História Amor Proibido (Imagine Jung Hoseok) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Cherry_hoseok, Imagine, J-hope, Você
Visualizações 1.309
Palavras 671
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá .. Cerejinhas ..🍒💥❤ não postei antes porque fui presenteada com um anjinho ...


Meu sobrinho amor da titia nasceu ...


Esse final de semana e começou as provas aqui, estava sem tempo ... Mas ai está ... 👓🍒❤

Capítulo 4 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido (Imagine Jung Hoseok) - Capítulo 4 - Capítulo 4

POV SR. JUNG



Hoje levantei desanimado, mas  tenho que trabalhar, preciso continuar aumentando minha fortuna, para deixar de herança para meu filho. Na verdade já deve estar tudo no nome dele, quando minha esposa morreu não me informaram de nada relacionado a herança. Então ela já deve ter deixado tudo organizado.
Quando fui em direção ao banheiro para fazer minha higiene matinal meu celular tocou,  era Hoseok.

- Pai.. ?- Disse ele.

- Filho, que bom ouvir sua voz. Porque me ligou tão cedo? Aconteceu algo?

- Sim, quer dizer, Não. Mas como o senhor está? Melhorou? Os remédios estão ajudando ?

- Essas porcarias só estão me deixando sonolento ultimamente. No começo estava dando resultados, mas mudando de assunto , Porque sim e não hein mocinho ?

- Terminei com a Jessy, ela estava demais no meu pé.

- EEE ??

- EEE, Eu volto pra casa essa semana, meu curso acaba amanhã, vou arrumar as coisas e sexta feira chego ai.

- Nossa, meu filho que bom. Estou com saudades já tem uns 4 anos que não nos vemos - Hoseok com certeza percebeu o quanto fiquei  feliz, meu coração está transbordando de alegria, não sentia isso à muito tempo.

- Desde a morte da minha mãe. Não entendi até hoje como aconteceu aquilo tudo. -  A  voz dele ficou embargada, deve estar tentando segurar o choro, ele não aceita até hoje a morte da mãe, e isso é tudo culpa minha.

- Ta filho deixa pra lá, estou te esperando. Até sexta filho.

- OK, Tchau pai.

Encerrei a ligação, arrumei-me e desci para tomar o café.


 Chegando lá em baixo, ______ estava colocando uma jarra de suco na mesa e alguns pedaços de melão, quando me viu curvou em reverência, sentei e pedi para ela limpar o quarto de Hoseok, que deixasse impecável pois ele viria. Quero fazer ele amar-me muito, pois se um dia ele descobrir o que eu fiz, não vai me odiar tanto. Ela ficou me olhando atentamente e com uma cara de "mais serviço '', aquela cena estava um pouco engraçada, mas não posso ficar sorrindo pra empregadas né!

Ela me serviu o suco. finalmente ela estava  parecendo uma estátua (só faltou o Jin chegar e me beijar ) já estava impaciente, amo suco de laranja, cenoura e couve, sempre peço segunda feira pra começar o dia bem.

Fiquei olhando a mesa do café e lembrando da ligação de Hoseok, veio a falta da minha esposa. Lembrei do dia do nosso casamento quando ela descobriu que estava grávida e quando ela ia fugir com aquele desgraçado, eu sabia o porque dela fazer aquilo, mas eu fingia não ver pra não me sentir culpado.

- Mas eu sou culpado -

Eu ficava mais no trabalho do que em casa , quando ela ganhou nosso filho, eu estava em uma viajem de negócios em New York, fiquei 1 mês lá. Depois disso ela ficou estranha, mal falava comigo, quando eu chegava ela saía, eu fui obrigado fazer aquilo não queria me sentir desprezado e nem traído mas já era tarde, eu sei! 

Minha vida se resumia em viagens de negócios.

Eu estava com os olhos fixados em uma parede, cheios de lágrimas prontas pra rolar quando sou tirado dos meus pensamentos.

- Sr Jung!!.. Oii! .. O senhor está bem? - ______ estava me olhando preocupada

- Sim, estou! - falei com a voz firme tentando ser convincente, e ela ficou me olhando com cara de "não parece".

- Posso tirar a messa senhor? - falou desconfiada.

- Sim, é pra isso que está aqui.. Retire logo e não me faça mais perguntas idiotas. - falei rude pra ela tirar aquela cara de curiosa.

Ela é uma boa garota, trabalha há muitos anos aqui, mas isso não dá o direito de se intrometer nos meus assuntos, não quero que empregados me vejam como amigo, eu sou superior.

Ela fechou a cara, ficou com um olhar triste, me levantei e fui trabalhar.

POV SR JUNG OFF


Notas Finais


Bjssss da Cereja Hoseok 🍒💥❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...