História Amor vs ódio - Capítulo 16


Escrita por: ~ e ~Marcy_Dobrev

Visualizações 14
Palavras 804
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Escolar, Violência
Avisos: Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Volteii

Capítulo 16 - Não sei não


Fanfic / Fanfiction Amor vs ódio - Capítulo 16 - Não sei não

POV CAMILA

 Oque você está fazendo aqui Bruno ?- cruzo os braços me recompondo do meu susto, mais quem esperava o louco do seu ex namorado batendo na porta da sua cara a essas horas principalmente no meu estado de pouca roupa. ele começa a rir negando com a cabeça  ( não entendi to com cara de palhaço agora )

- acho que você já sabe a resposta Mi - ele continua sorrindo más seu sorriso se desfaz mostrando um semblante sério - Precisamos conversar - ele encosta na beirada da porta ficando a poucos centímetros de mim me olhando nos olhos (esse cara não é de deus não como ele consegue ser tão lindo) 

- acho que agora não é a melhor hora Bruno já está noite e estou com muita pouca roupa para ir ai fora .... e não venha pedir para entrar porque eu te conheço e não vai rolar - dou um passo para trás o encarando e na maior cara de pau ele me olha de cima a baixo com um sorrindo malicioso 

- pra mim você está ótima, como sempre - ele se inclina para frente levanto a mão a minha frente fazendo ele parar 

- chega olha eu não estou no clima de conversar sobre assuntos sérios, conversaremos amanhã tudo bem - o olho esperando uma resposta vejo ele fazendo a boca ficar em uma linha rígida e vejo seu rosto ficar sério ele respira fundo e depois me olha 

- se é assim que você quer eu vou respeitar - diz em um tom seco me dá um beijo na testa - Dá um oi para as meninas por mim - e vai em direção ao seu Mercedes entra no mesmo me dá uma olhada e sai, só dai vejo que estava segurando a respiração e então a solto.

  Fecho a porta e volto para sala pensando no que tinha acontecido a poucos minutos atrás se fosse antes ele teria me feito ir lá para fora a força para falar oque tinha a dizer, isso está muito estranho não é do jeito ser tão calmo assim quando te dizem não.  

- Eu sei que vocês estavam escutando - entro na sala e me jogo no colchão  me encolho e solto um suspiro longo prestando atenção no filme que estavam vendo 

- não precisava ter sido tão fria com ele Cami - Sophia me censurado com o olhar , pego um pote de Nutella e como uma colherada cheia 

- ha ele sai lá dos quintos dos infernos e vem aqui querendo conversar ela esta certa em tratar ele assim - Rafa fala jogando um travesseiro na Sophia que o joga de volta 

- olha não quero falar sobre isso agora meninas tudo bem - dou uma olhada em todas elas e começo a prestar atenção no filme elas vem que não estou mesmo no clima e assistem o filme comigo depois de um tempo acabamos dormindo. 

POV BRUNO. 

Quase não sei como consegui me controlar faltou pouco para eu fazer merda, ela não quis conversar comigo (não hoje mas podia ter sido pior) me jogo no sofá no meu apartamento 

- isso vai ser mais difícil do que pensei - paro para pensar, no que exatamente eu faria para a ter de volta, mas seriamente não faço a menor ideia se ela vai querer voltar para mim, fiz ela sofrer muito quando namorávamos era tão ciumento que era capaz de ficava nervoso por qualquer coisinha mesmo ela não ter feito nada de mais como, tirar uma foto com um amigo ou abraçar outro cara,  como ela me disse uma vez "isso não é ciúmes é loucura"  não acho que seja isso achei nas primeiras semanas talvez eu estivesse ficando louco, nunca tinha agido assim em um relacionamento mas com ela era diferente ela era tão meiga, doce, gentil, frágil e honesta que me fez querer ela só pra mim, me fez querer ela mais e mais,  isso acabou resultando em que eu ficasse possessivo, que resultou ao nosso termino ou por eu ter ido viajar com meu pai para França, posso dizer que foram esses dois motivos, fizemos uma promessa que ela iria me esperar e que voltaríamos e eu prometi que seria diferente que não teria os mesmos ataques de antes, e agora estou aqui sem ela e sabendo que ela teve outro depois de mim sabendo da promessa que tinha-mos feito .

  Não quero pensar mais nisso se não ficarei com muita raíva e nada de bom vai sair disso, me levantei e fui para a  cozinha pegar uma garrafa de whisk, estou precisando, liguei o som e voltei ao sofá. 

- amanhã vai ser um longo dia - olhei para a vista da janela me perguntando se a Mi já deve estar dormindo.


Notas Finais


Sei que está pequeno, mas no próximo eu melhoro os caps
Bjs de luz <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...