História An Black in Korea <3 - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Black Girl, Cacheada, Coréia, Dança, Kim Namjoon, Romance
Visualizações 84
Palavras 1.795
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIOI PESSOINHAS DO MEU KOKORO
Então né... como alguns de vocês já sabem eu sou uma pessoa meio perdida e lerda, portanto, como eu posto dia sim, dia não, não faço a mínima puta idéia se postei ontem. Por isso to postando hoje também
ALGUEM ME SITUA NA VIDA PELOAMORDE GD
Ta marcando que ontem eu postei, mas eu posso JURAR que ontem eu não postei...
Desculpem pelos erros, boa leitura

Capítulo 13 - Te mimando um pouco


Fanfic / Fanfiction An Black in Korea <3 - Capítulo 13 - Te mimando um pouco

LEIAM AS NOTAS INICIAIS

~ 05:00 Sexta-feira

  Não sei o motivo, mas acordei bem cedo no dia seguinte, o Nam ainda estava dormindo profundamente e eu estava de bom humor. Refleti um pouco e o seguinte pensamento surgiu na minha cabeça:

"Mas por qual motivo eu estou de bom humor?"

  Não faço a mínima idéia, mas como isso não acontece facilmente, vamos aproveitar. Me desfiz do abraço do Nam, ele estava com o rosto enterrado nos meus cabelos pois tinha dormido cheirando ele, e eu estava deitada aconchegada em seu peito nú, com os dois virados um de frente para o outro, como sempre dormimos.
  Ele não acordou, continuou dormindo pesadamente e eu fui para o banheiro fazer minhas higienes pessoais como todas as manhãs. Saí do banheiro e coloquei uma short jeans que ia até metade da minha cocha mas que era toda rasgada, cobrinda apenas a parte que tinha a minha calcinha, uma blusa de frio linda do Namjoon bem grande que era preta com as mangas brancas que atrás estava escrito "Rap Monster" em letras brancas, eu deixei a blusa aberta e estava apenas com um sutiã preto que era rendado e ficava lindo com o tom da minha pele. Olhei na minha mala de roupas e achei o meu perfume que o Nam gosta e borrifei tanto em mim quanto na blusa dele que eu estava vestindo. Fiz um coque e resolvi descer até a cozinha e fazer um café especial pra o Nam.
  Eu resolvi fazer o café da manhã favorito da meninas, já que sabia que o Nam também gostava. Fiz panquecas com leite condensado batido com frutas vermelhas e leite em pó. Coloquei morangos, framboesas e outras frutas em volta e coloquei um potinho com mel do lado se ele quisesse. Fiz um suco natural de laranja e coloquei tudo em uma bandeijinha prata que tinha pezinhos, que daria pra comer na cama. Subi as escadas e entrei no quarto com o Namjoon dormindo, coloquei a bandeija na mesinha de centro na frente da cama e fui acordar ele, que já ocupava a cama toda.

- Namzinho, acorda - falei dando selinhos em seu rosto

- Hmm. Bom dia ___, que cheiro bom... -ele disse me olhando ainda bem sonolento. Não sabia se ele se refeia ao meu perfume ou a comida

- Cheiro de que?

- Seu cheiro e cheiro de comida também - ele disse depois de cheirar o ar tentando indentificar o que era

- Fiz seu café - falei depois de dar um selinho nele e pegar a bandeija

- Sério ___? Não precisava, assim eu me acostumo mal. O que eu vou fazer quando você voltar pra casa? - falou olhando a comida e fazendo biquinho

- Não sei o que vai fazer, mas eu gosto de te mimar - falei sentada a sua frente

  Ele experimentou as panquecas junto com o mel e fez uma cara que me fez rir um pouco

- ___, que delícia! Já pode casar...comigo - ele disse ainda com a boca cheia de comida

- Hahaha, obrigada Nam - falei rindo um pouco com a frase

  Ele me deu um pouco da comida dele na minha boca e eu me sujei, ele me limpou como se eu fosse um bebê e depois que ele acabou ficamos nos beijando por baixo daquele cobertor quentinho, eu sentindo o gosto doce da boca dele e ele sentindo o gosto de menta na minha. Depois de um tempo nos separamos e ele foi em direção ao banheiro do quarto e eu decidi me vestir.
  Assim que ele saiu do banheiro parou na porta, me olhando.

- O que foi?

- Gostei de como a blusa de frio ficou em você - falou se aproximando

- Gostei muito do sutiã também, é a melhor visão pra se ter ao acordar - disse olhando para meu sutiã amostra por causa da blusa aberta

- NAMJOON! Hahahah, seu bobo - falei rindo, e ele não parava de encarar meus seios, estava com uma cara séria  e modia os lábios em silêncio

- Aish, Namjoon, para de olhar assim - disse cobrindo meus seios com a blusa de frio

- Não precisa se esconder, se eu admiro é por que é algo bonito... seu corpo é lindo - ele disse me fazendo corar

- Aah, como você fica fofa corada - ele disse rindo e me deu um selinho, deixando eu me trocar

  Coloquei uma legging da Adidas que era toda colorida e a blusa moletom do conjunto. Fiz uma trança estilo "boxeadora" que foi até a minha cintura, passei um batom vinho, delineador e como sempre, rímel. Coloquei um tênis branco também da Adidas e  quando estava pronta pude ver o Namjoon pegar a blusa de frio dele que eu estava vestindo e cheirar ela com um sorriso bobo. Sorri com aquela cena, deu vontade de colocar num potinho e colocar na minha estante.

