficar de gracinha com outra, sabe eu gosto muito dele e me machuca muito saber que ele tem uma queda ou até pode gostar dela.


- Aqui tá muito claro - Falou se remexendo na cama - Bom dia Draco -Falou e apenas assenti, ainda estava com raiva dele - Tá com raiva de mim ainda? - Perguntou se aproximando.


- Não - Disse grosso.


- Para com isso Draco eu já disse que não beijei e nem fiz nada com a Ginny, mas mesmo se eu fizesse porque se importa tanto? - Harry diz e reviro os olhos, porque eu fui me apaixonar por uma pessoa tão lerda que nem ele?


- Eu não me importo, só estou surpreso porque você acaba de me beijar e já sai transando com outra em público - Menti indignado.


- Transando? Para de exagero - Falou rindo.


- Quer saber não ligo pra isso, agora vamos tomar café que quero ver uma pessoa - Digo e ele fica sério, ele é tão fofo com ciúmes. Descemos calados e ao chegar no salão comunal Pansy me parou.


- Draco!!!! Que bom que você está aí, olha eu estou morrendo de saudade de você, queria tentar uma coisa nova sabe? - Diz ela com um sorriso malicioso, quando ia responder Harry me puxou rápido para a mesa da sonserina.


- Oi Draco - Blásio diz.


- Oi - Falei sorrindo, estou muito feliz por causa do ciúmes do Harry, isso quer dizer que ele sente alguma coisa por mim.


- De bom humor Draco? - Diz ele com um tom de voz de deboche.


- Estou normal - Falei, percebi que Pansy não tinha sentado na mesa ainda.


- Onde está Pansy? - Perguntei dando de ombros e Harry me encarou furioso.


- Ela tomou o café rápido e saiu com Goyle nem me pergunte o que eles estão fazendo - Disse e todos nós rimos menos Harry.


- Só sabe fazer isso - Digo rindo e Blásio assentiu, Blásio terminou primeiro e foi para a aula e eu e Harry ficamos sozinhos.


- Já descobri Draco - Falou.


- Descobriu o que? - Disse.


- De quem você gosta - Harry diz e solto uma risada abafada.


- De quem então? - Falei o encarando.


- Dessa tal de Pansy Parkinson até perguntou dela hoje - Falou, seu olhar parecia triste, gargalhei alto e ele me olhou surpreso.


- Errou Potter vai ter que investigar melhor que isso - Falei e o mesmo ficou confuso - Não gosto da Pansy, só somos amigos - Falei e ele assentiu, suspirando aliviado.


- Menos uma da lista - Falou sorrindo, ri e revirei os olhos, ele sendo lerdo é tão lindo - Eu vou descobrir quem é Draco - Disse me encarando, assenti dando de ombros.


Terminamos de comer e fomos para o quarto e see sentamos nas poltronas.


- O que vamos fazer o dia inteiro? Sabe esses dias estão um tédio, como não tem aula, nunca tem nada pra fazer - Falei e ele pareceu pensar por um instante.


- Não sei Draco o que quer fazer? - Disse.


- O que você sugere? - Digo e o mesmo sorri.


- Hmm, que tal passeamos por Hogwarts? - Falou.


- Vai ser chato fazer isso o dia inteiro - Disse bufando e me esparramando mais na poltrona.


- Então vamos para a sala precisa - Diz Harry e se levanta, dou de ombros e me levanto, também não acho legal ficar na sala precisa, mas é isso ou ficar no quarto o dia inteiro. Paramos em frente a uma parede grande e logo esta parede se transformou em uma porta larga, Harry entrou e me puxou para dentro também, olhei para aquele lugar e estava praticamente vazio, havia duas poltronas e uma mesa do lado das duas.


- O que vamos fazer aqui? - Falei, estava torcendo para ele falar que venho aqui para me beijar e ficar comigo sem ninguém interromper.


- Pensei que a gente poderia aperfeiçoar  os feitiços - Falou retirando sua varinha.


