História And Nothing Else Matters - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Haikyuu!!
Tags Angst, Drama, Morte, Takeda Ittetsu, Ukai Keishin, Ukatake
Exibições 103
Palavras 441
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Musical (Songfic), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


[TW - Aviso de gatilho para morte por AVC]

Boa noite, seus lindos!
Esta fanfic é uma homenagem ao dublador (seiyuu) do Ukai, Kazunari Tanaka, falecido anteontem (10/10). Como já escrevi várias vezes para alguns leitores, a morte também é minha força motriz para escrever (por mais estranho que pareça), pois é escrevendo que eu lido melhor com a morte. Além disso, mês passado perdi o meu padrasto e esse é um dos principais motivos que eu passei um tempinho sem escrever. Prefiro falar disso melhor na minha próxima fanfic, "Ohne Dich", que é uma homenagem a ele.

A música de inspiração para este escrito é "Nothing Else Matters" (mais conhecida como "a música do Guitar Hero"), da banda norte-americana Metallica. Quem quiser ouvir a música, ter uma nostalgia, link nas notas finais e créditos de imagem da capa, infelizmente, em branco, pois o Google não conseguiu me passar a fonte de tão repostada que foi (aliás, agradeço quem puder me indicar a artista nos comentários para eu creditá-la devidamente ou até mesmo refazer a capa, caso a artista não permita a reprodução da sua obra).

Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction And Nothing Else Matters - Capítulo 1 - Capítulo Único

 Sentado no banco de um hospital na Prefeitura de Miyagi, no Japão, o professor Ittetsu Takeda esperava. Ele, o médico, chegou e as notícias não eram mesmo das melhores:

— Infelizmente, o AVC do Senhor Keishin Ukai foi irreversível e ele acabou de ter morte cerebral e...

Takeda, abraçado a mãe e o avô de Keishin, compreendeu que aquele era o fim. Apesar de negar-se, ele sabia que o último adeus e as declarações de amor do técnico do time de vôlei no colégio no qual lecionava, Karasuno, para ele era a despedida. Antes da fatídica manhã em que Ukai teve o AVC, enquanto dirigia seu carro na rua, Keishin e Ittetsu tiveram uma apaixonada noite de amor, na qual o técnico falava “coisas estranhas” como “cuidar dos meninos”, “cuidar da mãe e do avô dele”, “nunca jogar fora os CDs do Metallica dele”, “ter vivido uma vida feliz”, além de abraçá-lo forte e repetir o quanto amava o namorado... até a despedida final, com direito a ajoelhar-se para o professor e dizer que cuidaria dele para sempre.

Um turbilhão de pensamentos vindos como uma avalanche e uma decisão a tomar com as palavras seguintes do médico. Em comum acordo com a família Ukai, Takeda respirou fundo e anunciou a decisão, chorando muito:

— Sim, pode desligar os aparelhos dele e, por favor, doem os órgãos dele. Que o fim da vida dele seja o início de uma nova e tenho certeza que, de onde o Kei-chan está, ele estará muito feliz em saber que até no último momento, ele fez o que mais gostava: ajudar os outros. Afinal, quando vamos embora desse mundo, nada mais importa.

Após sair do abraço da família Ukai e do médico, ambos totalmente empáticos a perda do “amigo” do professor, Takeda pediu licença para eles para ir até o banheiro do hospital.

Chegando no local, Takeda abriu a porta, entrou no primeiro cubículo privativo, trancou a porta. Sentado em cima da privada, pegou o celular de Keishin, plugou os fones de ouvido, colocou-os nas orelhas, deixou rolar a música favorita do namorado “Nothing Else Matters”, da banda norte-americana Metallica.

[...] A vida é nossa, nós a vivemos do nosso jeito

Todas estas palavras que eu não apenas digo

E nada mais importa
 

Confiança eu procuro e eu encontro em você

Cada dia para nós, algo novo

Mente aberta para uma nova visão

E nada mais importa […] ”

E ali, na privacidade, Takeda finalmente pode soltar o restante das lágrimas pela perda do namorado. A perda do homem da vida dele, o eterno “Rei dos Corvos”.

Kazunari Tanaka (1967 — 2016) — O eterno Corvo Rei dos Planetes


Notas Finais


Link de "Nothing Else Matters" - Metallica: https://www.youtube.com/watch?v=tAGnKpE4NCI

Link desta fanfic repostada no Nyah em breve.

Até a próxima ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...