História Amores e conquistas - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Naruhina Sasusaku
Exibições 202
Palavras 1.565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa tarde, a todos!

Hj vamos ver no que deu aquela grande confusão no café.

Teremos novos personagens, e promessas de muitas situações comicas.

Espero que gostem, e lembre-se criticas e oabservações educadas são bem-vindas.

Boa leitura.

Capítulo 3 - O contrato


Fanfic / Fanfiction Amores e conquistas - Capítulo 3 - O contrato

Em meio a uma seria entrevista de emprego, Sakura olhava par o seu futuro chefe com um olhar psicopata, assim como Sasuke. Nunca pensou em esganar uma mulher em toda a sua vida, até conhecer aquela irritante.

Enquanto isso Hinata e Naruto davam uma de adultos naquela sala, ele explicava a sua situação e como elas seriam ótimas para o trabalho.

Hinata: Ok! Deixa eu ver se entendi, vocês querem nos contratar para trabalhar com Ino Yamanaka, a estilista mais famosa dos últimos tempos?

Naruto: Sim, as duas tem exatamente o que precisamos para o trabalho dela, sem falar de outros atributos.

Disse ao olhar o decote da azulada logo que fecha a cara e cruza os braços levemente irritada, Naruto percebe e trata de voltar a ser o profissional de sempre.

Sakura: Meu Deus! Escutem aqui a dupla dinâmica? Eu não sei se a Hina falou, mas somos universitárias e não modelos profissionais.

Sasuke: Mas disseram que já fizeram trabalhos assim, qual é? Qualquer uma se mataria para estar aqui!

Disse fazendo o máximo para não gritar com a rosada, agora que estava mais calmo, ele pode ver que elas tinham tudo o que precisavam para o trabalho.

Naruto: Sem falar, que modéstia à parte os cachês, são ótimos. 

Hinata: De quanto seria?

Os dois rapazes fazem as contas, rapidamente e logo dão uma amostra da quantia que receberiam. Assim que elas viram quase caíram de cadeira, com o valor tão alto.

Sakura: Isso é por mês?

Sasuke: Por semana.

Hinata: A última vez que vi tantos zeros, foi no boletim da Hanabi.

Disse quase assustada com aquele cachê, sabia que poderia salvar a sua vida, e a vida da amiga.

Sasuke: Então? Topam?

Sakura: Para trabalhar, com um grosso sexista como você? Não muito obrigada!

A Hyuuga coloca a mão na cara, com as palavras malucas da amiga, ela pega o braço da rosada e dá um sorriso amarelo, para os dois.

Hinata: Nos, de só um minuto?

A moça arrasta a amiga para o corredor, deixando o Uchiha finalmente explodir, com o amigo.

Sasuke: Naruto! Eu não vou contratar aquela maluca rosada! Vou acabar matando ela!

Naruto: Teme meu amigo, como você sempre diz, para de reclamar! Estamos por um fio, e elas são perfeitas para o trabalho, não temos outra escolha!

Sasuke cruza os braços de ódio, enquanto via um riso maroto, vindo do amigo.

Sasuke: O que foi?

Naruto: Sasuke Uchiha levou o seu primeiro fora! E de uma gata devo dizer!

Sasuke: Ei! Em primeiro lugar, eu não deu em cima dela, e em segundo lugar não foi um fora, com um incidente!

Naruto:  Bom... para mim continua sendo um fora! Naruto Uzumaki vence de novo!

Disse fazendo a dancinha da vitória, rebolando na frente o moreno, que já estava com os olhos vermelhos de raiva.

Sasuke: Ora seu Dobe dos infernos!

Os dois simplesmente se pegam, no escritório como duas crianças, derrubando tudo pela frente.

No corredor, Hinata tentava fazer com que a amiga, mudasse de ideia, mas estava difícil.

Sakura: Hinata está maluca? A gente não vai trabalhar, para aqueles babacas narcisistas!

Hinata: Olha? A gente não vai receber essa oportunidade nem em um milhão de anos, pensa bem? Com esse cachê podemos pagar as nossas contas a faculdade, posso ajudar minha família, e ainda vai sobrar para abrirmos o nosso consultório, então não abra mão disso, por uma discussão idiota!

Sakura: Não foi uma discussão idiota! Aquele maldito, tacou os nossos bombons da TPM no chão, era questão de honra!

Hinata: E por essa questão de honra, você vai ficar sem grana, e não ter os bombons da TPM?

Disse ao cruzar os braços com um sorriso de lado, sabendo que esse era o ponto fraco da Haruno.

Sakura: Ai é pegar pesado!

Hinata: Não é pega pesado é negociar, agora para com essa birra, e vamos aceitar aquele contrato!

A rosada fica com os braços cruzados e um bico tão grande quanto e um bebê, mas sabia que a amiga estava certa, era a única chance.

Sakura: Está bem, está bem, você venceu vamos acabar com isso de uma vez!

Hinata dá um sorriso mais largo, e as duas vão para o escritório, mas ao invés de topar com dois empresários profissionais, deram de cara com dois moleques fazendo bagunça, por todo o cômodo.

Sakura: Vem cá? O que vocês são, adultos responsáveis, ou dois bebês disputando por uma chupeta?

Naruto: Um pouco dos dois.

Disse ao se levantar junto com o amigo e sócio, Sakura se vira para a amiga, com um olhar de “estou fora! ”

Sakura: Tchau!

