História And if I were in your place - Stydia/ Scallison - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Allison Argent, Chris Argent, Cora Hale, Derek Hale, Erica Reyes, Isaac Lahey, Jackson Whittemore, Jordan Parrish, Kira Yukimura, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Mason Hewitt, Melissa McCall, Mieczyslaw “Stiles” Stilinski, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Theo Raeken
Tags Scallison, Stydia, Teen Wolf
Visualizações 91
Palavras 2.729
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Fantasia, Festa, Luta, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi bbs vouuuteeei

Gostaram da nova capa?

• Mais tarde vai ter o fim do especial

Capítulo 23 - Me ame ou me deixe


Fanfic / Fanfiction And if I were in your place - Stydia/ Scallison - Capítulo 23 - Me ame ou me deixe

Point of View - Cora Hale

Acordo conforme solicitado pela rigorosa rotina da minha mãe, odeio a forma em que me controla, felizmente na escola podia ser eu mesma, e como finalmente as férias acabaram, eu podia ser livre. Me levanto animada e me arrumo para ir a escola.

***

Ao chegar na escola avisto Isaac, rodeado de meninas, pensei que essa "faminha" dele tinha acabado, fuzilo todoscom os olhos e me direciono até lá.

- Oi meninas, o papo acabou - Finjo simpatia e bato palmas representando ordem - Vaza - Sorrio cínica e após todas saírem olho fixadamente para Isaac que me olha indignado

- O que deu em você, Cora? - Ele diz revoltado e eu não entendo a extensão da idiotice dele

- Eu que digo "o que deu em você?", então é só isso? Você só me beija e me ignora? Que tipo de canalha você é? - Digo com o mesmo tom de raiva e ele me olha confuso, parecia selecionar as palavras mas nada saía da boca dele, me encosto no armário cruzando os braços e semi cerrando os olhos

- É... Que... O que você queria? Não nos falamos desde então, pensei que você não tivesse gostado... - Ele fala bobo, como ele podia imaginar que eu não gostaria?

- Como você pôde pensar isso? - Falo sorrindo da cara de bobo dele

- Então você gostou? - Ele fala ligando os pontos e eu o olho obviamente

- Claro - Digo e reviro os olhos

- Então não se importaria se repetirmos isso qualquer dia? - Ele sorri malicioso e eu respondo decidida

- Hoje as 16:00 no Jenner's - Sorrio vitoriosa, passo as mãos na blusa dele e saio para minha aula

Consegui!

Point of View - Stiles Stilinski

Acordo antes do alarme tocar, bocejo e mexo no meu cabelo, pego rapidamente meu notbook, clico no Skype, faço uma chamada pra Lydia que demora mas enfim atende

- Oi Lydia - Não consigo evitar sorrir

- Oi, tenho uma boa notícia - Ela sorri radiante - Mas antes, por que me ligou agora? Acabei de acordar minha cara está péssima! - Vejo ela corar e cobrir o rosto com um lençol

- Você é linda até ao acordar - Sou sincero - Quando você volta? - Falo aborrecido

- Essa era a boa notícia, eu volto amanhã, só vou perder um dia letivo

- Que bom, estou com saudades, mal posso esperar pela sua volta

- Também estou morrendo de saudades, e por ai está tudo bem? Você está bem?

Hesito responder.

- Sim, o pessoal está com saudades, você faz falta - Sorrio

- Claro que faço como viveriam sem mim Sr. Stilinski? Prometo voltar logo, agora tenho que desligar, beijo

- Não sei Sra. Martin, mas prefiro ficar sem saber do que ficar sem você - sorrio - beijo - Falo chateado e fecho a tela do meu notbook. Como será agora? Como irei a aula de novo? Não sou mais humano, e se eu atacar alguém? E se for mais forte que eu? Lembro de uma frase que minha avó disse: "Nada é mais forte que você mesmo"

Adquiro confiança ao lembrar, nada é mais forte que eu mesmo, Stiles Stilinski nada é mais forte que você.

***

Entro na escola e percebo como tudo parecia normal, tento não chegar muito perto das pessoas, os sons eram mais alto, as risadas, a luz era mais forte, eu não estava aguentando, fui ao meu armário, o abri, fechei os olhos e inspirei profundamente dando seguida a espiração. Alguma garota veio até mim, percebi pela voz delicada, ao direcionar meu olhar vejo.

