História Âncora - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens D.O, Kai
Tags Chanbaek, Exo, Hunhan, Kaisoo, Seventeen, Sulay, Taoris, Xiuchen
Exibições 17
Palavras 690
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Fluffy, Hentai, Lemon, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Balada e seus desastres


Eu poderia dizer que reencontrar meu primo nesse momento não é a melhor coisa do mundo. Porém, oque seria da minha felicidade sem esse tagarela, ele simplesmente falou os 15 minutos inteiros de viagem até a boate sobre como é morar na China e que eu devia ir pra lá nas férias, ele só parou de falar quando avisei que chegamos.

-Soo está tocando queen Hyuna!!

-Que?- Ele não respondeu apenas foi para pista puxando Kris junto de si, havia me esquecido como ele era. Olhei para o bar e lá estava sentado no balcão Jongin e Baekhyun eles conversavam sobre algo muito engraçado pois os dois estavam vermelhos.

Assim. Espero. Senhor. Baekhyun.

Eles me viram e logo pararam de rir, Bacon pediu drink's com nomes estranhos para eles e eu pedi uma água. Alguns minutos depois chegou Chanyeol junto à Sehun e Luhan.

Chanyeol chamou Baekhyun para dançar e eu fiquei na mesa com Sehun, Kai, Luhan e minha garrafa de água.

Eles conversavam sobre coisas aleatórias mas as vezes me vinha aquele sentimento de estar sendo observado, olhei para Jongin e o mesmo estava me encarando com um olhar indecifrável, tornei a olhar para Baekhyun e Chanyeol que agora estava mais se sarrando do que dançando.

Preciso urgentemente ir tomar um ar esse clima de adolescentes, drogas e sexo não é meu tipo, prefiro ficar em casa fazendo coisas de adolescentes sem vida sexual ativa, tipo ler fanfic e ver dorama.

Fui para os fundos da boate e Kai venho atrás, eu saí para pegar um ar mas com Kim Jongin ao meu lado eu até esqueço oque é respirar, e foi o que aconteceu, eu desmaiei Brasil.

~~~~

Eu lembro de sentir alguém me levando nas costas, de gritar algumas vezes "EU AMO KIM JONGIN PRA CARALHO, MAS NÃO CONTA PRA ELE MOÇO" tenho pena de quem me ajudou, lembro de ouvir Tao falar pra me levar ao hospital e depois apaguei de novo.

Agora sinto um carinho, me aconchego mais no quer que seja. Uma mão quente em meus cabelos, arrepiando todos os pelos do meu corpo.

-Você consegue ser adorável até dormindo.- Eu conheço essa voz...EITA CARALHO. Dei um pulo e fui parar no chão, graças a Deus estou no meu quarto.- Desculpa, não queria assustar.

-T-Tudo bem, você não me assustou.- Dei um sorriso amarelo.- Como veio parar no meu quarto?

-Ah, me desculpe, ontem você desmaiou e eu te trouxe para casa.- Será que fui grosso, oque devo fazer agora?

-Muito obrigado. Está com fome?- Oque foi isso Do Kyungsoo? Agora vai fazer reverência e chorar implorando que ele te note?

-Estou sim.- Ele diz olhando para baixo, olho pra mesma direção e vejo que estou só de box e uma blusa de manga longa que não faço ideia de quem é.

-Ah! Me desculpe.- Digo correndo para o banheiro. Ouço uma risada baixa.

-Não precisa trocar está ótimo.- Eu to ficando louco ou ele me elogiou? Saio do banheiro e ele já não está mais la.

Parando pra pensar o que aconteceu ontem? Como ele foi parar dentro da minha casa?

Mas a pergunta que não quer calar é: Aconteceu algo a mais?

Coloquei uma bermuda cinza e fui para a cozinha, e ele estava lá todo maravilhoso com o sol batendo nos seus cabelos levemente rosados enquanto ele fazia alguns sanduíches. Vou deixar para perguntar o que aconteceu mais tarde, o importante é que ele está aqui comigo. Peguei meu celular e tinham 2 mensagens, uma do Tao e outra do Lu.

Poxa eu esperava que o Baek mandasse também, até porque quem me convidou pra sair foi ele.

Tao: Soo, você está bem? Vi Jongin levar você ontem, disse à ele que sua chave estava no bolso esquerdo da calça. Falando em roupa, você estava sem blusa, aconteceu algo?

Primo eu estou bem, não sei onde está minha blusa mas ok. Como você e o Kris voltaram para casa?

Tao: Pegamos seu carro emprestado, espero que não se incomode :)

Incomodação à essa altura do campeonato, tendo Kim Jongin na minha casa? Eu nem sei o significado da palavra "problema".


Notas Finais


seja amorzinho


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...