Mas antes de ir, a azulada pega a amiga de volta.

Hinata: Não você fica! Teremos o prazer em trabalhar na agência The Last, e a Sakura tem uma coisa a dizer para o senhor Uchiha, vai logo! 

 

Hinata empurra a rosada, para perto do moreno, ela cruza os braços mais uma vez, e entre os dentes o mais baixo possível, ela fala.

Sakura: Desculpa por ter derramado café em você.

Sasuke: Tsc... irritante.

Sakura: IRRITANTE É...

Hinata: Irritante é ninguém!

Disse ao falar pela amiga, Naruto dá uma risada com a cena cômica, aquelas duas, vão arrancar boas risadas naquela agência, ele pega o notebook e imprime o contrato.

Naruto: Bem aqui está, o contrato das duas e só assinar.

Disse ao entregar, Hinata pega eles.

Hinata: Desculpem, mas se não importam de mandarmos para o nosso advogado antes de assinarmos?

Sasuke: Está achando que a gente, iria dar um golpe para cima de vocês?

Sakura: Não saberia o que é um golpe, nem se passasse pela sua cabeça!

Disse resmungando.

Hinata: Chega! Não è isso, mas o meu primo e advogado quer que a gente mande para ele os contratos antes de assinarmos, espero que entendam.

Naruto: Tudo bem, pode assinar amanhã e se quiser pode trazer ele para a agência.

A Hinata dá um sorriso e aperta a mão do Uzumaki.

Hinata: Muito obrigada, pela a oportunidade.

Naruto: Acredite o prazer e todo meu.

Disse ao dar o segundo beijo, na mão da jovem a deixando toda corada.

Sakura: Fala sério? Vamos Hina e gente estamos atrasadas para a aula.

Disse ao arrastar ela da sala, deixando os dois sozinhos, e Naruto com um sorriso bobo no rosto, o moreno coloca as mãos no bolso e olha para o Uzumaki.

Sasuke: Nada de pegar a Hyuuga.

Naruto: Ah qual é? Eu salvei a gente, mereço recompensa!

Disse com um bico infantil, Sasuke se sente no sofá, assim como o loiro.

Sasuke: Não dá para fazer nada disso, com aquela estilista maluca no nosso pé, enquanto a Ino estiver aqui, você será um completo cavaleiro com aquelas duas, entendeu?

Naruto: Ah tá! Como se eu não te conhecesse Uchiha, eu sei que você não parou de olhar para a Haruno, e tenho certeza que não foi só com raiva dela.

Sasuke pensa um pouco, e logo um sorriso safado brota em seu rosto, até que ela daria para o gasto.

Sasuke: Se ela guardasse, toda essa ousadia somente na cama, quem sabe daria uma foda boa.

Disse fazendo Naruto rir, afinal uma vez galinha sempre será um galinha, uma filosofia barata que eles sempre seguem.

                                                                        ~~NH~~

Já era noite, e as meninas estava na casa de Neji Hyuuga e Tenten Hyuuga sua esposa, para ver se o contrato da The Last e mesmo tão bom quando eles dizem.

Hinata: Então o que acha?

Neji: Acho um ótimo contrato temos que dar um jeito no horário, mas fora isso não vejo por que de não assinarem.

Sakura: Por que um de nossas chefes é um, verdadeiro pé no saco!

Disse fazendo Hinata revirar os olhos e Neji rir, uma coisa muito raro vindo dele.

Neji: Bem amanhã, veremos isso, mas já que estão aqui fiquem para jantar, Tenten fez lasanha a quatro queijos.

A rosada se levanta da cadeira, toda feliz e com o humor restaurado.

Sakura: Nem precisa perguntar! Se eu ver miojo de novo na minha frente, eu enlouqueço.

Disse saindo do escritório, arrancando risos dos dois Hyuugas. Mas logo Neji fica sério e pega nas mãos da querida prima.

Neji: Então como você está?

Hinata: Estou bem, melhor agora com esse trabalho, salvou a minha vida e a da Sakura.

Neji: Sabe que eu posso te ajudar, posso pagar os remédios do tio Hiashi e quem sabe...

Logo a prima o interrompe.

Hinata: Não primo! Eu estou bem e agora posso ajudar o papai e a Hanabi sem problemas, e ainda vai sobrar dinheiro para mim, você tem esposa agora e precisa cuidar dela.

Neji: Delas.

Disse com um sorriso, nos lábios.

Hinata: Como assim?

Neji: Tenten esta gravida de 2 meses, ela acha que é uma menina e quem sou eu para descordar?

Hinata: Eu não acredito! Vou ser tia!

Disse ao se levantar a dar um abraço no seu irmão de criação, que logo ele retribui.

Hinata: Viu? Isso é mais um sinal para pensar em você e na sua família, não se preocupe eu estou bem.

O Hyuuga dá um beijo na testa a mais nova.

Neji: Está bem sua teimosa, vamos logo se não a Sakura e a Tenten vão acabar com o nosso jantar.

Os dois vão jantar felizes e esperançosos, principalmente Hinata que sentia que agora as coisas estavam se encaminhado do jeito certo.

 


Notas Finais


Então, apago?
Ou continuo?
Vcs que vão decidir.


Bom não estou com muitas coisas a dizer, já vou e despedindo, bjs até


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...