Malia

- Oi Stiles - Ela diz e morde o lábio inferior. Reviro os olhos

- O que você quer? - Digo sem importância alguma

- Porque a grosseria? Eu queria saber se a gente...

Suspiro e a interrompo

- Olha Malia, não existe a gente, nunca existiu de verdade, eu descobri o amor e eu espero que você também descubra o seu, agora se puder me deixar em paz

- A me poupe Stilinski, aquela ruiva sem sal? Pensei que você tinha classe, populares como você não andam com pessoas como ela, vocês não se batem e quando você se tocar que foi feito para pessoas como eu, vai me implorar de volta

Fico furioso com tamanho insulto

- Saí daqui Malia, se quer dinheiro ou fama, existem homens ricos e desesperados pra isso, aí você vai perceber o grande estrago que fez na sua vida você vai estar cuidando dos seus quatro filhos, provavelmente bastardos, morando com um empresário que não troca três palavra por dia com você, presa a um relacionamento sem amor, e ter que assistir sua vida passar sem nenhum pingo de felicidade - Desabafo e ela parece raciocinar enquanto ej fecho meu armário e dou um breve sorriso pra ela - Passar bem Malia - Ao soar o sinal, caminho a sala de química, abandonando Malia lá. Uma pergunta vem a minha cabeça, Cadê o Scott?, sento e fico observando o local, vejo Allison entrar, ela senta atrás de mim e sorri

- Como está? - Ela diz compreensiva

- Estou... Seguindo - Digo chateado - É difícil estar perto de pessoas, abraçar uma pessoa pra mim era tão simples, mas agora não consigo deixar de sentir desejo de... Você sabe

- Tudo bem, Stiles, o tempo, o tempo cura tudo, e eu sei a sua capacidade, você é forte - Ela diz e sorri, ela é tão doce, eu nunca reparei em como, ela sempre esteve la, ela é sem dúvidas uma grande amiga

- Obrigado, Argent - Sorrio pra ela.

Point of View - Allison Argent

Passou 35 minutos de aula e Scott não apareceu, começo a ficar preocupada

- Ei, Allison - Stiles sussurra me cutucando

- O que é? - Também sussurro

- Você sabe do Scott? - Ele para de sussurrar

- Não - falo cabisbaixa - Deve estar bolando um plano pra destruir vampiros - Percebo o que acabei de dizer - Nã-não, um plano pra fazer você, parar de ser... Vampiro e depois destruir os vampiros - Tento me justificar, entre gaguejos, contudo creio que chamei atenção do professor, já que ele olhou em minha

- Estou atrapalhando sua conversa Sra. Argent e Sr. Stilinski? - Ele pergunta como se não soubesse que a resposta era "claro", mas como não quero ser suspensa, não hoje, respondo "não", ou seja, eu minto

- Eu entendi Allison - Ele sussurra e sorri de lado logo virando pra frente de novo. Scott aparece junto a Theo, e o professor demônio já ficou revoltadinho

- Onde vocês estavam Sr. McCall e Sr. Raeken

- Eu avisei a diretoria que chegaria tarde, e não me chame de "senhor" faz me sentir um velho - Theo diz sem pensar e a sala toda riu da idiotice dele

- Sente-se agora antes que eu perca a cabeça - O demônio vulgo professor de química diz severo - E você McCall?

- Eu tive que cuidar de uns problemas que não envolvem nada de grande impacto em suas respectivas vidas e...- Ele falou enrolado parecia tentar confundir o professor, o que de fato aconteceu

- Ta, só sente-se logo e não atrapalhe mais minha aula - Falou estressado, Scott senta ao meu lado e eu fuzilo-o com os olhos

- Onde estava? - Falo irritada

- Eu falei com o Derek, e ele vai voltar para Beacon Hills!

- E ele tinha saído? - Falo confusa

- Sim... - Scott fala e então vira-se para Theo que passam o resto da aula conversando, eu olhava de relance pra ele de três em três segundos, ele parecia me ignorar, pois quando olhava pra mim ela desviava o olhar, o que deu nele?

Point of View - Liam Dunbar

O milagroso sinal toca e eu corro para o refeitório, pego meu lanche e suspiro

- Enfim sós

Scott e Theo vem até mim e eu reviro os olhos

- O que houve agora? - Digo ja cansado

- Derek vai voltar - Scott diz rápido

- Ebaa, soltem os fogos, amém aleluia - Finjo estar feliz sendo que não me importo - E eu com isso?

