História Amor Proibido - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adulto, Amizade, Amor, Revelaçoes
Visualizações 12
Palavras 1.588
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oii turu bom??
♡♡♡♡♡
Esse capítulo vai ser a continuação do velório.

Boa leitura <3

Capítulo 4 - Um beijo?! (Quase um hot?!)


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido - Capítulo 4 - Um beijo?! (Quase um hot?!)

P.O.Vs Diego 

Eu estava ali do sentado ao lado de minha irmã,enquanto caia algumas lágrimas  e ela também.

-Vamos para casa? -diz Elizabeth 

-podem indo na frente vou ficar mais um pouco.-digo

-eu fico aqui se você quiser -Stella diz em meio a um sorriso

-se você não tiver nenhum compromisso,não precisa ficar se não quiser.-digo

-Não me importo com compromissos,quero ficar aqui com você ela também era minha irmã.-Stella diz

-ok,obrigado 

-não voltem tarde! -Elizabeth diz 

-pode deixar que eu cuido dela mãe

-é melhor você Elizabeth ficar com meu pai ele está passando por um momento muito difícil.-Stella diz

P.O.Vs Stella 

Nós estávamos ali observando o sol,o dia lindo que estava,não sei se era uma boa hora de eu falar sobre o bilhete que Camie deixou. Mais alguma hora vou ter que contar não é mesmo? Preciso contar?!pare de ser estúpida Stella você não pode esconder isso!

-Diego o que aconteceu com você e Camie...-digo olhando nos seus olhos

-sobre o que? -Diego disse com uma cara que não dava para ver sua expressão parecia que estava triste ao mesmo tempo desentendido

-antes de Camie se suicidar ela deixou um bilhete para quem ler...-disse tentando descrever sua expressão,será que ele iria ficar bravo comigo por eu ter escondido esse bilhete? 

-o que tinha nele? - ele disse meio calmo mais tentando interromper suas lágrimas quase caindo.

-ela disse para você que.... Será que conto?! 

-pode falar não se preocupe eu não vou contar para ninguém -ele disse pegando uma das minhas mãos

-ela disse que amou seu beijo.-disse um pouco tímida por ter dito essas coisas que me deixavam nervosa.

-eu não....Não quis que ela mais fizesse isso por causa dos nossos pais eles nunca iriam aceitar ,e eu não sentia o mesmo -ele disse,mais nessa hora não deu para segurar suas lágrimas já caiam em sua bochecha.

-eu entendo -disse dando um abraço bem apertado em Diego.

-desculpe...eu tive a culpa de tudo! De ela ter se matado ter se apaixonado por mim.-ele disse olhando para o chão,para eu não ver que ele estava chorando.

-a culpa não foi sua... ela teve essa escolha. -disse olhando bem fundo em seus olhos.

- obrigado Stella por estar aqui nos momentos mais difíceis da minha vida. -Diego disse.

Quando eu vi ele estava se aproximando demais de mim...aí meus deus o que está acontecendo?! Ele está muito perto de mim! Estou quase surtando!

-você -Diego disse encostando seus lábios nos meus,ele me beija.

Não correspondo ao Beijo mais uma parte de mim queria mais...Então quando vejo,estou correspondendo ao beijo! Mais porque?! Eu queria sair dali mais parece que eu não tinha força para mais nada.

P.O.Vs Diego 

Estou beijando minha irmã! Ela é tão linda naquele momento não pensei em mais nada só queria ela para mim. Ela é a "copia" mais nova da Camie! Como isso pode acontecer...Como posso estar gostando dela!?será porque ela se parece com a Camie? Não sei mais naquele momento ela estava me deixando excitado, com sua inocência,sua timidez tudo nela estava me encantando! Não sei o que está acontecendo comigo! 

-o...que aconteceu...-Stella me pergunta com uma voz que estava me deixando louco não sabia me controlar.

-desculpe...Não deveria ter acontecido -digo olhando para o chão.

-preciso ir embora,desculpa está tarde.- ela me diz se levantando e indo embora. O que eu fiz!? Beijei minha irmã! Ela vai me odiar,não vai nem querer olhar na minha cara!mais será que estou mesmo apaixonado por ela? Como pode! Eu tenho 23 anos ela tem 16 isso é errado!Só sei que preciso parar de conversar com ela se não eu não consigo pensar em mais nada a não ser beija lá.

P.O.Vs Stella 

O que havia acontecido naquele cemitério? ! Eu e meu irmão !.... pare com isso Stella você não pode gostar dele! O que meu pai diria !?ele é muito religioso com tudo! Mais isso não vai se repetir então para que falar sobre a reação de nossos pais?! Chego em casa entro e me deparo com Elizabeth na cozinha cozinhando.

-meu pai e Cloe estam em casa? -pergunto.

-sim eles estam descansando -diz ela um pouco triste

-vou para meu quarto também 

-cadê o Diego? 

-ele.....ficou...um pouco mais -digo um pouco nervosa.

-pode ligar para ele avisando que o jantar vai sair mais cedo hoje?

-Ahh....Estou muito ocupada,se você puder Elizabeth -digo subindo as escadas 

-se você não pode, eu ligo. Mais uma coisa...Pode me chamar de mãe,prefiro assim ela diz com um sorriso um pouco triste mais ainda feliz.

-desculpa mãe -falei e percebi que ela ficou muito feliz ,eu nunca havia chamado ela assim mais prefiro assim também.

Vou para meu quarto e fico pensando...em tudo que aconteceu naquele cemitério,em todos os momentos que passei com Diego,porque ele me beijou? Só sei que tenho que me afastar um pouco dele...olho pela janela e vejo seu carro entrando na garagem. Já começo a ficar nervosa como vou olhar para ele?! Com que cara!? Alguém abre a minha porta....

