História Amor Virtual- CAMREN - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Exibições 313
Palavras 1.213
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Até que enfim elas vão se ver, já tava na hora.
Bom sugiro que vocês escutem Mercy do Shawn Mendes. Tava ouvindo essa música E me deu inspiração. Ou sei lá. Boa leitura e desculpem os erros. ❤

Capítulo 7 - O encontro


Fanfic / Fanfiction Amor Virtual- CAMREN - Capítulo 7 - O encontro

                Narração Camila

Vejo a mensagem da Lauren me convidando pro aniversário da mãe dela que seria daqui a três dias, mas caramba como eu irei? Eu nem conheço a Lauren pessoalmente, será que a mãe dela iria gostar? Será que a minha mãe iria deixar? Eu tendo dezesseis anos, minha mãe acha que tem o controle total sobre mim, e na verdade ela tem. Porém seria uma ótima maneira de conhecer mais a Lauren E como ela é com a sua família.

Mando uma mensagem pra Lauren

-Eu topo sim amor, porém eu preciso falar com a minha mãe se ela deixar eu irei sim. Estou louca pra te ver.

Depois disso logo desço pra falar com a minha mãe sobre o assunto E como esperado ela não se agradou.

-Mãe, por favor, deixa? Eu prometo que não vai ter nada demais, é perto daqui, mais ou menos duas horas pro local da festa.

-Ok Camila, mas por favor não me apareça aqui muito tarde. E tome o máximo de cuidado possível. Se eu não te deixar ir você é capaz de falar nisso pelo resto da vida.

Logo dou uma risadinha baixa e corro pra abraçar a minha mãe

-Muito obrigada mama, pode deixar eu irei me cuidar, não precisa se preocupar.

Logo pego meu celular pra avisar a Lauren. Mas prefiro avisar-la por voz. Então ligo pra mesma.

-Alô? Lauren? 

-Alô Camz, que surpresa você me ligando aconteceu alguma coisa?

-Aconteceu, minha mãe deixou eu ir na festa de aniversário da sua. 

Falo animada, dando pra perceber o quão feliz eu estava.

-Meu Deus Camila, nem acredito nisso. Eu to tão feliz. 

-Eu também Lauren, eu nem acredito que eu vou te ver pessoalmente.

-Como eu te disse será daqui a três dias. Você me passa seu endereço que eu irei te buscar na sua casa.

-Tá bom Lolo, pode deixar, irei te mandar por mensagem ok?

-Você me chamou de que?

-Lolo, não gostou? Eu posso..

-Eu amei, achei fofo

-Eu sempre vou te chamar assim. Minha Lolo.

-Que linda, você é tão linda.

Ouvindo isso não pude deixar de me sentir constrangida, logo minhas bochechas estavam completamente vermelhas.

-Ai Lauren, para. Que vergonha

Logo Lauren solta uma risada tão gostosa de se ouvir, e eu estremeço

Meu Deus o que tá acontecendo comigo?


        Narração Lauren


Chegou o dia, é hoje o aniversário da minha mãe, e eu irei ver a Camz pela primeira vez. Já ta tudo pronto, só preciso ir buscar-lá

-Camz você já está pronta? To saindo de casa agora, estou indo te buscar.

Não demora muito pra que Camila respondesse minha mensagem.

-Já estou pronta Lolo, estou te esperando.

-Ok, nestante chego aí. Me espera, beijos.

Logo entro no meu carro, ganhei ele no meu aniversário de dezoito anos e logo tratei de tirar a minha carteira. Estava completamente nervosa e ansiosa pra ver Camila pessoalmente.

Depois de uma hora chego no endereço qual Camila me passou. Paro o carro em frente à casa, não foi tão difícil de achar. Logo vejo que a família da Camila tem boas condições, é uma casa enorme, com uma linda faixada.

Eu estava com um vestido vermelho um pouco acima do joelho. Com um salto alto preto, cabelos soltos, e uma maquiagem que destacava meus olhos. Eles estavam mais verdes do que nunca. Olho o relógio vendo que eu já tava um pouco atrasada pro aniversário, ia começar as sete da noite e já era seis e meia. Mas essas festas nunca começam na hora marcada. 

Desço do carro e vou até a porta, tocando a campainha.

-Meu Deus, Lauren! 

Camila exclama com as duas mãos sobre a boca. E logo me abraça forte.

-Camz, como você é linda meu amor. Eu esperei tanto por isso.

