História Amor por contrato - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 29
Palavras 1.076
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello, esse é o primeiro capítulo da minha nova fanfic. Eu vou estar escrevendo ela sempre pelo celular, pois passo mais tempo aqui e posso postar mais rápido pra vocês. Mas desculpe qualquer erro que tiver e me corrijam nos comentários vou agradecer muito por isso :3. Então Boa leitura..

Capítulo 1 - Prólogo.


Fanfic / Fanfiction Amor por contrato - Capítulo 1 - Prólogo.

Lá estava eu voltando as 4h da madruga para a minha 'Casa', podia dizer assim por que de certo ela era mesmo. Hoje tinha feito um dos meus piores trabalhos de todo esse tempo nessa vida. Já estava acostumada com os homens virgem de meia idade contratando meu trabalho mais nunca um velho raquítico tinha me chamado para acompanhá - lo. Ele era nojento, porém rico e adiantaria muito a minha vida o tanto de dinheiro que o mesmo pagou apenas para lhe acompanhar em uma viagem de um final de semana. Aproveitei bastante pois fomos para o Hawaii, e plenamente só tive que fazer a bonita perto dele por esses dias e já estaria de volta ao meu lar e local de trabalho. Foi uma ótima a viagem em si, ele me respeitou não abusou do meu serviço apenas queria minha companhia como o combinado, ainda bem porque eu não ia transar com ele de maneira alguma..Ele era simpático mais era um velho asqueroso e nojento, imagina como seria o "amiguinho" dele. Recusava imediatamente..Não ia me propor a um trabalho desse nunca. 

Acordo de supetão pela minha suposta colega de quarto e me apresso a entrar no banho e me arrumar enquanto a mesma tagarela do quarto coisas que a chefona tinha falado pra mesma "..Então Sun hee você sabe que a Dae (chefe da Casa das acompanhantes) não gosta que você se atrase. Agora neste momento ela deve estar resmungando e pensando em mil maneiras te de punir por isso..". E a mesma continuava falando em todo decorrer do meu banho, sabia que a Dae não gostava de atrasos mas ontem tinha sido um dia cheio e eu trabalhei demais esse mês precisava de um descanso a mais. "Está tudo bem Soo yun, quem vai ser punida será eu. Não encha sua cabeça com os meus assuntos..". Grito do banheiro em resposta a mesma logo saindo enrolada na toalha e com outra secando meus cabelos. "..Vá na minha frente yun, eu já estou descendo..". Falo me despindo em frente ao espelho começando a me arrumar. "Eu já vou..Mais tenta não se atrasar muito em..". Fala a mesma saindo do quarto rapidamente, dou um sorriso cínico pra mesma e Reviro meus olhos voltando a me arrumar em frente ao espelho. Termino de me arrumar num minuto, ou talvez algumas horas e desço calmamente pelas escadas logo vendo Dae sentada em sua poltrona, parecia estar a minha espera. Apressei meus passos e me sentei no sofá em frente a mesma cruzando minhas pernas. "..Se atrasou né Sun, mas não é disso que quero falar com você. Tenho um trabalho pra você..". Argueo a sobrancelha um pouco surpresa com esse novo trabalho, não esperava ter tantos compromissos assim. "..Nossa eu estou tão famosa assim..". Rio com um certo deboche fitando a mesma como se pedisse para continuar. "..Então, esse será um tanto diferente de todos que você já fez..A pessoa vai pagar um certo valor, bem alto por sinal..". Diz a mesma sorrindo abertamente, quando se tratava de dinheiro ela sempre se alegrava..pilantra. "..Mais dessa vez não virá diretamente para mim, infelizmente.". Deu um leve suspiro como se tivesse decepcionada, Rio da cara de pau da mesma incrível como conseguia ser tão materialista só pensava em dinheiro. "..E o que tem de tão diferente nesse cliente..?". Esperava que fosse um louco por sexo, pra pagarem diretamente a mim e por que queria algo que envolvia sexo. "..Ele vai praticamente te comprar, você vai ter que se casar com ele..". Arregalo os olhos fitando a mesma incrédula como eu iria ter que me casar com um homem praticamente desconhecido..Não eu não poderia aceitar isso. "Não, eu não vou me casar com um homem que não conheço. Recuse essa proposta..". Me coloco de pé num pulo caminhando em direção a escada quando sou interrompido pela mesma que entra a minha frente impedindo minha passagem. "..Você tem certeza que vai recusar uma oportunidade grande dessas Sun ? Você seria tão burra se fizesse isso minha querida..". Fala a mesma enquanto acaricia meu rosto faço um movimento rápido com a cabeça desviando dos toques da mesma. "..Vai perder a oportunidade de concluir seu sonho de conseguir entrar em uma faculdade..? Não era esse seu objetivo aqui, agora que você pode efetua - lo você vai perder a oportunidade de concluir seu sonho de conseguir entrar em uma faculdade..? Não era esse seu objetivo aqui..?". Pior que a vaca sempre tinha um argumento concreto contra mim, eu realmente entre nesse mundo de acompanhante para conseguir dinheiro para entrar numa faculdade de filosofia. "..Quanto ele está pagando pra mim pelo menos conseguir pensar numa possibilidade de aceitar essa proposta..". Após a minha fala a mesma da um sorriso vitorioso pegando minha mão e me guiando até o sofá novamente "Essa é melhor parte do negócio..O preço fica a seu critério, e ele a pagará tal preço por cada ano que completarem de casados..Se você fizer tudo certo. Querida e um casamento de negócios..Não precisa ter sentimentos apenas pense no dinheiro e em seu sonho que está a um passo de se realizar..". Eu fico chocada após a fala da mesma, ele estava realmente disposto a pagar o preço que for para me ter como sua esposa..Uau, eu não sentia como se valesse todo esse sacrifício mais como ela mesmo disse era apenas um casamento de negócios..foco no dinheiro Sun hee. "..E que negócios são esses..? Preciso estar informada sobre o meu futuro marido..". Vejo a mesma abrir abertamente um sorriso satisfeita e logo começa a me informar tudo, ou quase tudo sobre meu futuro pretendente. Ok, ele era o chefe de uma máfia antiga parecia ser do seu pai, já falecido mais que apenas seria passada para o mesmo após ele estivesse casado..Agora entendo todo o interesse do mesmo em arrumar uma esposa. Confesso que tremi um pouco na base ao saber desse seu "Trabalho" e seu temperamento, Dae disse que ele tinha uma aparência séria e parecia carrancudo, comigo ele teria que abaixar um pouco a bolinha..Não estava afim de ouvir um homem desconhecido gritar ao meu ouvido 24h por dia. Amanhã como avisado seria meu primeiro encontro com o mesmo, iríamos se encontrar num lugar calmo e com bastante pessoas, como foi descrito por Dae dizendo ser as palavras do mesmo..Estava um pouco ansciosa e nervosa, acabo dormindo com essa suposições de como seria o encontro com o meu futuro esposo.


Notas Finais


Se gostarem comentem por favor, preciso de uma forcinha pra continuar a fic. Beijos, muito obrigado por lerem e até o próximo capítulo. :v


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...