História An Addictive Love - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 87
Palavras 426
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Hentai, Lemon, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Daddy


Fanfic / Fanfiction An Addictive Love - Capítulo 2 - Daddy

Depois de um tempo mexendo no celular, me levanto para sair por aí e conhecer a faculdade, Park estava dormindo (que vontade de pegar esse menino), sorrio de canto e saio do quarto.
  Começo a andar pelos corredores até ser parado por uma garota.
-Oi, meu nome é Jenny. Ela sorri
  Dou de ombros e volto a andar e essa garota me puxa pela manga.
-Que foi menina?
-Eu queria saber se você não gostaria de sair comigo algum dia. Ela diz corada
-Não . Digo curto e grosso
  Volto a andar escutando minhas músicas, volto pela volta das 23:58 da noite. Ando até o dormitório e Park ainda estava dormindo aproveito para dormir também, afinal, amanhã tem aula.
  Acordo e aquele muleque não estava no dormitório, é impressão minha ou ele está me evitando?
  Tomo um banho rápido, vou caminhando até a sala hoje Park não escapará de mim. Entro na sala e vejo o menor sentado na cadeira, me sento atrás dele. O mesmo olha pra mim e eu o encaro e sorrio de canto.
-Bom dia Park. Falo vendo suas bochechas corarem. Então ele não é acostumado a receber atenção? Isso vai ser interessante
-Bo-bom di-dia. Me segurei pra não rir
-Vai fazer alguma coisa hoje a noite?
-Porque quer saber? Falou desconfiado
-Falamos sobre isso depois
  Volto minha atenção pra aula, eu podia odiar estudar, mas eu realmente quero ser um jornalista de sucesso. O sinal toca e Park se levanta rapidamente tentando escapar de mim. Eu o puxo e o levo pro banheiro.
-Eu vou te denunciar seu sequestrador. Diz fazendo eu o soltar
-Cala a boca!
-Vem calar. Ele grita
-Tem certeza?
  Me aproximo e o beijo com intensidade batendo com a parede suas costas. Separo o beijo e vou em direção sua orelha.
-Essa noite quero que me chame de daddy. Sussurro e chupo sua orelha
  Saio rapidamente do banheiro e me esbarro com um cara.
-Olha por onde anda seu imbecil. O mesmo me empurra
-Tá achando que é quem pra falar assim comigo? O encaro com um olhar fuzilante
-Nada mais nada menos que Dong-su. Ele diz se gabando
-Nossa, essa informação mudou minha vida. Digo me retirando
  O mesmo me prensa na parede me deixando sem saída.
-Não queira me ver irritado baby, você não sabe do que eu sou capaz. O empurro
-Sai daqui caralho!
  Saio batendo pé, mano que cara é esse? Ele é atraente, mas dá pra ver que é um completo idiota.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...