História Amor ou Ódio. ( Nyongtory ) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Big Bang
Personagens D-Lite (Daesung), G-Dragon, Seungri, T.O.P, Taeyang
Tags Bigbang, G. Dragon, Gri, Nyongtory, Seungri
Visualizações 300
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Ҍҽʍ ѵiղժօ


Fanfic / Fanfiction Amor ou Ódio. ( Nyongtory ) - Capítulo 7 - Ҍҽʍ ѵiղժօ


 Lee Pov.

 

 

 Você só pode ser louco Lee Seunghyun , como você age daquela maneira na cozinha, ele foi bem claro, fique longe dele, eu pensava nisso enquanto tentava dormi, porque aquele garoto era tão estranhamente curioso,mesmo com medo, quanto mais eu tentava manter distancia mais perto ele estava .
 Perdi as contas de quantas vezes rolei no colchão  até que me levantei e fui na cozinha, estava  tudo escuro eu não enxergava nada, até se senti alguém atrás de mim ,me virei para ver quem era e uma  luz veio em minha direção.

-O que é isso?
-Eu sabia que o Hyung ia dormi e não te vigiar...
-YoungBae?
- Isso ai novato.

Ele apontou a lanterna pra seu rosto e em seguida a assobio.

- Porque da lanterna Hyung?
-Você já vai descobrir.

Ele parecia estranhamente feliz, depois de segundos vejo Hyunseung e Jiyong saindo do quarto com lanternas também.

-Cara bem que você falou que o Hyung ia dormi.   –Hyunseung disse sorrindo-
-Eu sei, vá corda ele que eu fico de olho no novato.
-Eu? Sozinho eu não vou YoungBae, deixa o Jiyong vigiando  o novato que você vai comigo.
-Vigando? Eu? O que está havendo?
-Relaxa novato . – Youngbae sorriu -   Jiyong fica de olho nele.
- Tá vai logo. –Jiyong assentiu-

 

Hyunseung e Youngbae  entram no quarto pra acorda o Hyung, e eu fiquei sozinho com Jiyong que  não tirava a lanterna da minha cara, estava tão desconfortável  sozinho com ele, e então com intensão de sair dali  eu dei um passo e me virei , e logo senti  Jiyong  me impedindo com o corpo, droga porque ele tinha que ficar tão perto,  a lanterna estava abaixada  eu não via seu rosto, dei um passo pro lado, mas fui impedido por seu corpo novamente , só que dessa vez, mas perto de mim eu gelei ele estava tão perto, e  eu ficava tão nervoso, porquê?  e cadê os garotos?  Com coragem eu o empurrei, não com força só pra ele se afastar.

- Não precisa ficar tão perto assim.
- Eu fico aonde quiser.   -Disse isso  chegando perto de mim de novo-    Você não manda em mim.
 

Eu ia empurrar ele de novo quando ouvi os meninos chegando, ele pegou meu braço e não consegui reagir, aquela sensação estranha de novo veio sobre mim, ele me levou até a sala  e me sentei em uma das almofadas, os meninos se sentaram na minha frente e Jiyong se sentou mais ao fundo. Meu xará começou a falar.

- Novato essa noite será sua iniciação, bem-vindo a família BigBang.
-BigBang?
-Sim, esse é o nome do nosso grupo, o Yg que escolheu, agora vamos lá.  Nós temos regras  nessa casa ok? Se você respeitar elas tudo ficará bem entre nós, apesar de estar nos conhecendo, queremos  respeito entre a gente, entendido?
- Respeito, entendido.
 

Ele começou a falar coisas como nada de comer o que não é seu ,usar o que não é seu, ajudar com as tarefas da casa, e blábláblá, coisa bem obvias, mas quando acabou de falar das regras da casa ele disse que avisa regras entre eles também.

            -Nós tentamos resolver tudo entre nós entendeu? Diferenças e tudo mais, não guardamos quando o outro nos decepciona ou falta com respeito, temos que tentar nos dar bem.