- Vamos acabar com os vampiros e vencer a guerra idiota - Theo diz revoltado

- Eu não sei se vocês sabem, mas se acabarem com um, terão que destruir todos, entende? - Scott abaixa a cabeça

- Eu sei - Raeken diz decepcionado

- Eu confio na Lydia - Scott diz cortando o clima estranho

- Lydia? Lydia? Scott? Serio? - Theo diz ele estava muito diferente, tudo isso mexe com a pessoa, mas sei que Theo não é assim

- Sim, ela é super capaz e ela vai voltar amanhã com novidades, eu ponho toda minha fé nela - Ele olha fixadamente para nós dois alternando - Ninguém mais tem que sofrer - Scott ainda era o mesmo​, isso é só uma fase, a escuridão, ela é uma fase, só tempo, ele muda tudo

Point of View - Cora Hale

Não vou para minha casa, vou para casa do Derek, envio uma mensagem para minha mãe avisando - se não ela me mata - Me arrumo para meu "encontro" com as roupas que eu deixei na casa do Derek caso um dia eu fuja de casa. Estou tão ansiosa, queria gritar, mas Derek ta dormindo. O ponteiro marca 15:45, eu ja estava pronta, não queria parecer desesperada chegando lá quinze minutos antes

- DEREK - Grito indo a sala onde ele estava

- O que é? - Ele diz desligando a TV antes que eu veja o que ele assistia

- Tava vendo pornografia Derek? - Digo enfatizando "Derek"

- O que você pensa de mim? - Ele diz incrédulo

- Não vai querer saber... Vou no Jenner's - Ele me ignora - Você não voltou cedo pra ver TV, né? Então, tira o traseiro do sofá e me leva la - Sorrio e ele revira os olhos

***

Saiu do carro

- Tchau Derek - Fecho a porta do carro

- Juízo - Ele diz

- Coisa que você não tem... - Falo e vou pra dentro antes dele me retrucar. La dentro eu sento e fico esperando, se passam 40 minutos, eu tinha tomado um milkshake e ele? Bem nada. Eu me levanto furiosa, ele não me fez esperar tudo isso pra não vir, jogo dinheiro na mesa e saio de la e esbarro em alguém, adivinha? Isaac

- Ei o que você estava fazendo - Ele diz confuso

- Saindo daqui, eu esperei você por quase 50 minutos Isaac, será que dava pra ser pontual? - Falo impaciente

- Por que você não senta na mesa e eu explico o que aconteceu? - Pacificamente ele tenta me guiar até a mesa, claro que foi em vão

- Por que você não vai a merda? Eu vou embora e se eu tiver sorte não vou ter que olhar nessa sua cara - Falo histérica, saindo de lá

- Cora, Cora! - Escuto ele me chamar, eu já tinha saído de lá e ele me segura pelo braço

- Da pra parar?! Você só fala e não escuta, droga! Você acha que se eu realmente não gostasse muito de você eu estaria aqui? Agora você acabou se tornando tudo que eu tenho, não me faz perder você também - Eu me prendia ao seu olhar, ainda estava com raiva dele, mas tinha mais raiva de mim mesma por não conseguir sentir raiva dele, eu quebro o contato visual e sussurro algo como: "imbecil". Ele poe suas mãos macias em meu rosto, ele me beija e bem não tem como parar um beijo com Isaac Lahey, mesmo que sua cabeça esteja pegando fogo, é improvável é impossível, depois nos abraçamos. Ficamos naquele abraço um tempo considerável, quando eu penso:

- Se sou tudo o que você tem, o que sou pra você? - Digo com armação em mente

- Não sei, você é o que eu preciso - Novamente confuso ele tenta desenvolver as palavras

- Eu não quero isso, não quero ser sua amiga uma hora e namorada na outra, ou pior, a garota da amizade colorida. Poupe me Isaac, você tem que decidir, entenda, comigo ou é tudo ou nada, e até você decidir vai ser nada - Sorrio adoro fazer o circo pegar fogo, e era isso que estava acontecendo na cabecinha do Isaac, eu dou um beijo simples em sua bochecha e saio. Tudo ou nada Sr. Lahey.