- Boa ideia - Falei pegando minha varinha.


- Expecto Patronum - Disse ele e uma bela luz saiu em forma de uma corça e está corça andava na sala precisa e depois ela sumiu. Nunca tinha visto esse feitiço.


- Que feitiço é esse, não aprendemos ainda - Digo e o mesmo sorri.


- Foi o antigo professor de DCAT Remo Lupin que me ensinou - Disse e cruzei os braços - Quer aprender? - Perguntou, seria meio estranho aprender um feitiço com Harry, mas também seria bem divertido.


- Quero - Falei tentando parecer que não me importo.


- Diga alto e claro Expecto Patronum e pense no momento mais feliz da sua vida - Disse ele e apontei a varinha para o ar pensei em um momento importante e disse alto “ Expecto Patronum” mas nada aconteceu, não saiu nem uma luz da minha varinha.


- Que droga de varinha - Disse chacoalhando a mesma, Harry gargalhou alto o que me fez ficar com mais raiva ainda.


- Calma Draco a primeira vez eu também não consegui, até cair no chão, ou desmaiei não me lembro muito bem porque já faz tempo, mas você foi forte pra não cair igual eu - Falou e ele sorriu de lado.


- Vamos tentar de novo - Disse firme apertando a varinha.


- Tá, agora se concentre mais e pense numa coisa muito feliz mesmo - Disse e fechei bem os olhos.


- Expecto Patronum - Gritei e uma luz fraca saiu da varinha, mas nenhuma luz em forma de animal como a do Harry.


- A coisa que está pensando não é feliz o suficiente Draco, tente pensar em outra coisa - Diz e tentei de novo, uma luz forte em forma de tigre saiu da minha varinha sorri e o animal começou a rodar em volta de mim e depois de Harry, sorri e Harry sorriu também, quando o tigre sumiu, cai no chão, era como se todas as minhas forças tivessem ido embora.


- Draco você está bem? - Harry correu em minha direção me sentando no chão de concreto - Você está bem? - Disse histérico, não consegui deixar de sorrir com a preocupação do moreno, ele era um príncipe, mesmo sendo muito lerdo.


- Estou bem Harry - Falei e segurei mais nele, sentindo aquele cheiro bom de seu perfume trouxa, encostei minha cabeça em seu peito, seu coração estava acelerado, ele me aconchegou em seu abraço e normalizou a respiração - Obrigado por me ensinar Harry - Falei e ele sorriu.


- Não precisa agradecer Draco, pode contar comigo em tudo que quiser - Falou, e o apertei mais, ele se soltou do abraço e segurou em meu queixo para que eu olhe em seus olhos, então ele se aproximou.


- Posso? - Perguntou e sorri de lado assentindo, ele encostou seus lábios nos meus e me beijou calmamente, moveu seus dedo entres meus cabelos e me puxou mais pra si. Como eu posso gostar tanto assim de ter ele perto de mim, de ter seus lábios colados aos meus e de saber que ele se preocupa e tem ciúmes de mim.


- Eu gosto tanto de você Draco - Falou assim que o ar acabou e me abraçou forte, abri um largo sorriso e me aconcheguei em seus braços. Ficamos uns minutos abraçados até que minha barriga roncou.


- To com fome - Falei e ele me soltou, pegando em minha mão e indo em direção a saída, caminhamos de mãos dadas até o grande salão, estava tão feliz de estar de mão dada com Harry, mas minha felicidade se foi quando ele soltou minha mão assim que entramos no salão.





Draco off




Harry on




Quando chegamos na porta do grande salão, soltei sua mão pois não queria interrogatórios por uma coisa tão besta, mas bem que eu queria ficar de mãos dadas com ele pra sempre, sentamos na mesa da grifinória, Ron lançou um olhar de raiva para Draco e Hermione olhou com desdém para nós.


- Olá - Falei, percebendo que eles estavam sentados um ao lado do outro. Eles estão estranhos.