Quando ele disse isso , eu logo pensei no marrento acho que ele não respeita essas regras.

-Apesar de você e Jiyong terem se estranhado, ele ira se esforça não ira?

Nessa hora ele deu um sorriso tão forçado, que eu  ri da sua cara, ele me olhou em reprovação e eu parei.   O Hyung disse coisa como não sair sem avisar, não levar ninguém pra lá, nada de mais, depois que acabou foi a vez do YoungBae  falar.

-Novato agora é simples, queremos te conhecer, então cada um de nós vamos  fazer duas perguntas e  se acharmos que mente vamos te desafiar, e se você recusar o desafio vai seu punido,
-Punido?
-Sim, vamos te bater. 

Ele falou com um sorriso tão assustador que eu entendi que tinha que aceitar os desafios.

-Eu começo- Meu xará praticamente grito-    Hum.....  – ele parecia pensar-    Você toma banho todo dia?
- O que?

Eles começaram a sorrir e comemorar eu e não entedia o motivo.

-Esqueci-me de avisa que não pode excitar.- Bae me avisou sorrindo-
- Bem eu desafio você  a engolir um ovo cru.  – Hyung estava realmente feliz-
-Que? Não isso não.
-Beleza vamos te bater então.
-Não ,não eu faço.

Droga eu vou acabar vomitando ,Hyunseung trouxe   ovo e eu peguei da sua mão, sem enrolar eu quebrei o ovo, não deve ser tão ruim assim, os meninos riam e me olhavam , abri a boca quebrei o ovo e quando ele entro em contato com a minha boca eu queira vomitar, ia desisti até que Hyunseung fecho minha boca e seguro pra mim engoli, eu tentei afastar mas ele é mas forte então o ovo desceu, eu fiquei com ânsia de vomito uns minutos, até que senti que ele não ia voltar, todos estavam se divertindo, mas Jiyong era o que mas ria, ele deve amar curti com minha cara.

-Bem , minha outra pergunta, você tem alguma irmã gostosa?
-Bem tenho uma irmã mais nova  2 anos e meus amigos dizem que ela é linda.
-Me apresenta?
- Eu pensei que eram duas perguntas pra casa um.
-Idiota.-  Hyung riu e me  jogou uma almofada-
-Minha vez. –Hyunseung  avisou-   Você canta faz quando tempo?
-Hum desde os meus 12 anos.
-Hum, e você é virgem?
-O que? Não  quer dizer não.
- Espertinho você, mas já excitou e eu acho que é mentira ,então  não adianta vai ser desafiado.- ele sorria –  Bem eu quero mostre seu abdômen.
-Pervertido.  – todos riam, menos Jiyong, ele colocou a lanterna bem em mim, eu acho que ele estava ansioso, então resolvi  zuar um pouco,  me levantei e comei a cantarola um musica de strip, Youngbae tapou os olhos e me chamava de pervertido, meu xará assobiava e Hyunseung ria , já o marrento estava serio me olhando eu comecei a levantar a blusa devagar ele não tirava os olhos de mim, mostrei meu  corpo  em seguida  sorri, Jiyong não se mexia e os meninos riam como loucos, depois senti meu rosto quente com  modo que o marrento me olhava e  sentei.

-Pervertido minha vez  - Bae disse-   Vamos lá, bem  diga a verdade você é virgem?

Eu sabia que teria que dizer a verdade que saco.

-Sou, sou virgem.
-Hum já beijou alguém?
- Eu?  Droga!!!!
- E Maknae burro . – Bae sorria tanto que me deu até medo   -   Eu desafio você a beijar o rosto do Jiyong e lhe chamar de oppah.

- O que?  -falamos juntos-
 

 

 


Notas Finais


Oiiiii
eu voltei rápido porque o próximo vai demorar um pouco....
Obrigado pelos favoritos eu amo vocês seus lindo....


O clima está tenso hoje...

E ai o nosso panda vai aceitar o desafio?

e porque Bae o desafiou assim?

beijoooo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...