História Amor Predestinado - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Romance
Exibições 5
Palavras 1.065
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


só para dizer foi essa a cara que eu imaginei que ele faria quando a Aiko e a Sasaki fossem embora e deixassem ele lá

Capítulo 7 - O inferno começa.


Fanfic / Fanfiction Amor Predestinado - Capítulo 7 - O inferno começa.


Acho que eu dormi no sofá quando estava assistindo TV,mas tenho que admitir eu não esperava que nós fossemos virar vizinhos sério até quando ele pretende acabar com a minha vida e me encher o saco? para falar a verdade eu estava muito bem até ele aparecer aqui de novo e acabar com meu dia.Peguei meu celular tentei ligar e estava sem bateria levantei do sofá e fui até meu quarto então o coloquei para carregar e o liguei,quando o liguei cairão tipo umas 16 mensagens de um numero desconhecido.
- Espero nos darmos bem como novos vizinhos.
- Eu senti sua falta.
- Amanhã eu você e o Sorata vamos almoçar juntos. - Cara por que ele esta me mandando tantas mensagens? eu não acredito nisso viu,o que almoçar com ele nem morta.Eu não vou se ele quiser que almoço com o Sorata eu vou é no parque com a Sasaki-chan,falando nela eu fui ver as horas e ainda 13:30,relaxa eu ainda tenho tempo.Depois de olhar as mensagens e apagar todas eu fui até a cozinha e preparei o arroz e a salada que a carne com batata da noite anterior ainda estava boa,comi e me troquei depois fui ao mercado comprar as coisas para fazer um pique-nique com a Sasaki-chan comprei as coisas para fazer uns sanduíche e suco depois uns bolinhos para comemos mais tarde,fui para casa arrumei as coisas para o pique-nique e aguardei dar o horário quando deram 15:30 fui a/p dela e nós seguimos juntas para a parque que tinha lá perto,quando chegamos nos sentamos embaixo daquela arvore e eu comece a contar para ela oque aconteceu nesse meio tempo.
- Então ele voltou? deixa eu ver ele que ele vai tomar uma surra,se eu não tivesse me mudado antes de descobrir o que aconteceu ele já teria tomado uns cascudos. - A Sasaki-chan havia se mudado antes de descobrir que nós estávamos juntos mas depois eu contei tudo a ela pelo telefone e ele fico com tanta raiva que ela que se encontrasse com ele na hora ele estaria morto.
- É ele voltou e ainda nem te contei que nós somos vizinhos. - Eu falei e o olhar que ela fez era terrível dava para se assustar com a aura a 1 Km de distancia.
- Realmente eu vou matar ele,pérai não vai me dizer que ele vai pra mesma escola que a gente? - Realmente hoje ela vai ter que tomar calmante.
- É ele vai. - Mas não é isso que em preocupa o que eu vou fazer se ele descobrir que gosto do Hiroshi-kun e tentar separar a gente se bem nós só somos amigos por enquanto né mas ele não precisa me ajudar coisa que já difícil a ficar impossível.
- E o que eu faço se ele começar a encher a cabeça do hiroshi-kun de mentiras? - Eu falei olhando para ela apavorada.
- Relaxa,se ele fizer qualquer coisa vai se ver comigo pode ter certeza.
- Sério quando você fala assim eu fico muito mais calma.
- Que bom não é? - Ela fala orgulhosa de como me deixa calma,eu comecei a olhar por todo o parque procurando algo legal quando eu vejo o Aki entrando no parque por alguma coisa e seus olhos batem em mim e ele começa a vir na nossa direção.
- Sasaki-chan o Aki enta vindo pra cá agora. - Falei para ela e logo a vasculhar o parque até que acha ele vindo em nossa direção então ela levanta e fica encarando ele com um sorriso macabro de que acabou matar alguém agora.
- Hora hora se não é o destruidor de vidas Aki Atsuya-kun. - Ela fala e seu sorriso aumenta.
- Olha se não é a amiga de infância intrometida. - Ele fala enquanto vai chegando perto de nós com um sorriso também nada amigável no rosto.
- Como pode ser tão descarado de vir atrás dela depois do que você fez pra ela eim? seu nojento. - Ela fala e é possível notar a irritação na sua voz.
- Não fale o que você não sabe,sua intrometida. - Ele fala elevando um pouco o tom de sua voz, e até algumas pessoas que estavam no parque começaram a nos encarar.
- Parem vocês dois se vão brigar vamos fazer isso isso em outro lugar por favor. - Falei já irritada com essa situação atraindo a atenção de todos pra mim por ter gritado,e após perceber que todos estavam me olhando senti meu rosto ficar vermelho automaticamente.
- E outra ela sabe tudo porque eu contei tudo a ela e diferente do que você sabe ela me ajudou muito a te esquecer e me reerguer já que você acabou com a minha vida. - Falei só que mais baixo dessa vez só para nós três escutarmos e depois direcionei um olhar de ódio a ele.
- Tá eu sei que o que eu fiz não foi legal mas eu tive meus motivos. - Ele fala em sua defesa,mas eu dou tapa em seu rosto.
- Não me interessam os seus motivos,esse assunto ficou no passado e essa conversa esta encerrada até eu querer saber o motivo que fez você fazer aquilo e ponto final. - Falei mais séria que de costume e Sasaki-chan me olhava orgulhosa,pegamos nossas coisas de lá não prestando mais atenção no que ele dizia e então fomos pra casa e ao chegar lá combinamos de almoçar juntas amanhã eu fui tomar banho e jantar quando cheguei meu irmão estava fazendo a janta e ele se virou para mim.
- Como foi dia? - Ele perguntou vindo em minha direção.
- Péssimo. - Eu respondi abraçando meu irmão e chorando em seus braços,e depois de um tempo me soltei de seus braços.
- Tudo bem já estou melhor,vou tomar um banho e já venho jantar.
- Tá bom mas não demore. - Ele disse e eu sai de lá indo ao meu quarto tirando a roupa e entrando no box do banheiro deixando a água fria levar toda  essa dor que eu sentia no momento depois de um tempo sai do banho me vesti e fui para a cozinha meu cabelo estava completamente molhado e enrolado em uma toalha,me sentei na mesa depois de me servir,esse jantar passou rápido e sem um barulho que não fosse o do ventilador .


Notas Finais


bom foi isso espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...