Point of View - Stiles Stilinski

Depois da aula recebo uma mensagem de Allison pedindo para eu falar com ela, espero que não seja algum problema, ao chegar lá bato na porta e ela abre

- Entra por favor - Ela fala, parecia um pouco abalada. Eu entro e sento no sofá

- Está tudo bem? - Digo preocupado e ela assente com a cabeça, contudo seu semblante era triste parece que ela iria chorar. Ela no sofá e me olha

- O que aconteceu? - Minha preocupação só aumenta

- É o Scott, nós estamos passando por momentos difíceis, e a Lydia? Ela não está aqui, eu precisava de alguém pra desabafar, tem problema?

- Não, não, não, pode falar comigo - Sorrio com um toque de pena

- Ele nem fala mais comigo direito, Stiles, é como se nem conhecesse direito, eu queria que ele me desse carinho e atenção, mas pensar que ele prefere brigar com os vampiros a ficar comigo é como uma se meu peito fosse golpeado com uma faca inúmeras vezes

- Allison, você tem que falar isso pra ele, Scott está passando por dificuldades também, não falo isso porque sou amigo dele falo isso porque sei que é verdade, ele te ama Allison, mas eu também te entendo, e acredito que o Scott tem que saber quem ele vai escolher, os amigos ou a luta, mesmo que a luta seja para proteger os amigos - Falo me sentindo um herói, que textão foi esse? Partiu virar psicólogo. Eu abraço ela e ela sorri

- Obrigada, é exatamente o quê farei

***

Point of View - Allison Argent

Pego meu celular e mando um SMS para o Scott

"Temos que conversar, vem aqui agora mesmo"

Sento em minha cama nervosa, sabia que aquilo podia estar sendo a pior decisão da minha vida, ou a melhor, não sei, mas tudo o que vou fazer agora é necessário. Escuto seis toques na porta, mania do Scott, dar três toques, uma pausa seguida de mais três. Abro a porta tentei manter uma postura seria, mas estava triste e com medo

- Seu pai me deixou entrar - Ele sorri torto e eu deixo ele entrar, ele senta em minha cama e eu o olho, estava tentando formular a frase.

- Scott não dá mais - Digo com os olhos lacremejando e ele me olha preocupado, realmente parece que ele não fazia ideia do que estava acontecendo - Eu não posso mais, não aguento mais, você, você agindo como se eu não existisse, e agindo agora como se estivesse tudo normal, mas não está tudo normal! E você sabe disso - Ele abaixa a cabeça, sabia que eu estava certa - Você vem agindo como se me odiasse - Ele permanece calado - Agora nós parecemos estranhos e está sendo muito difícil - Declaro - Então você vai me amar ou vai me deixar, ou vai concertar o estrago que você fez no meu coração ou vai partir ele mais ainda, porque eu não posso mais estar sendo afastada de você - Nesse momento eu ja desabava em lágrimas, Scott se levantou, veio até mim, colocou as mãos em meu rosto enxugando as lágrimas

- Allison Argent - Ele olha em meus olhos profundamente - Eu amo você, você não poderia ter me amado melhor, eu sei o que está passando e não pense que eu fiquei ao menos uma noite sem pensar em você e em como está sofrendo, como todos estamos, e eu não, eu não tinha o direito de te machucar - Ele acaricia meu rosto - Mas cheguei a um ponto em que isso é tudo que faço, porém eu te prometo, eu vou voltar pra você, até lá, espere minha volta - Ele se aproxima e sela nossos lábios, e eu pude sentir a tristeza dele no beijo, o beijo era calmo, doce, suave, e mesmo com eu tão decidida disso, esperava ele me beijar e então ele falaria que estaria comigo pra sempre, entretanto eu sabia que aquele seria provavelmente nosso último beijo, e então ele simplesmente saiu do meu quarto, e me deixou sozinha em pedaços. Eu somente chorei, agarrada aos meus lençóis, ele falou que não tinha direito de me machucar, mas foi exatamente o que ele fez, eu esperava tudo menos em espera-lo 


Notas Finais


Foi isso, I'm crying scallison </3
Mais tarde posto o especial

Eu ia quase esquecendo me inspirei em umas músicas se quiserem ver a legenda é maravilhosa

•Love me or leave me - Little mix
•Already a gone(acho que escreve assim)
• Hold back the river (tenho um crush por essa)
•Photograph - Ed Sheeran(Meu amorzinho)

XOXO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...