-Está pronto o jantar,seu irmão chegou. -Elizabeth diz. Ainda bem que era ela pensei que fosse...o Diego,vamos Stella coragem!

Saio do meu quarto,desço as escadas para a sala de jantar e me deparo com Diego sentado na mesa e Elizabeth...

-O pai e a Cloe não vão vir? -digo para Elizabeth,sem olhar nem um segundo para Diego.

-sua irmã já está vindo mais seu pai não quer comer -Elizabeth diz um pouco triste porque sempre fomos uma família muito unida,a hora do jantar sempre foi um momento em família muito especial para Elizabeth e meu pai.

P.O.Vs Diego 

Vejo que Stella nem me olha enquanto come,e então o que posso fazer para ela me perdoar?! Eu fui um idiota! Eu aceito meu erro,mais ainda sinto algo muito forte por ela. Será que é amor? 

Enquanto isso vejo que minha mãe está muito triste por tudo isso estar acontecendo em nossa família, ela sempre disse que deveríamos confiar uns nos outros, mais aquele silêncio dizia outra coisa...

-estou sem fome. -Stella diz,e enquanto ela subia as escadas....

-O que está acontecendo?! -Elizabeth diz meio que brava

-Nada -Stella diz.

-Vocês dois nem se olham, Camie se matou por qual motivo? ! Cloe só fica naquele computador.... -Minha mãe pareceu muito brava mais ao mesmo tempo os seus olhos estavam cheios de lágrimas. 

-Desculpe mais eu preciso ir -Stella diz subindo as escadas e indo para seu quarto.

-Mãe eu sinto muito....mais acho que a morte de Camie nos afetou muito. -digo

-Filho mais eu não entendo,porque Camie se suicidaria? Ela tinha uma vida perfeita,estava na faculdade tinha sua família...o que faltava que ela queria? -Minha mãe diz limpando algumas lágrimas que caíram enquanto falava.

P.O.Vs Stella 

Acordei com sede, fui até a cozinha e vi meu irmão dormindo no sofá. Fiquei ali o observando me lembrava de tudo o que passamos juntos na infância naquele sofá...me lembro que todo domingo, eu Camie,Cloe e Diego ficávamos ali assistindo filmes até tarde. Quando vejo que meu irmão acorda e me vê ali parada o olhando...

-Acordada? -ele diz ainda sonolento.

-só vim pegar um copo de água -digo em direção às escadas

-espera! Senta aqui? -Meu irmão diz apontando a mão para o sofá.

-acho melhor não...-digo um pouco nervosa...

-o que foi Stella?  Lembra que ficávamos aqui olhando filme quando crianças?

-disse certo, quando crianças -digo um pouco nervosa.

-por favor... só um pouquinho -Diego diz, porque senti uma certa malícia em sua voz?

-Só vou ficar porque estou sem sono. -digo me sentando no sofá ao seu lado.

-porque você é assim?Você me deixa tão... -Diego diz, chegando mais perto de mim... ele beijou meu pescoço...Permaneci sem reação. Seus lábios subiam,passando por todo meu pescoço,chegando às minhas bochechas,bem próximo a minha boca...

Então pude sentir uma de suas mãos em minhas costas,na altura da cintura e outra na minha cabeça,como se estivesse ali para me guiar durante o beijo (Opa esqueci de falar eles já estavam se beijando) a mão que estava em minhas costas desceu até minha coxa,o que estava me deixando nervosa,não sabia como reagir.... acordei para a realidade! ESTOU BEIJANDO MEU IRMÃO! 

Queria acabar com tudo isso...levei minhas mãos até seu peito em uma tentativa de empurrá-lô para trás,mais não conseguia meu irmão é muito forte. Essa minha falha o fez a me pegar mais forte,me segurando contra si,fazendo nossos corpos estarem muito próximos...

-Diego...pare -falei num tom um pouco baixo.

-tem certeza maninha?  Eu sou seu irmão mais velho, você tenque me obedecer. Ele estava dando leves Beijos em minha orelha.

-N-Não... -falei,soltando alguns gemidos que confesso eram de prazer. -Por...favor

-Assim você vai me enlouquecer Stella...-Diego disse com uma voz maliciosa.

Ele continuou a beijar meu pescoço e orelha. Então a mão na minha coxa subiu até que as pontas de seus dedos tocaram minha virilha. Estava muito assustada, o que estou fazendo!? 

-eu não quero te machucar. -ele falou parando com todos os movimentos mais ainda encostado em mim.

-P-Pa... -eu queria dizer para ele parar, queria dizer para ele sair de perto de mim...mais outra parte de mim queria que ele continuasse...Não estava me machucando...

 - desculpe. -Diego diz se afastando... -eu fiz de novo.

Não respondi,apenas dei um abraço apertado em meu irmão.

- tenho uma coisa muito importante para falar para você e nossa família... -digo com um sorriso

- pode falar...

- lembra que o ano passado eu tinha feito uma inscrição na faculdade do Canadá? -digo,muito anciosa para contar.

- lembro.

- então...Eles me chamaram para fazer um intercâmbio lá. Não é incrível?  -disse sorrindo sem pensar no havia acontecido antes.

- Parabéns Stella! Tenho certeza que você vai se dar bem lá. -Diego disse contente, mais sua expressão dizia outra coisa...ele não quer que eu vá embora.

- e quanto tempo você vai ficar lá? -Diego diz, tentando parecer contente.

- 2 anos. Mais eu ainda não aceitei...- digo 















-


Notas Finais


CONTINUO??
Estou tentando fazer capítulos maiores♡♡
Um beijo e um queijo♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...