História Anastom - A História - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Anastasia, Harry Potter
Personagens Anastasia, Lord Voldemort, Personagens Originais, Tom Riddle Jr.
Tags Anastásia, Anastom, Tom Riddle
Exibições 21
Palavras 1.248
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - Conhecendo o Futuro Lar


  Dois vultos passaram a sua frente,ela apenas pode ouvir os vasos indo ao chão se partindo violentamente e os móveis caindo 

-EU VOU LHE MATAR SEU INFELIZ !-a cobra gritava histérica enquanto perseguia Tom e ele corria e desviava dos ataques da perigosa cobra 

-Não foi uma boa ideia.-disse ele enquanto passou correndo pela loira 

.........

Minutos antes 

  Depois do beijo

-Temos que contar a Iris.-ela disse 

-Acha mesmo uma boa ideia ? sabe que ela não gosta de mim.-ele fazia-se pensar que não queria frustar a cobra,mas na verdade estava louco de vontade de ver a reação do réptil,naquele momento a loira beijou a ponta de seu nariz fazendo ele sorrir 

-Iris tem sido minha única companheira nos últimos anos,claro que ela deve saber o mas rápido possível...e é claro que ela gosta de você mas ela nunca teve que me dividir com ninguém,essa "antipatia" é apenas ciúmes e proteção.Por favor,Tom,eu peço que tenha paciência com ela.-naquele momento ele deu um beijo na testa dela 

-Por você eu faço tudo e mas um pouco.-ela sorriu envergonhada 

-Vamos ?-perguntou e ele apenas aparatou 

  A sala estava vazia,não havia sequer um misero sinal de vida os dois estavam de mãos entrelaçadas,apenas não perceberam a presença da cobra bem atrás deles que bufou internamente e rompeu por meio deles separando suas mãos.

-Sabem não é necessário ficarem tão juntos,eu já sei que são....amigos.-disse a última parte mortalmente fazendo a loira rir internamente e o moreno dar uma curta risada 

-E em breve muito mas que amigos.-disse contente a loira que apenas sorriu cúmplice 

-Oque querem dizer com isso ?-perguntou ela desconfiada 

-Iris,eu apenas peço que se acalme e pense direito sem se exaltar a ponto de cometer uma atrocidade...oque quero dizer é que as escolhas nem sempre podem agradar a todos e também......-os outros dois já estavam começando a ficar com tédio da resposta e assim Tom deu um sorriso sagaz e sem rodeios disse 

-Eu e Anastasia vamos nós casar !-naquele momento a loira parou de falar e a cobra rapidamente se virou para ele e a loira respirou fundo 

-OQUE ?-ela gritou exaltada 

-Eu.-disse indo para perto da amada assim a abraçando de lado.-e Anastasia ficaremos juntos para sempre e nem mesmo a morte ira nos separar.-disse e beijou o rosto dela apenas para irritar mas ainda a cobra 

-Assim será.-disse Anastasia com um sorriso de canto 

-MALDITO RIDDLE !-gritou a cobra na mas pura fúria e desafiando as leis da velocidade foi de encontro a Tom que desviou do ataque e começou a fugir dos ataques da cobra 

........

   Foi assim que tudo havia começado 

  Quando a loira acorda de seus desvaneios sobre oque havia levado aquilo tudo,pode ver que a cobra havia encurralado Tom em um canto e estava prestes a atacar mas a loira rapidamente surgiu a frente de Tom o protegendo com seu próprio corpo,e foi aquilo que fez a cobra vacilar e parecer por se esgotar sua fúria.

-Iris,por favor controle-se.-ela pediu encarecidamente e a cobra suspirou 

-É isso mesmo que você quer ?-perguntou cabisbaixa e a outra se abaixou a frente da cobra erguendo sua cabeça e a encarando no fundo de seus olhos 

-Sim,e assim será.-disse e acariciou a cabeça da cobra.-E eu espero que você me apoie,como vem feito a todos esses anos 

-Irei te apoiar,agora e sempre.-assim a garota emocionada abraçou a cobra e Tom revirou os olhos mas quando voltou seus olhos para baixo pode ver o olhar da cobra o matarem lentamente e ele apenas torceu o nariz em desagrado,a loira logo voltou para cima ficando ao lado do "amado",que passou a mão por sua cintura.

-Eu prometo que farei de Anastasia a mulher mas feliz do mundo.

"Sim,ele faria 

Mas feliz ao seu ponto de vista"

-E melhor que faça,por que senão as consequências serão altamente graves.-disse a cobra mortalmente 

-Mas oque acham de amanhã conhecerem a minha casa ? tenho uma amiga que sei que ira adorar Iris.