Camila não conseguia desgrudar de mim, parecendo que ela estava esperando mais que tudo por aquele contato. E confesso que eu também.

Logo nós desfazemos do abraço, e ela me dá passagem pra entrar em sua casa.

-Mãe, essa é a Lauren, a minha amiga virtual.

-Boa noite senhora, tudo bem?

-Olá Lauren, tudo ótimo e você? Mande minhas felicitações pra sua mãe.

Estendo a mão pra senhora que logo aceita e aperta a mesma. 

-Muito obrigada, com certeza irei mandar.

-Mãe eu to indo tá? Não demoro muito, prometo.

-Se comporte Camila, tome cuidado. Lauren, cuidado com a minha filha por favor.

-Não se preocupe senhora, irei trazer a Camila sã e salva.

Sorrio pra senhora que devolve o sorriso na mesma hora.

-Bom, vamos Camila? Estamos um tanto quanto atrasadas.

Camila se despede da mãe, e logo eu faço o mesmo.

Saímos em direção ao meu carro, abro primeiro a porta pra que Camila possa entrar.

E entro em seguida, dando partida. Não sem antes ligar o rádio e colocar uma música lenta e relaxante.

Não paramos de conversar hora nenhuma no trajeto até o aniversário. Rimos, brincamos, e aproveitamos pra saber mais uma da outra. Camila era mesmo extremamente linda. Eu estava completamente encantada pela beleza dessa menina, e a beleza física não é nada comparada ao seu interior. Ela é perfeita em todos os sentidos.

Chego em frente à festa e estaciono o carro. Logo vejo o quanto Camila estava nervosa, as mãos dela estavam suando.

-Por que está nervosa meu anjo? Não precisa ficar assim. 

-Estou com um pouco de medo Lauren, e se sua mãe não gostar de mim?

-Ela irá gostar Camz, relaxa. Vamos.

Desço do carro e atravesso abrindo a porta pra Camila. Logo entramos no recinto da festa. Estava cheia de convidados a maioria era amigos e famíliares da minha mãe.

-Mãe? Essa aqui é a Camila que tanto lhe falei.

-Nossa Lauren, como ela é linda.

Vejo Camila ficar sem jeito E logo dou um risinho baixo.

-Boa noite senhora, e parabéns pelo seu aniversário. Trouxe esse presente espero que goste.

-Oh querida, não precisava. Muito obrigada. Fique à vontade.

Minha mãe abraça a Camila e logo se despede, logo chamo a Camz pra sentar em uma das várias mesas que tinham por ali.

-Quer beber ou comer algo?

-Talvez um refrigerante.

-Pode deixar que eu pego pra você.

Sorrio me levantando e indo pegar o refrigerante pra Camila, logo voltando.

-Aqui está.

-Muito obrigada Lolo. 

-Como você é linda Camila.

Com mais calma pude prestar atenção em como Camila estava.

Ela usava uma calça jeans azul marinho, com uma blusa manga longa azul mais claro. Usava saltos e o cabelo estava solto um pouco cacheado nas pontas. Ela usava um batom rosa, e uma maquiagem que destacava sua beleza.

Eu estava totalmente fascinada pela Camila, pela sua forma de conversar. Ela tinha opiniões incríveis pra uma menina de desseseis anos. Ela parecia ter muito mais que a sua idade.

-Vamos até ali? Quero te mostrar um lugar.

Nós levantamos e andamos até um jardim, florido e totalmente iluminado. Tinha bancos e várias flores de vários tipos.

Pude perceber o sorriso da Camila observando tudo aquilo.

-Que lugar lindo Lolo!

-Sim, é muito lindo. Igual você.

Vejo Camila ficar vermelha e não me contento dando um beijo em seu rosto.

Nos sentamos em um dos bancos, e vejo que Camila estava um pouco nervosa. Na verdade ela estava tremendo.

-Camz, tá tudo bem?

-Está Lo, porque?

-Acho que você está um pouco nervosa.

-É porque estou aqui com você. Você sempre me deixa nervosa.

-Não sabia que te deixava nervosa. Rio logo em seguida percebendo o sorriso lindo da Camila.

-Mas agora sabe.

Ficamos minutos sem se falar nada, estamos um tanto quanto perto demais, eu a olhava nos olhos e ela me olhava, logo desviando o olhar pra minha boca. 

Admito queria beijar-lá ali mesmo, não me importando com nada. Só queria sentir-la.



Notas Finais


Eita eita será que vai rolar? Comentem o que acharam. Favoritem, divulguem vlw vlw 💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...