História Amor Proibido - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas
Tags Cameron Dallas, Romance, Suspense
Exibições 18
Palavras 919
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi oi gente 💕 me desculpem a demora pra postar,acho que será assim daqui pra frente.

Capítulo 16 - The secret


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido - Capítulo 16 - The secret

Sammy tinha razão eu devia descansar até porque hoje o dia foi cheio pra mim,a prova o nascimento da Hope e depois o modo como o Cam agiu quando viu eu o Sammy juntos.

Resolvi tomar um banho e ir comer algo,leve de preferência é nesses momentos que eu sinto a falta da Mackenzie porque se não fosse por ela eu estaria morta de fome ou uma gorda de tanto comer fast food,escutei a campainha tocar fiquei pensando quem seria em plena 11:00 da noite,talvez seja a dona Becker querendo saber sobre a bebê,essa velha fofoqueira não perde uma.

Cameron ? -Olhei surpresa pra ele.

Sim,trouxe pizzas - mostrou as caixas de pizza.

Ah obrigada - sorri as pegando - quer entrar ? - ele assentiu e eu saí da porta indo pra sozinha - pizza com certeza é bem melhor que um achocolatado e um sanduíche - ri fraco.

A Hope é linda - ele sorriu.

Sim,ela é - sorri de lado.

Olha me desculpa por ter feito aquilo eu estava com ciúmes - ele suspirou.

Tudo bem Cam  - sorri compreensiva.

Você me perdoo ? - a expressão do seu rosto mudou para preocupação.

Sim  - concordei me escorando no balcão.

Você vai me dar outra chance ? - ele sorriu um pouco inseguro.

Eu andei pensando muito sobre isso Cameron,e cheguei a conclusão que eu nunca vou deixar de amar você - seu sorriso se abriu - mas sabe ainda doi me lembrar do que você fez - eu suspirei e ele iria falar algo mais eu continuei - eu quero continuar,quero tentar novamente você tem razão Gabe não está aqui para nos atrapalhar.eu quero ir devagar Cam - Olhei pra ele e ele assentiu.

Tudo bem,como você quiser eu só quero te chamar de minha outra vez  Maya - ele disse pegando minha mão.

Eu sempre fui sua Cam - o abracei forte.

Eu te amo Maya - me apertou com força.

Não diga isso se não for verdade - falei saindo do seu abraço.

Eu estou dizendo a verdade,você me ama ? - disse com sinceridade.

Eu te amo,você sabe disso - sorri de lado e ele inclinou a cabeça pra me beijar - com calma Cameron - sorri colocando os copos em cima da mesa.

Devagar,desculpe - sorriu.

Eu tenho que passar pano no quarto da Hope ainda - sorri um pouco animada.

Quer ajuda ? - ele indagou curioso.

Não vai ficar tarde pra você ir embora ? - falei enquanto escolhia um filme na netflix.

Eu posso ficar aqui te ajudar e depois te levar pro Hospital,claro se você quiser - ele disse um pouco nervoso.

Eu iria adorar - eu sorri e ele fez o mesmo - Você sabe fazer alguma coisa de comer ? - Olhei para ele provocativa. 

Não mais eu sei ligar para a pizzaria - me mostrou seu telefone.

Olha é um começo - ri me deitando em seu peito.

E você sabe ? - pegou mais um pedaço de pizza,já é a terceira dele e eu nem se quer saí da primeira ainda.

Ah sei fritar pastéis - dei de ombros.

Aonde aprendeu ? - fingiu uma cara de surpreso.

Sabe como é muito masterchef - ri.

Cameron realmente havia mudado talvez por essa noite,mais pela primeira vez desde aquilo tudo eu realmente me senti completa e muito bem além dele ver a mesma série que eu e parar na mesma temporada é muito amor mesmo.

Quer ajuda nisso ? - disse parando na porta do quarto.

Não,você já lavou a louça fez coisa demais aliás eu já estou terminando - sorri dando o toque final naquele chão.

Imagina - ele me parou e me segurou pela cintura - o quarto da nossa filha ou nosso filho - ele sorriu.

Cameron sem pressa,lembra ? - ri tentando me soltar dele.

Mais imaginar não faz mal - me soltou e beijou minha testa.

Ah então quer dizer que é só imaginação ? - cruzei os braços e cerrei os olhos.

Não amor,você me entendeu - ele riu no momento em que ele disse "amor" meu coração se apertou e me deu vontade de chorar - hey ? - ele disse sério agora.

Oi ? - eu levantei o olhar para poder enxerga-ló.

 O que tá acontecendo entre você e o Sammy ? - ele disse ao expressar raiva ao dizer esse nome.

Nada somos apenas amigos que se pegam as vezes - sorri ao ver a cara dele com ciúmes.

Eu quero que você se afaste dele - Cam disse chegando perto de mim.

Não vou fazer isso - neguei me jogando na cama.

Maya por favor não quero que você se machuque - ele suspirou deitando do meu lado preocupado.

Me machucar porque ? Tem algo que você saiba que eu não sei Dallas ? - ele balancou a cabeça negativamente,ouvi seu coração ele estava mentindo.

Tudo bem,vamos dormir - ele concordou.

Vou dormir aqui ? - sorriu malicioso.

Não,você vai dormir na cama da Mack - sorri ao ver sua cara de tacho.

Sério ? - disse indignado e eu apenas assenti - tá bom então,Boa noite - deu de ombros beijando meu rosto.

Boa noite - sorri ao ver ele bater a porta.

Tô me sentindo naquele namoros de infância em que só rola beijo na bochecha e mãos dadas.Cameron estava me escondendo algo e pelo jeito,importante e que envolve o Sammy mais resolvi deixar passar até porque eu vou descobrir isso sozinha.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...