História Angel - Fanfic Im Jaebum (JB) GOT7 - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens Personagens Originais
Tags Got7, Im Jaebum
Visualizações 44
Palavras 1.492
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Visual Novel
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heeey, mais um capitulo que acabou de sair do forno, espero que gostem e boa leitura.

Capítulo 16 - Beijo?


Fanfic / Fanfiction Angel - Fanfic Im Jaebum (JB) GOT7 - Capítulo 16 - Beijo?

Im Jaebum P.O.V. On

Quando vi Eunbi tive a certeza que estava apaixonado por ela, quando ela saiu pela grande porta meu coração começou a bater em um ritmo desconhecido por mim, nunca aconteceu isso com nenhuma garota a qual eu havia me relacionado antes, nem mesmo MinHee conseguiu isso. Estava com um sorriso bobo no rosto enquanto ela se aproximava.

-Achei que era impossível você ficar mais bonita que aquele dia em que saímos mas vejo que é possível – segurei em sua cintura e a selei de leve

-Achei que era impossível você ser real, mas agora vejo que é possível – falou me dando o melhor abraço que eu já ganhei.

Abri a porta do carro e ela me olhou com um sorriso e logo entrou, dei a volta no carro e entrei no mesmo. Fomos até o Fliperama, desci do carro e dei a volta para abrir a porta para ela mas ela já havia aberto a porta.

-Ei eu ia abrir a porta – falei cruzando os braços

-Não precisa fazer isso toda vez JB, se não me acostumo – falou dando um rápido selinho em mim

-A mas eu gosto de fazer isso – falei olhando nos olhos da mesma

-Mas não precisa fazer sempre JB, vamos que já estamos nos atrasando e seus amigos podem ficar bravos.

-Okay.

Peguei em sua mão e ela me olhou com um sorriso que era capaz de fazer com que eu me derreta em menos e 5 segundos. Liguei para os meninos para saber onde eles estavam, me disseram que estavam perto da área de fliperama, fomos em direção ao lugar. Chegamos e avistamos os 6 em volta de uma Air Hockey de mesa, Yugyeon e BamBam estavam jogando e os outros assistiam ao jogo.

-Cheguei galeraaa – falei cumprimentando eles

Eunbi P.O.V. On

Chegamos no fliperama e eles estavam jogando aquele jogo dos disquinhos, não sei bem o nome daquilo. JB fez um tipo de toque com todos eles e eu fiquei meio que sem jeito afinal eu nunca tinha saído com eles na minha vida, apenas conversado com eles separadamente algumas vezes.

-Olha quem está aqui – falou Yugyeon vindo em minha direção e bagunçando meu cabelo – como vai?

-Normal, seguindo a vida – falei enquanto ajeitava meu cabelo.

-Oi Eunbi – Falou Jackson me olhando de onde estava

-Olá – falei dando um sorriso tímido

-Então vamos jogar ou vamos ficar parados se encarando? – Falou Jinyoung

Todos seguimos o mesmo até chegarmos em uma parte que tinha uma quadra daquelas de patinação, fomos até o balcão e pegamos patins de nossos respectivos tamanhos e fomos para um lugar colocar os mesmos. Sentei meio afastada deles pois eram separadas a área dos meninos e das meninas não entendi muito bem apenas fui onde me mandaram. Sentei para colocar meus patins e quando estava voltando já com os patins avistei JB e uma menina muito linda por sinal conversando ela parecia muito feliz em vê-lo, ela falava muito empolgada com ele, quando ele foi sair de lá ela puxou o mesmo e deu um beijo nele, eu não sabia o que fazer onde enfiar a cara apenas voltei para o lugar que estava antes, tirei os patins e coloquei eles em cima do banco, coloquei meus tênis. A essa altura meus olhos já estavam cheios de lagrimas, mas afinal, quem era aquela menina? Por que ela beijou ele? Eu não sei como vou sair desse lugar agora. Reuni todas as minhas força que no momento eram quase iguais a 0 e sai daquele lugarzinho com os patins na mão, de cabeça abaixada fui até o lugar para devolver os patins, já estava saindo do lugar quando bato de frente com alguém, ergo a cabeça e vejo Jackson me olhando com um olhar de preocupação.

-Eunbi? Esta tudo bem? Por que você esta chorando? – falou enquanto tentava limpar algumas lagrimas que insistiam em cair.

-Não é importante, diga para os meninos que eu fui embora por não estar me sentindo muito bem, vejo você algum dia Jackson – falei passando pelo mesmo quando ele segura meu braço me fazendo parar – O que foi?