-Se for igual a você...-murmurou 

-Uma amiga ?-perguntou Anastasia levemente enciumada,fazendo Tom sorrir e beijar a testa de sua futura esposa 

-Não se preocupe meu raio de sol,sei que também ira adora-la.

-Claro.-disse contrariada 

   Já no Hall de entrada 

-Então nos vemos amanhã ?-perguntou ele 

-Sim

-Ótimo,então eu virei para buscar você e Iris

-Tom

-Sim ?

-Obrigada por ter tanta paciência com Iris.-naquele momento ele sorriu de canto e acariciou o rosto dela 

-Farei qualquer coisa por você,até amanhã.-disse e já ia desaparatando mas ela o puxou e o beijou rapidamente 

-Até amanhã,meu amor.-ele sorriu feliz com aquele comentário e a puxou para um beijo de verdade 

-SERÁ QUE PODEM DEIXAR O AGARRAMENTO PARA DEPOIS DO CASAMENTO ?-puderam ouvir o grito da cobra do outro andar a loira riu e o outro bufou por dentro 

"Maldita cobra" -ele pensou 

-Até depois.-ele disse e desaparatou fazendo a loira suspirar 

.......

-E então ? vendo seu sorriso,vejo que tudo deu certo.-disse a cobra rastejando de encontro ao seu dono 

-Anastasia Riddle,a Senhora Riddle,isto soa tão bem.-dizia ele sorridente 

-E ele conseguiu mas uma vez.-disse a cobra e Tom se virou para ela 

-Sempre consigo oque eu quero

-Claro. 

-Elas virão amanhã para conhecerem a sua futura casa 

-Elas ?-perguntou confusa 

-Sim ela e a Iris,a cobra já lhe contei sobre ela.

-Tom.....

-Não se preocupe,eu odeio aquela cobra intrometida.-revirou os olhos.-Apenas peço que tente simpatizar com elas mas especifacamente com Anastasia 

-Farei o possível.-ela disse

.........

-Sua casa é muito bonita,Tom.-disse a loira enquanto contemplava a casa com Iris ao seu lado e Tom do outro a qual estavam de braços entrelaçados fazendo a cobra resmungar muito

-Em breve nossa casa.-disse e a loira corou 

"Tão linda"-ele pensou 

-E quando vir morar aqui,poderá mudar tudo que quiser mas......

-Em cores escuras como verde e preto,acertei ?

-Apesar do pouco tempo,o tanto que me conhece chega a me assustar.-disse e ela riu 

............

Na Biblioteca da Mansão 

-Bem quero que conheçam alguém.-disse ele para as duas a sua frente a qual uma sorriu nervosa e a  outra bufou.-Nagini !-chamou e da parte mas escura do cômodo a cobra saiu,indo de encontro ao seu mestre.

-Essa.-disse indicando Nagini com as mãos.-É Nagini minha amiga mas antiga e fiel companheira 

-É um prazer lhe conhecer,Nagini.-disse Anastasia sorrindo gentilmente 

-É um prazer finalmente conhecer a garota a qual Tom,tem falado a muito tempo.-disse e Anastasia corou envergonhada 

-Mas por que você não leva,Iris para fora para que se conheçam melhor,enquanto eu mostro a casa para Anastasia ?-disse Tom para Nagini 

-Mas....-tentou Iris 

-Ela adorará,não é mesmo,Iris ?-perguntou Anastasia e a cobra suspirou e Tom disfarçou seu sorriso desdenhoso 

-Vamos ?-perguntou Tom lhe estendendo o braço que ela aceitou de bom grado e assim foram em rumo a conhecer o futuro lar do casal

................

    Mas em meio aos bons momentos sempre a algo para atrapalhar e para Tom foi o chamado de seus comensais ele bufou e se virou para Anastasia 

-Eu tenho um problema rápido a resolver,você se importa de ficar um pouco sozinha é que....

-Pode ir,eu entendo.-disse compreensiva e rapidamente ele se foi e a loira resolveu voltar a biblioteca 

   Ela passava a mão delicadamente pelos livros,até que sem querer ela derruba um fazendo ele cair aberto,ela se abaixa para pega-lo e quando se levanta se depara com algo que chama a sua atenção.

-Amortentia,a poção do amor mas poderosa do mundo.-leu em voz alta 

-Solte esse livro...

"Se a verdade fosse revelada 

Ele estaria condenado a solidão"

 

Continua...........

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...