História Amor proibido- Imagine Jimin (BTS) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin
Tags Bts, Hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Taetae, Vampire, Yoongi
Visualizações 299
Palavras 699
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - Capítulo doze


~ Park Jimin on


Após ela sair fui para casa, finalmente beijei a menina que amo. Estava feliz, não consegui esconder, havia um sorriso tão grande no meu rosto.


Entrei e vi os garotos, Jin estava cuidando de Suga que estava com o rosto machucado, me aproximei e me sentei ao seu lado.


- Desculpa Hyung!-falei a Suga que me encarou e sorriu.


- Tudo bem! Temos que aceitar, não controlamos o coração ele nos controla, não sabemos quando e por quem iremos nos apaixonar de verdade e quando amamos uma pessoa fazemos coisas absurdas tipo bater no amigo! -diz Suga Hyung 


Suspirei aliviado, mas meu suspiro não saio como pensei, ele saio apaixonado....


- Beijou ela Hyung?-pergunta JungKook com cara de sono.


- Sim


- Isso vai ser um amor impossível! - fala Jin 


- Ou talvez seja possível! -falo 


- Mas Jimin pensa comigo, você está apaixonado por ela tudo bem mas e quando ela descobrir que você é o admirador secreto?  Ou quando vocês namorarem? -pergunta Hobi


- Não estou entendo? Onde quer chegar?-pergunto um pouco confuso


- Assim, nós ja entendemos que você está apaixonado e não podemos mudar isso! Mas e se você namorar ela? Como vai dizer que é um vampiro? Por que lembrando ela não sabe que somos vampiros já que você aplicou aquele remédio nela e fez a mesma esquecer do que passou na floresta! -completa Hobi


- Não contarei que sou um vampiro! -falo 


- Tá mas e se ela descobrir? O que vai dizer? -pergunta Jin


- Hyung eu não sei! 


- Mas uma hora você terá que contar ou ela irá descobrir sozinha e vai ser pior!-fala V 


- Ta eu já entendi! Vou pensar no que dizer!-falo e me levanto


Peguei um papel e uma caneta e escrevi algo para ela.


Estava pensando em você agora pouco, como você mexe comigo e eu não posso fazer nada! Será que é isso que chamam de " Amor "? 


Acho que sim, não paro de pensar em você, por quê mexe tanto comigo garota? 


Não me arrependo de te amar, não me arrependo das escolhas que fiz até agora, como meu amigo disse " não controlamos o coração ele nos controla" ou seja não escolhi me apaixonar por você, não escolhi a pessoa que eu quero que seja minha para sempre, ele escolheu e fico feliz pelo meu coração escolher uma pessoa como você! ♡


_ Talvez eu seja anônimo _


Para : Minha Baby Girl ♥




- O que isso Hyung?-pergunta Tae lendo o que escrevi - Virou poeta? 


- Não! Só coloquei no papel o começo dos meus sentimentos por ela! -falo


- Hum....


Sai do quarto e fui até a casa da S/ N, entrei pela janela, seus pais estavam em casa e a mesma dormia com um papel em mãos, fiquei observando ela por um tempo e entrei, coloquei o papel ao lado do notebook e fui até a mesma e peguei seu papel.


De: Sua Baby Girl


_ Para : Talvez eu seja anônimo _


Não sei quem você é, não sei se sinto a mesma coisa por você, não quero magoa-lo .


Espero que não seja uma brincadeira de mal gosto. Mas quando li o que você escreveu pude perceber que talvez não seja uma brincadeira, quem sabe eu possa te amar como você me ama. 


Não sei o que é o amor, não sei se ele existe, talvez pelo fato de nunca te me apaixonado, mas quem sabe você possa me ajudar a conhece-lo !


Bjos de - Sua Baby Girl


Um sorriso brotou em meus lábios quando terminei minha leitura.


- Claro Baby Girl! Eu vou te mostrar o caminho para o amor! Vou te fazer se apaixonar por mim e você não terá mais dúvidas que gosta de mim!-falei em seu ouvido e beijei sua bochecha. 


Sai de sua casa a espera do outro dia.


~ S/ N on


Acordei e vi ago junto ao meu Notebook, peguei e era outra mensagem do Anônimo e dessa vez estava mais para um poema. 


Após ter lido me senti um lixo por ter beijado o Park, do nada sua voz ecoou em minha cabeça 


Lembrei de quando ele falou que ele não poderia ser o anônimo. 


- Não, ele não estava falando a verdade! - falo para mim mesma





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...