-Se não fosse importante você não estaria chorando, me conta o que aconteceu – falou baixando seu olhar a mim, afinal ele era mais alto

-Eu estava saindo da salinha que eles falaram para mim ir colocar o patins e vi o JB conversando com uma menina, até ai tudo bem mas quando ele foi sair de lá, ela puxou ele e deu um beijo, depois disso não vi mais nada voltei para o lugar tirar meus patins e agora estou aqui e não faço a mínima ideia de onde ele foi parar – falei tentando controlar minhas lagrimas o que não estava dando muito certo

-Deve ter sido a MinHee – Falou com um olhar de preocupado

-Quem é MinHee? – Perguntei secando as últimas lagrimas que caiam em meu rosto

-MinHee é uma ex-namorada do Jaebum, eles terminaram a uns 2/3 anos – falou desviando seu olhar para algo atrás de mim.

-Mas se eles terminaram já faz um tempo por que ela estava toda empolgada conversando com ele e depois ainda o beijou? – falei sem entender nada, afinal só haviam em explicado quem era essa menina e não o proposito dela estar aqui.

-Essa é uma boa pergunta, você não prefere ir falar com o Jaebum sobre isso? – Perguntou voltando seu olhar novamente a mim.

-Eu quero falar com ele, mas não sei se depois do que eu vi ainda terei forças para isso. – falei olhando para ele.

-Você consegue sim, isso pode ter sido apenas um desentendimento afinal, essa MinHee nunca foi flor que se cheire, e eu sei muito como o JB se sente em relação a você não acho que ele faria qualquer coisa que poderia a vir te magoar – falou com as mãos agora em meus ombros.

- Você poderia me ajudar a acha-lo? – Perguntei

-Ele está bem atrás de você a alguns metros de distância, parece bem perturbado por não poder te ver, acho melhor irmos logo antes que eu perca um amigo e você um namorado.

-EI! Ele não é meu... – quando percebi já estava sendo puxada por Jackson.

Ele me levou até onde o JB estava e quando o mesmo me viu veio correndo em minha direção e me abraçou, não consegui retribuir o mesmo afinal ainda estava chateada com essa situação toda.

-Onde você estava? – perguntou olhando no fundo dos meus olhos.

-Estava conversando com o Jackson – falei tentando parecer o menos chateada possível mas estava impossível de isso acontecer, pois era perceptível.

-Podemos conversar um minuto? – perguntou me olhando com um olhar triste

-Claro – falei abaixando a cabeça

Fomos para uma parte afastada de onde os meninos se encontravam, sentamos em um banco, eu ainda não conseguia encara-lo. Era complicado o que eu estava sentindo, estava bem confuso para falar a verdade. Ficamos alguns minutos em silencio, nenhum dos dois sabia como começar aquela conversa.

-Acho que você viu o que aconteceu a pouco tempo – começou ele

-Sim... – respondi ainda de cabeça abaixada

-Eu não sei como começar a explicar isso até porque não tem como explicar uma coisa que nem mesmo eu entendi – virou em minha direção – a única coisa que eu não quero é que você fique assim, não quero te ver triste – falou pegando em minha mão

-Ver ela te beijando foi como uma facada direto no meu coração sabe? Nunca imaginei que gostar de alguém doeria tanto – falei ainda de cabeça abaixada afinal meus olhos estavam marejados.

-Eu entendo que... Espera, vo...você disse que gosta de mim? – falou aparentemente surpreso

-Sim Im Jaebum eu gosto de você, e eu não sei como isso foi acontecer, só sei que é isso e que está doendo muito pois não consigo apagar a cena dela te beijando da minha cabeça, isso fica repetindo, repetindo e repetindo – falei secando uma lagrima que insistiu em cair.

Após minhas últimas palavras apenas pude sentir o macio de seus lábios tocando os meus, e aquela sensação de borboletas no estomago tomou conta de mim, seu beijo era como água gelada em uma tarde de verão ou como um café em uma tarde fria de inverno, era uma das melhores sensações que eu já senti na minha vida, após o selinho ele deu um outro beijo em minha testa e me abraçou como se nunca mais fossemos nos ver.

-Você foi uma das melhores coisas que aconteceu na minha vida, eu não entendo o que tem em você, apenas sei que sou completamente louco por você, sua voz, seus olhos, seu cheiro tudo. Me desculpe por isso, me desculpe por fazer você se sentir assim. – falou ainda abraçado a mim

-Eu sei que aquilo não foi de proposito, mas mesmo assim dói entende? – falei olhando pela primeira vez em seus olhos.

-Você pode deixar eu te ajudar a cuidar dessa dor? Você deixa eu te proteger de tudo que há de mal nesse mundo?


Notas Finais


Espero que tenham gostado, e até a próximaa.
Beijinhos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...