- Oi - Os dois disse em conjunto, ele não estava nem prestando a atenção em nada parece que estavam presos em uma bolha em que só eles existiam.


- Seus amigos estão estranhos Harry - Draco diz fazendo uma careta.


- Eu sei, talvez eles estão assim porque você tratou mal a Hermione - Falei o encarando e o mesmo deu de ombros.


- Que seja. Harry andei pensando em uma coisa, as férias estão chegando e ainda estamos presos e pelo que parece Snape e Minerva não vão nos libertar à tempo das férias - Falei e o mesmo deu de ombros.


- Não ligo mais, já estou acostumado - Falou e ri balançando a cabeça negativamente.


- Tchau Harry, tchau Malfoy - Hermione diz e se levanta com Rony.


- Tchau Harry - Ron fala e lança um sorriso para mim assim como Hermione, os dois saem sorrindo, eles estão esquisitos primeiro ficam andando juntos, coisa que eles nunca fazem, segundo não estão brigando pois é só isso que eles sabem fazer o dia inteiro e terceiro o almoço ainda não acabou as aulas não vão começar agora.


- Oi Harry - Diz Neville e Simas em coral, sorri para eles quando vi que estavam de mãos dadas.


- Oi - Falei - Finalmente - Falei rindo apontando para a mão dos dois, eles se sentaram ao meu lado e olharam para Draco.


- Olá Draco - Diz Neville mas Simas permaneceu quieto.


- Oi - Draco diz sem animação e volta a comer.


- Resolvemos nos assumir, foi um choque para nossos parentes, só que eles ficaram felizes por nós e aqui todos nos deram os parabéns menos as pessoas da sonserina que só sabem fazer brincadeirinhas idiotas - Simas falou encarando Draco.


- Não me olha assim não Finnigan não tenho culpa de vocês se assumirem e muito menos das brincadeiras - Malfoy diz frio olhando diretamente para Simas e Neville.


- Calma gente não precisa se estressar - Falei.


- Tem razão, agora temos que comer rápido ou no atrasamos para as aulas - Neville diz e começa a comer, Simas faz o  mesmo.


- Odeio o Ronald Weasley - Hermione fala entrando no salão, olho para ela curioso - Eu odeio ele, odeio - Diz ela se sentando ao meu lado, Mione estava toda vermelha de raiva e seus olhos estavam marejados.


- O que aconteceu Hermione? - Perguntei a abraçando.


- O seu amigo Ronald, foi isso que aconteceu - Diz ela e olho preocupado para Neville que mantém o cenho franzido.


- O que ele fez dessa vez? - Perguntei.


- Ele estava comigo conversando no corredor e veio aquela Lilá Brown que divide o quarto comigo, ela chegou no Rony e ficou abraçando ele e falou que queria jogar xadrez de bruxo e ele aceitou, Ronald me ignorou totalmente - Falou secando as lágrimas, tinha que ser o Rony mesmo para trocar Hermione por aquela menina.


- Calma Hermione, o Rony é assim mesmo, muito lerdo - Falei.


- Ele não é o único né Harry- Draco diz pra mim e o fuzilo com os olhos.


- Como ele pode me ignorar desse jeito, sei que ele não gosta muito de mim, mas me ignorar assim? Odeio aquela menina que está na grifinória mas parece uma lufana de tão irritante e amorosa que é - Falou com raiva, a abracei mais e ela tentava se recuperar.


- Não sabia que você não gostava da Lufa-Lufa - Draco diz.


- Eu gosto mais quando to com raiva falo coisas sem sentido mesmo - Falou - Vou ao banheiro - Disse se levantando e indo em direção à saída.


- Nós vamos para a aula - Simas diz e Neville se levanta acompanhado por ele, logo em seguida o salão vai ficando vazio.


- Vamos fazer o que agora? - Disse o loiro bufando.


- Que tal andarmos por Hogwarts - Falo e Draco faz uma careta - vai ser legal - Disse e o mesmo deu de ombros.



Notas Finais


Tchau ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...