História Amores de um vaqueiro - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias VIXX
Personagens Ravi
Tags Imagine, Ravi, Vaqueiro, Vixx, Você
Exibições 23
Palavras 799
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Comédia, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Josei, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


To mesmo na vibe da fazenda e não sei por que, desde quando postei a fanfic do Luhan, essa já entrou na minha cabeça, vai entender e depois de ver tanta foto do Ravi deu nisso.
Bora ler!

Capítulo 1 - Capítulo único: Meu vaqueiro, meu peão


Fanfic / Fanfiction Amores de um vaqueiro - Capítulo 1 - Capítulo único: Meu vaqueiro, meu peão

Já vem montado em seu alazão
            Chapéu de couro, laço na mão
            Seu belo charme me faz cantar
            No rosto um grande lutador
           Que trabalha com calor
          Com toda dedicação

-E  que  dedicação, hein, Ravi- suspira  você  apaixonada-

 

Mal  amanhece  e  já  está  ele  em  sua  janela, Ravi  sabe  o  quanto  você  é  apaixonada  por  ele, o  sentimento  é  recíproco, por  isso  que  ele se  não  cansa  de  cortejá-la  em  sua  janela  e  quanto  a  você, seu  dia  sempre  se  torna  mais  feliz, ver  o  sorriso  daquele  homem  era  como  se  você  estivesse  tomando  água  no  deserto, seu  dia  melhora.....E  como  melhora.

 

Oh! Meu vaqueiro, meu peão
            Conquistou meu coração
            Na pista da paixão
           E valeu o boi

 

Um  dia, depois  de  tantas  trocas  de  olhares, lá  está  ele, treinando  para  competir  em  mais  um  rodeio, sim, ele  era  peão  de  rodeios  mesmo, você  não  resiste  ao  ver  aquela  pele  morena  por  causa  do  Sol, seus  braços  fortes, a  camisa  grudada  revelando  o  abdômem  dele   e  até  mesmo  o  suor  que  escorre  do  rosto  dele, tudo  isso  te  deixava  extasiada, então  você  foi  se  aproximando.

Ravi, porém, não  te  vê  e  continua  treinando, você  se  aproxima  mais, por  pouco  você  não  é  pisoteada  pelo  boi, se  não  fosse  o  reflexo  dele  de  ter  parado  na  hora.

Ah, a  hora, foi  justamente  nessa  hora....vocês  se  entreolham, ele  rapidamente  desce  do  boi  e  vai  até  você  preocupado.

 

-___________________, você  está  bem?- pergunta  Ravi  preocupado-

 

-Sim, mas....eu  acho  que  algo  aconteceu  comigo- responde  você  arfando-

 

-O  quê?- pergunta  Ravi  mais  próximo  de  você-

 

Vocês  estão  bem  próximos, as  suas palpitações  nos  corações  eram  perceptíveis, vocês  estavam  com  a  respiração  descompassada, até  que  num  ímpeto, mesmo  sendo  mais  baixa  que  ele, você  fica  nas  pontas  dos  pés,  o  segura  pela  nuca  e  o  beija  ardentemente  nos  lábios, Ravi  retribui  e  entrelaça  os  mãos  dele  na  sua  cintura, vocês  permanecem  assim  por  alguns  minutos, depois  ficam  apenas  se  olhando  e  trocando  juras  de  amor.

 

-Ravi, eu  te  amo, não  posso  mais  viver  sem  seu  amor- declara  você  apaixonada-

 

-Nem  eu, _______________, mas  sua  família  nunca  vai  me  aceitar, sou  apenas  um  vaqueiro, não  tenho  muito  a  lhe  dar- diz  Ravi  sério  porém  calmo  olhando  nos  seus  olhos-

 

-Não  me  importo  e  não  precisa  me  dar  mais  nada, já  tenho  o  que  preciso, quero  ser  sua- declara  você  apaixonada-

 

Depois  disso, vocês  se  tornam  um, exatamente, não  há  mais  nada  que  separem  vocês, pois  você  havia  se  tornado  mulher  dele  e  Ravi  se  tornou  seu  homem  e  desde  então  você  passa  o  acompanhar  em  todos  os  lugares  que  ele  vai, não  como  uma  mulher  ciumenta, mas  como  a  companheira  que  o  apóia  em  todos  os  momentos.

 

Eu estou sempre onde ele está
           Forró, vaquejada qualquer lugar
           Eu vou seguindo o meu peão
           Seus braços fortes, sua cor
          Vaqueiro eu quero o teu calor
          Em teus braços quero estar...

 

Vocês  passam  a  ir  de  vaquejada  em  vaquejada, sua  família  não  apóia, mas  você  se  mantêm  firme.

 

-Eu  escolhi  meu  destino, minha  vida  é  o   Ravi  e  estou  grávida  dele- diz  você  decidida-

 

Sua  família  fica  horrorizada, logo  vão  até  Ravi  e  o  obriga  a  casar  com  você.

 

 

[flashback  on]

 

-______________, eu  te  amo, mas  você  sabe, sua  família- diz  Ravi  em  meio  à  uma  transa- (sim, vocês  estavam  transando)

 

-Shhhiu, deixa  comigo, eu  tenho  um  plano- fala  você  colocando  a  mão  nos  lábios  dele-

 

-Qual?- pergunta  Ravi  curioso-

 

-Depois  te conto, Ravi, vamos  continuar- responde  você  com  desejo-

 

E  vocês  continuam  a  transa, Ravi  penetra  com  mais  desejo  em  você, que  geme  e  o  enche  de  carícias.

 

[flashback  off]

 

Ravi  se  lembra  do  plano, sorri  e  concorda  em  se  casar  com  você. Não  demoram  muito  a  começarem  a  cerimônia, o  padre  começa  a  celebrar, você  vai  se  sentindo  enjoada  e  quer  vomitar.

 

-___________, está  tudo  bem?- pergunta  Ravi  preocupado-

 

-Sim, Ravi, não  se  preocupa- responde  você  enjoada-

 

-Seu  padre, será  que  não  podemos  pular  essas  partes  e  chegarmos  no  final?- pergunta  Ravi  se  voltando  para  o  padre, que   consente  e   logo  declara  vocês  casados-

 

Ravi  se  aproxima  para  te  beijar, mas  por  pouco  você  não  vomita  no  rosto  dele, que  ainda  tenta  te  acudir  e  pede  para  chamar  um  médico, que  chega  mais  rápido  que  foguete  e  ao  medicar  você, atesta  que  você  realmente  estava  grávida, você  olha  para  Ravi, que  também  olha  para  você  e  vocês  sorriem, pois  percebem  que  a  farsa  virou  realidade  e  vocês  já  estavam  casados.

Os  meses  passam, seu  filho  nasce  e  Ravi  todo  bobo  ainda  diz  que  o  filho  vai  se  tornar  um  vaqueiro  como  ele, claro  que  você  gosta  da  idéia, já  que  foi  assim  que  você  conheceu  o  homem  da  sua  vida.

 

Oh! Meu vaqueiro meu peão
            Conquistou meu coração
            Na pista da paixão
            E valeu o boi

 


Notas Finais


Ai, realizei, confesso, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Ravi vaqueiro é tudo de delícia, é pra pirar o cabeção isso sim.
Ah, a música é essa:

https://www.youtube.com/watch?v=1CR5Fxg-wtA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...