~ NAMJOON ON

  Enquanto a ___ se arrumava, eu ví que a minha blusa de frio estava sobre a cama, me lembrei de quando ela trouxe meu café me dando beijos e pude sentir seu perfume delicioso, eu amava o perfume dela, peguei a blusa sem que ela percebesse e comecei a cheirar a mesma. Soltei um sorriso bobo automaticamente e decidi que usaria aquela blusa, pra poder ficar sentindo aquele cheiro o dia todo. Coloquei uma camiseta preta escrito "Bulletproof", uma calça jeans, um tênis branco e a blusa de frio com o cheiro da ___. Ela estava linda, eu estava todo preto e branco e os tons da roupa dela eram claros, um conjunto, com elásticos nas pontas das mangas do moletom e da calça. O dia estava bem frio, mas agradável. Saímos do quarto juntos e eu torci pra que a Sook já não estivesse acordada, pois se estivesse o bom humor da ___ iria acabar rápido.
  Pelo jeito ela ainda estava dormindo, então saímos de casa bem tranquilos.
  Como saímos de casa cedo resolvemos passar em um shopping no caminho, eu queria comprar algumas roupas pra mim.
  Entramos de mãos dadas e eu logo entrei em uma loja com uma das marcas mais caras que tinham naquele shopping que era bem luxuoso, ví a ___ meio desconfortável com os preços, sabia que ela não passava necessidades, mas mesmo assim minha família e eu tinhamos muito mais dinheiro. Ela parou de frente a um relógio dourado e grosso da mesma marca cara e seus olhos brilharam.

- Que lindo! Olha esse relógio, Nam - ela disse me chamando, a ___ era completamente apaixonada por óculos de sol, relógios e batons, eu sabia disso.

- Gostou dele?

- Amei... - disse com um certo tom de tristeza pois sabia que não poderia levar o relógio

- Quer que eu compre ele pra você?

- Não Nam, não precisa, é muito caro.

- Eu não achei tão caro assim, o valor é bom

- Nossa, joga mesmo seu dinheiro na minha cara senhor Kim Namjoon - ela disse com um tom de brincadeira

- Hahah, me desculpe, eu te dou ele, você quer?

- Não Namjoon, não vou te fazer gastar assim

- Ah, para de ser orgulhosa menina, aceita - falei abraçando ela e encostando sua cabeça em meu peito

- Não sei Namjoon...

- Ah, vai aceitar sim, queira você ou não... - falei pegando a caixinha do relógio

- Hahah, obrigada Nam, mas não quero que você pense que sou interesseira - ela disse olhando pra mim

- Não, muito pelo contrário, sei que você não liga pra isso...

  Continuamos comorando coisas pra mim e eu praticamente forcei a ___ a aceitar presentes meus, ela ralmente tinha um bom gosto maravilhoso, o que ficava bem com o look dela, como o relógio, ela colocava e já começava a usar, o que não combinava ela levava em várias sacolas, sei que ela não gosta de tantos presentes caros, que ela não poderia pagar, mas eu amava mima-la.

  Saímos do shopping com pelo menos uma sacola de cada loja na mão de cada um de nós, o banco de trás do carro e o porta-malas ficaram completamente ocupados.

- Namjoom, não acredito que te fiz gastar desse jeito! - ela disse olhando para as compras

- Não, princesa, não se preocupe, não foi você... - eu disse beijando sua testa

  Continuamos o caminho normalmente e quando chegamos no trabalho todos nos encaravam, realmente estávamos vestidos muito bem e com acessórios muito bons também.

- Eita, não precisava humilhar não - falou o Hobi nos olhando

- Queen virou madame em? - falou uma amiga da ___, se aproximando

- Virei não, fofa, continuo pobre, só to andando bem vestida - falou fazendo os outros rirem

~ SOOK ON

  Acordei e eram 11:00, não achei tarde pois como não trabalho nem estudo acordo nesse horário mesmo. Ainda estava vestida daquele jeito ridículo e me lembrei do que tinha acontecido com as minhas roupas, sabia que tinha sido a ___ mas não tenho provas e estou com um pouco de medo do que ela pode fazer comigo, mas eu não estou nem aí, vou mostrar pra essa menina insolente com quem ela mexeu, minha família tinha certa influência, e meu pai conhecia muitas pessoas daqui em Seul. Eu tinha o contato de algumas delas alguns e com certeza mandaria eles darem um susto na ___ pra ela entender onde é o lugar dela. Eu iria visitar meus tios, mas precisava de outras roupas, chamei um táxi e fui a uma lojinha de roupas que tinha alí perto, comprei umas peças de roupa no estilo que eu gosto e já saí da loja vestindo a roupa e usando algumas maquiagens que também eram vendidas lá.

  Fui para a casa dos meus tios, onde meus pais estavam, e a conversa foi até que agradável, a pesar de ser bem chata. A minha tia só sabia falar de como o Namjoon estava feliz depois de começar a namorar e que estava louco para conhecer a menina, meu tio concordava e meus pais também pareciam encantados com o quanto meu primo cresceu e mudou. Depois de um longo tempo resolvo me retirar e ligar para uma pessoa

~ LIGAÇÃO ON

- Alô? Quem é?

- Alô, é a Sook, não sei se o senhor vai lembrar de mim, eu sou filh... - fui interrompida

- Ah, lembro sim, a filha do meu amigo, tô ligado - ele tinha um sotaque na voz, parecia não ser da Coréia, e usava gírias e tinha voz grossa... eu nunca tinha o visto pessoalmente, mas sabia que ele podia me ajudar.


Notas Finais


Eita caraio...pra quem que essa menina ta ligando, potaquepareu
QUERIA EU TER UM NAMORADO QUE ME DESSE ESSAS COISA ASSIM. Qnd to namorando ganho no máximo uma coxinha.
Obg pelos favs, digam o que estão achando da fic e deem sugestões BEIJOUS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...